Efeitos Gerais dos Antardasa no Dasa de Júpiter #4

luz

Antardasa de Marte

Este subperíodo dura 11 meses e é mais efetivo após os 28 anos, idade de maturação de Marte. Para avaliar os seus efeitos procedemos, como habitualmente, analisando a casa de colocação de Marte, as casas que ele rege no horóscopo, os aspetos que recebe na posição de nascimento, os trânsitos que recebe durante o seu período antardasa e o nº de casas que separam Júpiter, o regente do dasa, de Marte.

Para os signos Ascendentes Caranguejo e Leão Marte é um planeta yogakaraka pelo que o seu antardasa pode ser especialmente favorável para os aspetos materiais e mundanos, podendo trazer melhorias na vida profissional e na carreira e  aumentar o poder e influência do indivíduo na vida comunitária e profissional.

Para os signos Ascendentes Peixes  e Balança pela regência da 2ª casa e para os signos Ascendentes Touro e Balança pela regência da 7ª casa, Marte pode tornar-se um planeta maraka no seu antardasa, indicando o final da existência se o resto do horóscopo o confirmar.

Segundo Parashara,  são os seguintes os efeitos deste antardasa de Marte:

Quando Marte está colocado no signo de exaltação, no próprio signo ou no seu próprio navamsa ou  no navamsa de exaltação, o seu antardasa traz eventos felizes como casamento, aquisição de bens  como propriedade de terras, aumento de força e de coragem, sucesso em todos os empreendimentos.

Quando Marte está colocado numa casa trikona ou numa casa kendra ou na 2ª ou na 11ª casa e recebe o aspeto de um ou mais planetas benéficos, o seu antardasa traz aumento de riqueza financeira e fartura de comida que também é agradável ao paladar, felicidade com o cônjuge e os filhos e outros eventos auspiciosos.

Quando Marte está colocado na 8ª ou 12ª casa a partir de Júpiter, regente do dasa, ou está debilitado ou em conjunção com planetas maléficos ou recebe  algum aspeto de  planetas maléficos, no seu antardasa há perda de riqueza financeira, perda da casa , problemas nos olhos e outros eventos inauspiciosos. Nesta situação, o começo do antardasa será particularmente difícil, melhorando um pouco mais tarde.

Quando Marte rege a 2ª ou a 7ª casa, no seu antardasa há sofrimento físico e mental.

Quando Marte recebe o aspeto de Júpiter ou quando estes planetas estão em conjunção, o dasa de Marte será muito afortunado enquanto o de Júpiter dará resultados medianos.

Antardasa de Rahu

Este antardasa tem a duração de  29 meses e é o período final do dasa de júpiter, sendo assim um chida-dasa.  Este período dará efeitos mais efetivos após os 48 anos, idade de maturação de Rahu. Para avaliar os seus efeitos procedemos como referido para o antardasa de Marte, com a diferença de que analisamos também os fatores referidos para o planeta que rege a casa onde se encontra colocado Rahu (seu dispositor) pois este influencia os resultados deste subperíodo, que dá resultados de acordo com a casa em que se encontra colocado Rahu e também a ou as casas que o planeta dispositor rege. Se, no horóscopo, existir uma conjunção ou aspeto entre Júpiter e Rahu, os efeitos deste período são amplificados. Durante  este antardasa figuras que personificam  alguém que é uma autoridade pelo seu saber , valor moral ,  liderança religiosa,  um  patrono, figura paterna ou seu substituto,  podem aparecer na vida da pessoa ou algumas existentes que tenham este padrão poderão sofrer uma transformação ao longo do período, geralmente através da  sua desmistificação: o seu caráter aparentemente impoluto ou «perfeito» ou «santo» revela-se como uma ilusão, havendo o corte dos laços existentes com ele, perdendo-se o sentimento de respeito ou veneração pela descoberta de falhas de caráter, etc.. Assim, ao entusiasmo inebriante que pode acompanhar, no começo, a interação com estas figuras, segue-se a deceção final quando é   descoberto o caráter ilusório ou mesmo fraudulento, por vezes, dessa pessoas.

O antardasa de Rahu no dasa de Júpiter pode também trazer aumento de ganhos materiais, embora nem sempre por meios legais. Tais ganhos poderão, no entanto, não ser conservados durante muito tempo.

Sendo um chida -dasa, este antardasa de Rahu é também, como acontece em qualquer final de período dasa, um tempo de libertação e de deixar ir, em relação a dívidas de ou para com outros, expetativas não realizadas, desejos por preencher, objetivos não concretizados, etc.. Trata-se de deitar fora tudo o que se tornou «a mais» antiquado ou irrealizável por estar fora de tempo e também para perdoar, a si mesmo e aos outros, e seguir em frente, liberto (a) para um novo começo no período seguinte.

Durante este antardasa, são frequentes os casos de casamento por paixão, instigado pelo desejo sensual fortemente amplificado pr Rahu. Tais casamentos com a marca da excitação podem ser tão voláteis como qualquer paixão , durando em geral pouco tempo, tanto quanto aquele em que dura a «chama» do desejo que o provocou.  Qualquer chida-dasa, sendo um tempo de finalização e  de corte, não é o melhor período para iniciar o que quer que seja que queremos que seja duradouro.

Quando o planeta dispositor de Rahu rege a 2ª ou a 7ª casa ou quando Rahu está colocado na 2ª ou 7ª casa do horóscopo, o seu antardasa pode indicar qualidades maraka, trazendo o final da existência, se confirmado pelo resto do horóscopo.

Apresentamos a seguir a explicação de Parashara para os efeitos deste antardasa:

Quando Rahu está colocado no próprio signo, signo de exaltação ou mooltrikona (as opiniões  divergem sobre isto: alguns consideram como próprio signo de Rahu Aquário, outros Carneiro; para alguns o signo de exaltação é Gémeos, para outros é Touro; para uns o signo  mooltrikona é Caranguejo, para outros é Gémeos. De qualquer modo, estará bem colocado em qualquer destes signos); ou quando está colocado numa casa kendra ou trikona, ou quando recebe o aspeto de um planeta regente de uma casa kendra ou quando está em conjunção ou recebe o aspeto de um planeta benéfico , no seu antardasa haverá  ganho de riqueza financeira e fartura de alimentos nos primeiros cinco meses, poder sobre uma comunidade ou país , encontro com um líder político estrangeiro, bem estar na família, viagens para terras distantes, visitas a lugares santos.

Quando Rahu está associado com planetas  maléficos ou está colocado na 8ª ou 12ª casa a partir do regente do dasa (Júpiter), no seu antardasa há perigo vindo de ladrões, do governo, de cobras (veneno), feridas; problemas no ambiente familiar e doméstico, desentendimento com irmãos e parceiros, sonhos desagradáveis, perigos por doença, brigas sem razão, etc.

Quando Rahu está colocado na 2ª ou na 7ª casa haverá sofrimento físico no seu antardasa.

 

 

 

Efeitos Gerais dos Antardasa de Júpiter #3

jup

Antardasa de Vénus

Este subperíodo dura 32 meses e dá resultados mais efetivos a partir dos 25 anos, idade de maturação de Vénus. Para avaliar os seus efeitos temos em conta a colocação de Vénus , as casa que rege, os aspetos que recebe na posição natal. O nº de casa que separa o regente do Dasa (Júpiter) de Vénus  e os trânsitos que ocorrem para a sua posição durante o antardasa.

O subperíodo de Vénus no dasa de Júpiter é em geral muito benéfico para a realização do casamento formal.

Para os signos Ascendentes Carneiro e Virgem (regência da 2ª casa) ou Escorpião e  Carneiro (regência da 7ªcasa)  Vénus pode tornar-se um planeta maraka no seu antardasa e trazer o final da existência, quando confirmado pela resto do horóscopo.

Parashara  deixou-nos a descrição dos efeitos deste antardasa:

Quando Vénus está colocado no próprio signo e recebe o aspeto de um ou mais planetas benéficos, ou está colocado numa casa kendra, ou trikona ou na 11ª casa,  o seu antardasa traz ganhos de riqueza financeira através de benefícios do governo, aquisição de veículo; o nativo terá diversão, alegria e felicidade, ganhos extraordinários a partir de viagem para Este, bem-estar na família e felicidade dos pais, atos de devoção  religiosa/espiritual e ações de caridade, etc..

Quando Vénus está colocado na 6ª, 8ª ou 12ª casa a partir do regente do dasa (Júpiter) ou do Ascendente ou está colocado no signo de debilitação (Virgem), o seu anatardasa traz brigas, desentendimentos com a família, sofrimento para o cônjuge e filhos.

Quando Vénus está em conjunção com Saturno ou Rahu ou com ambos, o seu antardasa traz brigas, desentendimento com o cônjuge, disputas com o sogro e com os irmãos, sofrimento causado pelo governo ou autoridades, perda de riqueza financeira.

Quando Vénus está colocado numa casa kendra ou trikona ou na 2ª casa a partir do regente do dasa (Júpiter) o seu antardasa traz ganho de riqueza financeira, felicidade com o cônjuge, interação com altas figuras do governo, aumento do número de filhos, veículos (carro, barco, etc.) diversão com música, associação com pessoas instruídas, prazeres de comida, vontade de ajudar os familiares, etc.

Quando Vénus rege a 2ª ou a 7ª casa, no seu antardasa há perdas financeiras, medo de morte prematura,  antagonismo com o cônjuge, etc..

Antardasa do Sol

O subperíodo do Sol dura 10 meses e tem efeitos mais efetivos a partir dos 22 anos, idade de maturação do Sol. Procedemos como para o antardasa de Vénus, para avaliar os seus efeitos.

O subperíodo do Sol pode trazer o casamento, sempre que o Sol rege o navamsa da 1ª ou da 7ª casa  e há um trânsito de Rahu e Ketu por este eixo do horóscopo. Os casamentos realizados neste período indicam um parceiro que pode ser um líder inclusive político, alguém especialmente criativo e inteligente, alegre, socialmente bem conectado.

Para o Ascendente Caranguejo (2ª casa) e para o Ascendente Aquário (7ª casa) o subperíodo do Sol pode indicar o final da existência se outros fatores do horóscopo o confirmarem, especialmente quando o Sol ocupa ou a 2ª ou a 7ª casa.

Damos a seguir a explicação dos efeitos deste antardasa, segundo Parasahra:

Quando o Sol está colocado no signo de exaltação, ou no próprio signo, ou numa casa trikona, ou kendra, ou na 2ª, 3ª ou 11ª casa e está forte, o seu antardasa, traz  respeito dos outros, ganho de riqueza financeira, felicidade, aquisição de veículo, roupas e ornamentos,  nascimento de uma criança, relações cordiais com as instituições e o governo, sucesso nos empreendimentos.

Quando o Sol  está colocado na 6ª, 8ª ou 12ª casa a partir do Ascendente ou do regente do dasa (Júpiter), no seu antardasa há problemas de saúde como nervosismo, febre, falta de energia, indulgência em fazer más ações, preguiça e antagonismo em relação aos outros, separação da família e sofrimento sem causa.

Quando o sol rege a 2ª ou a 7ª casa, no antardasa haverá sofrimento físico.

Antardasa da Lua

Este antardasa dura 16 meses e dá resultados mais efetivos a partir dos 24 anos, idade de maturação da Lua. Para avaliar os seus efeitos, temos em conta as indicações gerais dadas atrás, lembrando ainda que os aspetos recebidos pela Lua, bem como a posição do planeta que rege o signo onde a Lua está colocada influenciam os efeitos produzidos que têm em geral  ligação com as emoções, a segurança e a estabilidade, a mãe, as raízes familiares e sociais, as tradições e a propriedade da família, bem como , a nível social , o sentimento de pertença a  uma terra ou país, local de origem, etc.

O subperíodo da Lua pode ser um bom período para o casamento, quando a Lua rege o navamsa da 1ª ou da 7ª casa e existe um trânsito de Rahu e Ketu por um dos eixos  angulares do horóscopo. Nos casamentos realizados neste período , as qualidades sensíveis e emocionais do cônjuge são relevantes, podendo o parceiro ser alguém que tem vocação  particular para cuidar e nutrir e dar segurança, ou alguém que tem  por objetivo ter filhos, etc..

Para os signos Ascendentes Gémeos (2ª casa) e Capricórnio (7ª casa) o antardasa da Lua pode indicar qualidades maraka e trazer o final da existência, quando confirmado pelo resto do horóscopo.

Indicamos a seguir a explicação de Parashara para os efeitos deste antardasa:

Quando a Lua está brilhante (Lua Cheia), colocada no próprio signo ou no signo de exaltação, ou numa casa trikona ou kendra, ou na 11ª casa e também está numa casa auspiciosa quando contado a partir do regente do dasa, no antardasa   o nativo experiencia  respeito das autoridades, opulência e glória,  felicidade com o cônjuge e os filhos,  tem acesso a boa comida, vê aumentar a sua reputação pela realização de boas ações, há   nascimento de crianças na família, recebe benefícios do governo  que aumentam o seu conforto,  vê aumentar a sua inclinação espiritual.

Quando a Lua está fraca ou associada com maléficos, ou está colocada na 6ª, 8ª ou 12ª a partir do ascendente ou do regente do dasa, o seu antardasa traz perda de riqueza e de familiares, perigo de ladrões e das autoridades, desentendimentos com parceiros, separação do tio materno, problemas para a mãe, andará sem destino por terras estrangeiras.

Quando a Lua rege a 2ª ou a 7ª casa, o seu antardasa traz sofrimento físico.

Efeitos Gerais dos Antardasa no Dasa de Júpiter #2

 

jup2

Antardasa de Mercúrio

Este subperíodo tem a duração de 15 meses e  produz efeitos mais efetivos a partir dos 32 anos, idade de maturação de Mercúrio. Para avaliar os seus efeitos temos em conta  a casa onde se encontra colocado Mercúrio, as casas que ele rege, o nº de casas que o separam de Júpiter- regente do mahadasa- os aspetos que recebe na posição de nascimento e os trânsitos para essa posição durante o subperíodo.

Durante o subperíodo de Mercúrio pode ocorrer o casamento, quando Mercúrio rege o navamsa da 1ª ou da 7ª casa e existe um trânsito de Rahu/Ketu para esse eixo do horóscopo. Este casamento indica normalmente um cônjuge mais jovem ou com aspeto jovem, comunicativo, que pode ter uma carreira ligada à escrita, comunicação ou ao comércio/negócios, ou desempenha alguma atividade como  profissional da voz.

Quando Mercúrio rege a 2ª (Ascendente Touro ou Leão) ou a 7ª casa (Ascendente Peixes ou Sagitário) pode tornar-se um planeta maraka durante o seu subperíodo e indicar o final da existência, se confirmado pelo resto do horóscopo.

Segundo Parashara quando Mercúrio está colocado no signo de exaltação, no próprio signo, numa casa trikona ou kendra ou ainda associado com o regente do dasa- Júpiter- no seu antardasa haverá aumento de riqueza financeira, prazeres para o corpo, aumento de influência e de bens de conforto como roupas e ornamentos e outros bens.

Quando Mercúrio recebe um aspeto de Marte, no seu antardasa aumentará o número de inimigos e haverá perdas nos negócios, nos bens de conforto e nos prazeres e problemas de saúde.

Quando Mercúrio está colocado numa casa kendra, ou na 5ª ou 9ª casa a partir do regente do dasa, ou ainda no signo de exaltação, o nativo obterá aumento de riqueza financeira no seu próprio país, felicidade vinda da família, aquisição de veículo.

Quando Mercúrio  está colocado na 6ª , 8ª ou 12ª casa a partir do regente do dasa ou está associado com um planeta maléfico ,sem receber o aspeto de um benéfico, no seu antardasa haverá perda de riqueza financeira, viagens para países estrangeiros, perigo de ladrões durante as viagens, ferimentos, sensação de queimadura, problemas nos olhos e vaguear incerto por terras estrangeiras.

Quando Mercúrio está colocado na 6ª, 8ª ou 12º casa associado com um planeta maléfico, no seu antardasa haverá sofrimento sem razão, raiva, perdas financeiras e de outros bens, medo de morte prematura.

Quando Mercúrio está colocado em associação com um planeta maléfico mas recebe o aspeto de um planeta benéfico, no início do antardasa haverá alegria, aumento de riqueza, aquisição de roupas e veículo mas no final do antardasa haverá perda de riqueza financeira e sofrimento físico.

Quando Mercúrio rege a 2ª ou a 7ª casa  pode tornar-se um planeta maraka e trazer morte prematura, se isso for confirmado pelo resto do horóscopo.

Antardasa de Ketu

Este subperíodo tem a duração de 11 meses e dá resultados mais efetivos a partir dos 48 anos, idade de maturação de Ketu. Para avaliar os seus efeitos procedemos como para o antardasa de Mercúrio  (pressupondo que aceitamos que Ketu tem a co-regência  de um signo- ) e temos ainda em conta a colocação do planeta regente do signo onde se encontra colocado Ketu.

Os subperíodos de Ketu estão relacionados com libertação ou corte em relação a eventos, memórias, seres ou coisas que estão associados com o passado e que já não desempenham qualquer função útil no desenvolvimento espiritual da pessoa. Assim, este é um tempo de «deixar ir» esse lastro do passado, o que não se faz sem algum sofrimento pois essas coisas de que é preciso libertar-se são profundamente desejadas ainda. Mas só é possível avançar para uma nova etapa deixando-as ficar para trás, o que traz para muitos grande dor que será superada mais tarde, quando a pessoa  finalmente compreende que o tempo dessas coisas já passou e há que seguir em frente.

Quando Ketu está colocado numa casa cujo planeta regente também rege a 2ª ou a 7ª casa, pode tornar-se, no seu antardasa, num planeta maraka. Além do mais, sendo Ketu um karaka (significador) de corte, amputação ou separação, os seus períodos trazem sempre a possibilidade de corte ou separação de todas as formas físicas, incluindo co corpo físico ou partes dele.

Damos a seguir a interpretação do sábio Parashara para os efeitos do antardasa de Ketu:

Quando Ketu está associado com um planeta benéfico ou recebe o aspeto de um planeta benéfico, no seu antardasa pode esperar-se alegria moderada, ganhos médios de riqueza financeira, aquisição de riqueza financeira através de meios pouco claros.

Quando ketu está colocado na 6ª, 8ª ou 12ª casa a partir do regente do dasa ou está associado com planetas maléficos, haverá perda de riqueza financeira através do governo (aumento de impostos, por ex.), doença, aprisionamento, perda de força física, desentendimento com a família , em especial pai e irmãos , falta de paz mental.

Quando Ketu está colocado na 4ª, 5ª, 9ª ou 10ª casa a partir do regente do dasa Júpiter , no seu antardasa  o nativo receberá benefícios do governo, adquirirá veículos , terá lucro nos negócios, realizará o que deseja, aumentará a sua riqueza financeira e os bens de conforto , receberá ofertas .

Quando Ketu co-rege a 2ª ou a 7ª casa haverá sofrimento físico.

 

Efeitos gerais dos Antardasa no Dasa de Júpiter #1

jup

Antardasa de Júpiter

Este período dura 14 meses e é um swabhukty, isto é, corresponde ao início do dasa que, segundo a tradição, pode dar resultados menos positivos  no início. Este período dará efeitos mais positivos a partir dos 16 anos, idade de maturação de Júpiter.  Para avaliar os efeitos deste período temos em conta, como habitualmente, a casa ocupada por Júpiter, as casas que rege, os aspetos que recebe na posição de nascimento e os trânsitos que ocorrem durante a duração do subperíodo.

Sendo um karaka (significador) das crianças, o nascimento de uma criança é muito possível durante este período, se tal for desejado . Do mesmo modo o casamento também pode realizar-se se Júpiter rege  o navamsa da 1ª ou da 7ª casa do horóscopo e se há um trânsito de Rahu/Keu neste eixo do horóscopo. O casamento realizado nos períodos de Júpiter indica um parceiro com bons princípios e caráter generoso, filosófico, espiritual ou religioso, alguém com posses financeiras, etc..

Para os signos Ascendentes Aquário e Escorpião, pela regência da 2ª casa e para os Ascendentes Gémeos e Virgem pela regência da 7ª casa, Júpiter pode tornar-se um planeta maraka no seu antardasa, trazendo o final da existência quando confirmado pelo resto do horóscopo.

Damos a seguir os efeitos previstos pelo sábio Parashara para este subperíodo:

Quando Júpiter está colocado no próprio signo, no signo de exaltação ou numa casa trikona ou kendra,  no seu antardasa o nativo conquistará grande poder e influência, muita riqueza, favor das elites do governo e da sociedade, aquisição de uma nova casa, veículos , roupas finas, joias, ornamentos, sorte e sucesso nos seus empreendimentos, muitos lucros para a entidade empregadora, grande felicidade para o cônjuge e filhos.

Quando Júpiter está colocado no signo de debilitação, ou no navamsa de debilitação ou ainda na 6ª, 8ª ou 12ª casa, no seu antardasa haverá grande sofrimento, associação com as pessoas de baixa origem social, calúnias dos parceiros, ira e desentendimento da entidade empregadora, perigo de morte prematura, separação do cônjuge e dos filhos, perda de riqueza financeira.

Quando Júpiter rege a 2ª ou a 7ª casa no seu antardasa haverá sofrimento com dores físicas.

Antardasa de Saturno

Este antardasa tem a duração de 36 meses e dá resultados mais efetivos a partir da idade de 36 anos, idade de maturação de Saturno. Para avaliar os seus efeitos procedemos como para o antardasa de Júpiter. Júpiter e Saturno são neutros em relação um ao outro não interferindo, deste modo, na expressão das energias que cada um manifesta.

Os períodos de Saturno trazem normalmente  uma ênfase nas regras e na necessidade de obedecer à lei e aos costumes estabelecidos em termos sociais.

Durante o antardasa de Saturno pode ocorrer o casamento, se Saturno tiver a regência do navamsa da 1ª ou da 7ª casa e houver um trânsito de Rahu/Ketu por este eixo do horóscopo. Os casamentos assim realizados podem implicar um companheiro mais velho e experiente e o casamento pode estar ligado a algum interesse social ou material que de algum modo «obrigue» a pessoa a assumir o compromisso. A afetividade pode estar ausente, pelo menos no sentido mais tradicional do termo embora possa haver muita lealdade e amizade entre os parceiros.

Quando Saturno rege a 2ª casa- Ascendentes Sagitário e Capricórnio ou a 7ª casa- Ascendentes Caranguejo e Leão  – pode assumir-se como um planeta maraka se o resto do horóscopo o confirmar, durante o seu período antardasa.

Segundo Parashara, quando Saturno está colocado no próprio signo ou no signo de exaltação ou está colocado numa casa kendra ou trikona e além disso é forte, no seu antardasa o nativo aumentará o seu poder e riqueza, terá grande influência que pode ser política, adquirirá riqueza, roupas finas e ornamentos, veículos, terá felicidade através de um filho, realizará viagem para oeste e verá reconhecida a posse da sua riqueza pelo poder político.

Quando Saturno está colocado na 6ª. 8ª ou 12ª casa, ou em signo inimigo, ou combusto  no seu antardasa haverá perda de riqueza financeira, agonia mental, sofrimento físico causado por febre,  eventos infelizes no lar, ferimentos no cônjuge e nos filhos,  perda de emprego, desentendimentos com a família, etc..

Quando Saturno está colocado numa casa trikona ou kendra ou na 2ª ou 11ª a partir do regente do dasa -Júpiter- o seu antardasa trará ganhos de terras , propriedades, casa e outros bens e adquirirá riqueza à custa dos seus inimigos.

Quando Saturno está colocado na 6ª, 8ª ou 12ª casa a partir de Júpiter, regente do dasa, ou associado com um planeta maléfico, no seu antardasa haverá perda de riqueza financeira, antagonismo com os familiares, obstáculos em empreendimentos ligados à atividade industrial, dores no corpo, perigo vindo de membros da família.

Quando Saturno rege a 2ª casa – Ascendente Aquário e Ascendente Sagitário – ou a 7ª casa – Ascendente Leão ou Caranguejo-  há perigo de morte prematura  no seu antardasa .

Efeitos Gerais do Dasa de Júpiter

jup

Júpiter é o planeta mais benéfico e, desse modo, é de esperar que o seu período dasa seja mais tranquilo e menos problemático do que o período de algum planeta maléfico. Durante este período, algum bom crédito por ações passadas pode surgir na vida dos nativos e trazer  algum alívio em relação a outras experiências mais difíceis já experienciadas. O impulso para fazer boas ações e ser generoso pode também inspirar as pessoas  que estão sob a influência da energia de Júpiter. Pode  também haver um aumento de otimismo e uma abordagem da vida mais descontraída e tranquila. Os nativos podem também ser chamados a desempenhar papeis de aconselhamento , de professor , etc.  e podem sentir o apelo de aprender assuntos relacionados com a espiritualidade, a filosofia e a religião.

Apesar de ser em geral um período mais tranquilo, há que ter em conta que alguns dos antardasa deste dasa podem trazer algumas dificuldades, quando o nº de casas entre Júpiter e o planeta que rege o antardasa corresponde a uma casa dusthana- 6, 8 ou 12-  ou quando Júpiter rege no horóscopo alguma dessas casas.  Assim, para os signos Ascendentes Balança e Capricórnio, (Júpiter rege respetivamente  a 3ª e a 6ª casa e a 3ª e a 12ª casa) o dasa de Júpiter pode trazer alguns desafios em relação à saúde, tanto física como mental. Para o Ascendente Caranguejo, em que Júpiter  rege a 6ª casa, pode haver problemas de saúde física.  Para o Ascendente Carneiro, em que Júpiter rege a 12ª casa, pode haver problemas em viagens por países estrangeiros e/ou em estadia em país estrangeiro. Para os Ascendentes Touro e Leão, em que Júpiter rege a 8ª casa, pode haver  alguma mudança súbita e forçada que pode em alguns casos ser causada por eventos catastróficos inesperados, embora o resultado dessa mudança seja favorável.  Quando o planeta regente do antardasa está colocado na 3ª ou 6ª casa depois de Júpiter ou quando Júpiter rege a 3ª ou a 6ª casa do horóscopo  o dasa apresenta dificuldades no início, vai melhorando com o tempo e, em geral haverá resultados positivos.

O  Dasa  de Júpiter dura 16 anos. Para avaliar os efeitos do dasa de Júpiter temos em conta as casas que ele rege tanto a partir do Ascendente, como do Ascendente da Navamsa e ainda tomando a Lua como Ascendente, bem como a sua posição em cada uma dessas cartas.

Este pode ser um período de expansão e de crescimento em que a diversão e  a bonomia são um fator  que se torna relevante no dasa de Júpiter.  Acontece frequentemente que as pessoas se  envolvem em atividades de beneficência ou voluntariado, caridade etc., pois a natureza compassiva e generosa de Júpiter impele para isso. A realização de ações compassivas em benefício de outros ajuda os nativos a ter mais consciência do seu propósito de vida e a compreender melhor o seu destino pessoal.

Segundo Parashara, quando Júpiter está colocado no próprio signo, no signo de exaltação ou mooltrikona, na 5ª, 9ª ou 10ª casa ou quando está colocado no seu próprio navamsa ou no seu navamsa de exaltação, durante o seu período dasa o nativo alcançará influência e poder, grande felicidade, reconhecimento por parte das autoridades e do governo, felicidade com o cônjuge e filhos, aquisição de roupas, ornamentos , veículos e outros bens de conforto, tendo também inclinação espiritual e religiosa.

Quando Júpiter está colocado no signo de debilitação,  ou combusto ou associado com planetas maléficos ou ainda colocado na 8ª ou na 12ª casa,  no seu dasa haverá perda  de direitos de residência (em país estrangeiro )ansiedade, sofrimento para as crianças e perda de bens.

Parashara refere ainda que este dasa dará alguns efeitos negativos no início  e, no período final do dasa haverá bons efeitos, como aumento de riqueza financeira, prémios de mérito e reconhecimento pelo governo.