Signo Leão na 5ª Casa do Horóscopo

signo Leão na 5ª casa do horóscopo

Continuamos a descrição dos efeitos dos signos nas casas do  horóscopo, hoje com a descrição dos efeitos do signo Leão  na 5ª casa do horóscopo. Para uma breve descrição dos significados da 5ª casa, por favor clique aqui.

Quando o signo Leão ocupa a 5ª casa do horóscopo- o que acontece para o Ascendente Carneiro– os nativos são extremamente criativos e dinâmicos, são aficionados do desporto e da atividade física que revela a sua boa forma e têm orgulho no seu corpo físico, que podem esculpir para adquirir um porte atlético e uma musculatura desenvolvida  sempre em forma.  Possuem uma inteligência muito criativa e gostam de inovar. São intuitivos e procuram continuamente novas formas de se expressar.

Os nativos com Leão na 5ª casa são competitivos, tanto no amor, em que adoram o prazer da conquista, como na vida em geral. Tendem a querer ficar em primeiro lugar também ao nível do conhecimento e da inteligência, gostam de ser os primeiros em termos académicos e podem competir bastante para o conseguir. Este espírito competitivo pode revelar-se também na área do desporto, em que farão tudo para obter o primeiro lugar do pódio em todas as competições de que fizerem parte. Podem ter uma atividade desportiva profissional, como atletas, embora prefiram desportos em que não precisem de trabalhar em equipa. Podem igualmente escolher uma atividade em que a força física se associe à criatividade, para poderem brilhar em toda a intensidade da sua individualidade. São igualmente amantes das artes- cinema e teatro, música, etc.- são igualmente aficionados da moda e gostam de se vestir de forma exclusiva e impecável. As atividades de lazer e a profissão andam bastante à volta da sua identidade, o seu próprio eu é o  seu maior ponto de interesse e a vaidade e o orgulho são traços pronunciados do seu caráter.

Se forem do tipo espiritualmente desenvolvido, são também capazes de pensar nos outros e de serem generosos com os outros, fazendo ações que os beneficiem. Uma vez mais, isso pode acontecer ,não por causa de um genuíno interesse  por essas pessoas, mas porque precisam de ter uma imagem de si próprios que seja nobre e altruísta.  Estes nativos muitas vezes não têm filhos ou, quando decidem tê-los , isso pode acontece mais tarde na vida. Geralmente, não lhes dedicam grande atenção, por estarem demasiado ocupados consigo próprios: buscam destacar-se da vulgaridade, tornar-se famosos, célebres….mas, em geral, os filhos destes nativos, quando existem, acabam por  se dar bem na vida e por serem criativos e inteligentes.

No amor,  são dramáticos , sensuais e muito apaixonados mas também caprichosos. O seu romantismo tem muito de «fabricado», de teatral, sempre que se apaixona, estes nativos constroem uma personagem e vivem, através dela, uma «estória», idealizada pela sua fantasia e pela necessidade que o seu ego tem de experimentar papeis, de viver na pele de múltiplas personagens. São muito dados ao flirt e vivem cada paixão como algo único e efémero, podendo apaixonar-se muito facilmente, mas sem se envolverem muito com o alvo dessa paixão e o fogo que a alimenta dura em geral pouco. Nada que os prenda durante muito tempo ou os desvie verdadeiramente do seu foco de interesse que são eles próprios.  Outro ponto de interesse fundamental é o jogo sob todas as formas e a especulação, que permite sentir a adrenalina do risco e da vitória, quando têm sucesso.

O Signo Leão é  um signo real, aristocrático, intuitivo e com o dom de trazer a inspiração do Fogo Divino para qualquer tipo de expressão no mundo terreno.  É uma energia que procura individualizar-se, criando continuamente novas expressões de si mesma. É também um signo de autoridade, do pai, da figura protetora que congrega os outros à sua volta para os iluminar. É o rei, o governante e, por isso, não é fácil para os nativos sob a sua influência, subordinarem-se a ninguém. Quando estes nativos têm talento artístico, sentem-se de imediato com direito ao estatuto de estrelas, com o consequente comportamento, nem sempre respeitador do esforço de todos os outros que colaboram consigo. Tendem sempre a pensar que o mérito é todo seu e nenhum dos outros.  O mesmo acontece em relação à expressão da inteligência ou das ideias :nunca reconhecem que outros possam compreender ou conhecer melhor do que eles.

O Sol, o regente de Leão, simboliza o pai, todas as figuras de autoridade , os líderes incontestados e iluminados e, dependendo da sua colocação no horóscopo assim o nativo será mais  aberto à generosidade para com os outros ou, pelo contrário, gerará a tendência para pensar que é o único que sabe, que tem razão e, por isso, não vale a pena perder tempo a escutar os outros e menos ainda a colaborar com eles. Leva a pessoa a querer deixar a sua marca única no mundo, através de uma posição de autoridade e, como regente da 5ª casa, leva os nativos a quererem distinguir-se através da via artística, desportiva, política e, em certos casos, religiosa, embora com características diversas das da religião dominante.  Estas pessoas gostam igualmente de brilhar onde quer que estejam e de chamar as atenções sobre si. Gostam de se divertir, de passear o seu brilho em festas, espetáculos, etc..e não suportam que, no mesmo local, existam outros come eles.

Os filhos destes nativos, quando existem, são criativos e inteligentes, podem ser bastante estimulados por um ambiente artístico que os inspira muitas vezes a seguir as pisadas parentais.  O pai é em geral um modelo fundamental nas suas vidas.   Tendem, no entanto, a ser educados com disciplina e autoridade, mesmo quando o pai está envolvido em atividades que lhe deixam pouco tempo para passar com os filhos.  O modelo de educação é, no entanto, geralmente diferente do modelo convencional. Os filhos são educados a partir das próprias regras do pai, e não tanto da sociedade ou as regras aceites pelos outros e isso acaba por  dar uma dimensão bastante individualizada ao seu processo de crescimento, levando-os a desenvolver eles próprios uma noção de educação que não coincide com os modelos geralmente massificados da sociedade.

Na educação, estas pessoas  preferem métodos individualizados de estudo, que recorram mais à criatividade do que à repetição. Cansam-se e rejeitam aprender através da simples memorização e gostam de ser estimulados para pensar de forma criativa e diferente do habitual. Preferem as matérias onde a criatividade e a expressão plástica ou dramática sejam o ponto fundamental. São inteligentes e intuitivos mas aborrecem-se com modelos de aprendizagem passivos e rotineiros. Aprendem melhor através da ação do que pela leitura ou audição passiva das matérias.

 

Deixe um comentário