Parivartana Yogas #3- Kahala yogas

esf

Outra modalidade do parivartana Yoga envolve a receção mútua entre o regente da 3ª casa e  o regente de qualquer outra casa, à exceção dos regentes da 6ª, 8ª e 12ª casas. O regente da 3ª casa , representando força, motivação e energia, traz para os assuntos da casa que influencia  um entusiasmo e empenho específicos, energizando assim  a possibilidade de o nativo melhorar essa área da sua vida   com o próprio esforço, de forma gradual ao longo do tempo.

Um Kahala yoga forma-se quando o regente da 3ª casa está em receção mútua (colocado num signo que outro planeta rege e este colocado no signo do regente da 3ª casa) com o regente da 2ª, das casas kendra ou  das casas trinas.  De acordo com alguns astrólogos, umas vezes este yoga produz bons resultados, outras indica falhas de caráter. Este yoga pode afetar negativamente as finanças do nativo e produz altos e baixos na vida. Mas, basicamente, produz resultados de acordo com os significados da casa que o outro regente rege. A 3ª casa , como referimos , representa coragem, força, motivação , poder de comunicar e energia para fazer coisas e este é o ponto de partida da interpretação do yoga: a pessoa manifesta grande energia para levar a cabo as atividades representadas pelos significados da outra casa relacionada. O nativo com este yoga deve alcançar o sucesso através do próprio esforço nos assuntos regidos pela  outra casa além da 3ª casa. Assim se, por ex., num horóscopo com Ascendente Balança, Júpiter , o regente da 3ª casa, está em receção mútua com o regente da 5ª casa, Saturno, isso significa que o nativo aplicará esforço e energia consideráveis no desenvolvimento da área de vida representada pela 5ª casa: a educação dos filhos e os cuidados prestados aos filhos, a sua própria educação superior, alguma atividade artística ou criativa etc., aplicando as características do regente da 3ª casa, Júpiter- sabedoria, justiça, bondade e generosidade, ensino pelo exemplo, etc. na concretização desse propósito. Assim, esta pessoa beneficia da energia de Júpiter, bem mais amigável e flexível, para governar os assuntos da 5ª casa, melhorando as tendências de Saturno para o dogmatismo e para a rigidez, o que permite, neste caso, melhorar as capacidades do nativo ao nível da inteligência- Saturno tem um pensamento lógico frio e distante ou excessivamente pragmático; Júpiter associa a sua intuição e capacidade de visão global, bem como a inteligência emocional e o nativo fica com uma autoexpressão mais rica.

Existem algumas versões do yoga Kahala,  atribuídas a Parashara- Brihat hora Sastra e Vaidyanatha Dikshita–  Parijata Jataka  nas quais as casas envolvidas no yoga são as casas kendra e trinas mas tal consiste num erro, porventura causado por  uma fragmentação  no texto original, uma vez que se confunde aqui o Kahala yoga com o Maha yoga, outro tipo de Parivartana yoga.

Na interpretação dos resultados do yoga devemos ter em conta a relação natural entre os planetas envolvidos e a sua força. O yoga produz resultados durante o dasha /antardasha dos planetas  e/ou quando os planetas envolvidos no yoga regressam à posição de  nascimento por trânsito.

Leave a Reply