Kusuma Yoga

bem

Este é um yoga simples  de compreender. Forma-se quando Júpiter está colocado no Ascendente, a Lua está colocada na 7ª casa e o Sol está colocado na 8ª casa a partir da Lua. Assim, para uma pessoa com Ascendente Caranguejo, Júpiter está colocado no signo da sua exaltação, no Ascendente, a Lua está colocada no signo de Capricórnio na 7ª casa e o Sol está colocado no signo de Leão, na 8ª casa a partir da Lua. Esta combinação é, como é fácil de perceber, bastante poderosa pois temos Júpiter e o Sol muito bem colocados, o Sol  no próprio signo e Júpiter no signo de exaltação.

Uma outra versão deste yoga, referida por Parashara, diz que o yoga Kusuma se forma quando: o Ascendente ocupa um signo fixo (Touro, Leão, Escorpião ou Aquário); Vénus ocupa uma casa kendra; a Lua está  colocada numa casa trina  em conjunção ou em aspeto com um planeta benéfico; Saturno está colocado na 10ª casa.

Num outro livro clássico da Astrologia Jyotish, da autoria de  Vaidyanatha Dikshita (século 14 ou 15)  o Jataka Parijata,  é dada a mesma versão do yoga Kusuma , com uma alteração: a Lua está colocada numa casa trina mas não precisa de estar em conjunção nem em aspeto com um planeta benéfico. Estas são versões mais restritas do yoga, pois  este só pode existir para alguns signos Ascendentes mas  tem a autoridade do grande mestre da Jyotish Parashara, pelo que  é de considerar.

Este yoga torna a pessoa «igual a um rei», «fundador de uma cidade» , um chefe, protetor da família e dos amigos e com uma reputação sem mácula. Muitos homens importantes no governo e nas instituições do seu país/cidade nasceram com este Yoga formado no horóscopo, sendo encontrados muitos líderes políticos  de renome com este yoga e que se tornam conhecidos para além do seu país. O nativo também goza de prosperidade e recebe uma boa instrução.

Os efeitos deste yoga, como o de qualquer outro, são afetados pela associação entre os planetas que o formam e algum planeta maléfico, sendo que, em tal situação de aflição, os yogas podem produzir  apenas um quarto  ou menos dos efeitos esperados.

A razão pela qual este yoga produz efeitos tão extraordinários é porque ele resulta  da mistura entre vários yogas: a relação entre Júpiter e a Lua  forma o yoga Gaja Kesari  pois a Lua e Júpiter estão em kendras mútuas; por sua vez, a colocação do Sol na 8ª casa a partir da Lua coloca-o na 2ª casa, enquanto  Júpiter estará na 12ª casa em relação ao Sol, o que forma o yoga Subhavasi . Sendo uma combinação de yogas, o  yoga Kusuma dará efeitos  relacionados com o yoga mais forte que está  incluído na sua configuração. Isto também indica o período de frutificação do yoga pois, se o yoga Subhavasi for mais forte, então teremos a sua frutificação no período dasha/subperíodo de Júpiter/Sol  ; se o yoga Gaja kesari for mais forte, frutificará no período dasha/subperíodo de Júpiter/Lua. É de notar que, neste yoga , o maior planeta benéfico- Júpiter- está associado com dois fatores básicos e fundamentais do horóscopo, que são o Sol e a Lua, daí a importância dos seus efeitos.  Porém, antes de prever os efeitos do yoga Kusuma é preciso ver  a natureza funcional dos planetas: se Júpiter, a Lua e o Sol tiverem uma natureza funcional benéfica, são de esperar  muito bons resultados, se uns tiverem natureza benéfica e outros natureza maléfica, resultados mistos serão de esperar, no período dasha ou subperíodo dos planetas envolvidos. Mas, se a sua natureza for funcional maléfica, os efeitos positivos do yoga serão bastante reduzidos.

Leave a Reply