Conjunção Sol Júpiter na 2ª Casa Signo Touro

Conjunção Sol Júpiter na 2ª casa signo Touro capa

Para saber os efeitos da colocação do Sol na 2ª casa, leia o artigo aqui.

Quando Júpiter ocupa a 2ª casa do horóscopo favorece tanto a riqueza material como espiritual e mental: atrai dinheiro e todos os tipos de tesouros, materiais e espirituais: esta é uma posição excelente para os que têm uma carreira musical como cantores ou compositores; favorece uma boa e bela voz, dá talento poético e literário e capacidade para aprender várias línguas. O princípio de expansão de Júpiter pode, no entanto, causar algum exagero na expressão, o que é positivo para os que fazem do uso da palavra uma profissão como os comediantes, cantores, os que falam em público, etc..Para os restantes, pode causar algum embaraço de vez em quando. Também produz em geral uma excessiva autoconfiança em relação àquilo que se sabe, ou seja, em relação à qualidade e quantidade dos próprios conhecimentos, nem sempre de acordo com a realidade. Pode ser algo irritante ouvir estas pessoas a falar como se soubessem mais do que todas as outras em qualquer situação. Devido ao mesmo princípio expansivo, podem falar mais alto do que  seria necessário, têm tendência para projetar a voz, o que é bom para um ator e cantor mas não é agradável em muitas outras situações. Do mesmo modo, podem gostar de comer demais, beber demais, etc.. Tendem a exagerar em relação a tudo o que possuem, seja em relação às posses materiais seja em relação aos conhecimentos e virtudes espirituais.

Os nativos com Júpiter na 2ª casa dão importância aos conhecimentos- especialmente os de carater financeiro, histórico, linguístico, que consideram serem posses valiosas. Veem a sua família como uma linhagem que contribuiu para a melhoria cultural e, muitas vezes, os seus ancestrais foram professores, pregadores, pessoas cultas e instruídas. Os nativos com Júpiter na 2ª casa usam o discurso como forma de expressão privilegiada e falam em geral de forma amável , pondo muito do seu espírito naquilo que dizem. Gostam de se ouvir falar colocando energia positiva  no discurso, calor e emoção. Adoram o efeito de adesão que o modo como falam ou declamam (poesia por ex.,) atrai a multidão e provoca nesta adesão e emoção.

Alguns nativos adquirem uma perceção exagerada acerca da linhagem familiar. Podem também falar de forma algo pomposa. Por outro lado, gozam em geral de muito apoio por parte da família e esta não se poupa em elogios aos  talentos, conhecimentos e méritos do nativo pelo que este em geral cresce a ouvir que é excecional, o que aumenta a tendência para formar uma autoimagem excessivamente confiante acerca de si próprio. Uma coisa é certa, Júpiter na 2ª casa dá grandes capacidades de oratória e talento para galvanizar os outros através do discurso.  O orgulho na história da família leva estes nativos a ter coleções e tesouros de família de largas proporções aos quais atribuem grande valor sentimental (além do óbvio valor financeiro, claro).

As mulheres com Júpiter na 2ª casa valorizam a capacidade de o marido (simbolizado por Júpiter) acumular e ganhar riqueza e a quantidade de riqueza de que este dispõe pode ser  um critério mais importante do que outros na escolha do companheiro de vida, sobretudo no 1º casamento. Casar numa «boa família» cuja linhagem tem tradição e autoridade pode ser outro fator essencial. Possuir bens é um fator indispensável para a felicidade conjugal, na ótica destas pessoas.

Segundo os clássicos, quando Júpiter está colocado na 2ª casa a pessoa tem muitas vezes um casamento tarde na vida. O nativo tem em geral boa aparência, riqueza, conhecimento e instrução, é atraente, amável, talentoso, tem consciência social e é generoso e caridoso, além de modesto. Obtém favores do governo por volta dos 27 anos. É rico, feliz, tem um cônjuge atraente. Mas cria adversários com o estilo contundente e franco de falar. É generoso e polido, tem consideração pelos outros, gosta do saber e do estudo e de acompanhar com pessoas nobres. Obtém riqueza dos negócios e tem bons carros. Acumula riqueza financeira e poder sobre outros, político e/ou social.  Por volta dos 16 anos obtém riqueza pessoal. É sábio , inteligente e forte. Acontece separação do pai cedo na vida ou morte deste e sem deixar património. Quando o pai vive há hostilidade na relação com ele. Gosta de poesia, tanto de a escrever como recitar. Possui uma mente justa e inclinada para a devoção espiritual ou a religião. Dá um bom juiz. Esta posição não favorece a vida sexual e há muitas vezes pouco interesse por esta. Estas pessoas valorizam a honra. Apresentam-se de forma modesta.

Para saber os efeitos da colocação do Sol no signo Touro leia o artigo aqui.

Quando Júpiter está colocado no signo Touro  a acumulação de riqueza material e de conhecimento são muito valorizados.   Quando Júpiter está colocado em  Touro, os efeitos dependem muito da natureza funcional de Júpiter e de Vénus no horóscopo e das casas que estes regem. Vénus vê Júpiter como inimigo enquanto Júpiter é neutro em relação a Vénus. Os aspetos lançados para a 2ª casa e/ou para as casas que ambos regem também podem influenciar consideravelmente os efeitos desta posição.

A tendência geral de Júpiter no signo Touro é para expandir a acumulação e o ganho dos bens materiais financeiros e sensuais, não havendo no entanto grande espaço para o desenvolvimento espiritual pois Júpiter fica inibido das suas qualidades espirituais na casa/signo de Vénus.  Os nativos acumulam e colecionam todo o tipo de posses e de bens, dedicando também boa parte da sua energia aos relacionamentos em que prevalecem os fatores sensuais. Júpiter expande o amor por tudo o que é belo, desde as formas de arte à Natureza vista como uma fonte inesgotável de abundância e de formas belas. Estes nativos são apreciadores da boa vida e de todos os prazeres sensuais e gostam de se relacionar com pessoas com os mesmos gostos e abordagens da vida.

Júpiter perde aqui as características espirituais habituais, o que significa que os nativos com esta colocação  não pensam muito nos que precisam de ajuda ou são necessitados, dedicando-se totalmente a usufruir do seu estilo de vida em companhia daqueles que têm posses semelhantes e possibilidades semelhantes. Podem, no entanto, participar em ações de caridade organizada em favor dos mais pobres e envolver-se na recolha de bens para estes desde que não tenham que fazer nada desagradável para esse efeito. Ou seja, podem dar e doar bens e dinheiro mas não querem contactar com a pobreza nem com o lado menos glamoroso da vida dos pobres. Mas vivem essas ações como ocasião de mais um encontro social ou uma festa , sem tomar consciência dos aspetos feios da realidade dos menos favorecidos.

Os nativos com esta posição criam laços com os outros tendo por  base o prazer que a sua companhia lhes traz.  Podem ter uma faceta escondida por detrás dos comportamentos socialmente «respeitáveis». Assim, apesar de manterem uma imagem de respeitabilidade, a natureza fortemente sexual e sensual pode levar estas pessoas a manter uma vida secreta onde exploram todos os desejos que a sociedade poderia considerar indesejáveis ou excessivos.

Segundo os clássicos, estes nativos vivem uma vida longa embora possam ser doentes. Têm uma natureza contraditória , mantendo uma imagem sóbria mas vivendo de forma pouco equilibrada. É vulgar também serem acometidos por sentimentos de culpa por causa disso.

Júpiter no signo Touro favorece e expande o talento para o uso da voz, o canto, o amor pela arte, pela cultura e pela História. Produz talento para o conhecimento financeiro e estas pessoas podem tornar-se conselheiros ou analistas financeiros. Podem ser excelentes contabilistas e investidores.  Estas pessoas, basicamente, usam o intelecto para acumular riqueza.  Sabem de forma intuitiva quais são os investimentos que vão trazer retorno e podem ganhar muito. Podem também ter sucesso na educação como professores, gerando simpatia e fácil adesão ao que dizem; podem ser cantores, oradores públicos, etc.. Podem ganhar bastante fazendo conferências sobre arte, História, investimento e finanças, etc..Perdem, no entanto, a habitual  preocupação de tratar todos da mesma forma, deixando de se interessar pelos mais pobres e fracos da sociedade.  No signo de Vénus, apenas os objetivos relacionados com riqueza e o seu aumento, prazer e felicidade são alvo de atenção. Este é o efeito de estar colocado num signo inimigo cujos aspetos materialistas escondem o lado espiritual da realidade de Júpiter.

As pessoas que têm Júpiter no signo Touro não têm, no entanto, intenção de dar aos  outros os mesmos prazeres que anseiam para si, simplesmente não pensam nisso por estarem tão focados nos seus próprios desejos e fruições.

Nem todos os que têm Júpiter no signo Touro são ricos embora todos tenham um enorme interesse por essas matérias. Os aspetos de outros planetas alteram. obviamente os resultados da posição de Júpiter neste signo.

Conjunção  Sol  Júpiter  na 2ª casa  Signo Touro

As posses e tudo o que é valioso para o nativo são iluminados e expandidos. A espiritualidade torna-se um bem valioso para estas pessoas, tal como outras coisas de natureza material. A influência de Júpiter sobre o Sol torna os nativos generosos e caridosos, gostando de ajudar os outros sem interesses egoístas. São próximos da família e têm bons amigos, bem como alguém cuja sabedoria e autoridade moral lhes serve de guia. Quando o Sol é muito forte, os nativos podem sofrer de distúrbios digestivos.

A conjunção do Sol e de Júpiter na 2ª casa indica que o nativo possui sabedoria, não mero conhecimento teórico mas verdadeira sabedoria, o conhecimento acompanhado de moral e ética que permite fazer juízos corretos e tomar boas decisões na vida.

Porém, para avaliar os efeitos desta conjunção na 2ª casa do horóscopo convém ter em conta, como dissemos antes, a natureza funcional do Sol e de Júpiter , o signo e o grau em que cada um se encontra colocado. Com efeito, apesar de o Sol e de Júpiter terem uma relação de amizade e, num sentido mais elevado, cada um representar  o aspeto divino da natureza humana, a verdade é que ,em certas casas e signos ,esta conjunção produz resultados bem diferentes.  A 2ª casa é uma casa de posses, tanto materiais como espirituais e mentais mas, no plano terreno em que nos encontramos, é grandemente confundida com as posses materiais e a riqueza mundana que cada um consegue acumular. Este sentido materialista repercute-se muitas vezes na ânsia de ter muitos bens e alcançar status e poder na sociedade. O Sol é uma energia individualizada e, como tal, pode facilmente identificar-se com   os desejos egoístas  e dirigir o seu foco para a aquisição de bens que trazem poder e autoridade no mundo terreno. Assim, quando está colocado na 2ª casa, produz o desejo de ter mais e mais posses, quaisquer que estas sejam para um determinado indivíduo e isto tanto pode referir-se a ter muito dinheiro, carros, casas, ocupar uma posição de autoridade como pode referir-se ao desejo de ser o mais sábio e ter mais e mais conhecimentos que também acabam por se traduzir num certo estatuto e autoridade que são reconhecidos pelos outros. Mas o foco é sempre colocado no próprio indivíduo e não nos outros a quem o seu saber ou a sua riqueza pode ajudar de algum modo. Se, por outro lado é Júpiter que está no grau inferior do signo em que se dá a conjunção, Júpiter expande as qualidades mais espirituais do Sol e o indivíduo valoriza principalmente os bens espirituais, a cultura, o conhecimento, o desenvolvimento espiritual. Mas a ação de Júpiter pode ficar inibida em alguns signos e isto leva-nos a considerar que, no signo Touro, Júpiter terá muito mais dificuldade em trazer para a conjunção os efeitos positivos e espirituais que habitualmente dá. Assim, se esta conjunção se dá na 2ª casa e também no signo Touro podemos ter um indivíduo que é um génio no plano financeiro, um guru na área dos investimentos e dos negócios e ganha muito dinheiro e cujo objetivo fundamental na vida é exatamente esse, ganhar mais e mais dinheiro para provar a si e aos outros que é o melhor , o mais sabedor, verdadeiramente imbatível na área dos negócios. Poderá viver completamente focado nestes objetivos materiais e procurar satisfazer o seu desejo sensual de todos os prazeres da vida terrena, desde comer e beber ao sexo, etc.. A conjunção com Júpiter fá-lo-á manter uma imagem sóbria de respeitabilidade perante a comunidade mas na vida privada poderá dar-se a todos os excessos sem pensar muito nas consequências a não ser na sua própria satisfação pessoal.

 

Deixe um comentário