Glossário Astrológico- Argala

Argala

Continuamos o nosso glossário astrológico com o conceito de argala.

O conceito de Argala indica um tipo de influência entre planetas e casas diferente dos aspetos entre planetas em sentido estrito mas que os complementa. Argala revela um tipo de efeitos «escondidos» dos planetas sobre outros planetas e casas, ajudando a compreender certas subtilezas do horóscopo,

Argala (energia de bloqueio ou  de intervenção) é a capacidade que um planeta colocado na 2ª, 4ª ou 11ª casa a partir de um outro planeta, causa sobre este, ou seja, uma modificação da energia do planeta em causa, decidindo uma parte significativa dos efeitos que  esse planeta poderá ter.  Quando um planeta recebe Argala de um planeta benéfico – chama-se «subhaargala» ou intervenção benéfica- os seus efeitos serão modificados positivamente de acordo com o nº de casas que separam os planetas. – 2, 4 ou 11 casas; quando o planeta  recebe Argala de um planeta maléfico- chama-se «paaarghaala» ou intervenção maléfica. Neste caso os efeitos do planeta afetado serão modificados de forma negativa indicando problemas nessa área de vida de acordo com o nº de casas que separam os planetas-  mais uma vez, 2, 4 ou 11 casas.

Deste modo podemos considerar que «Argala» é um tipo de aspeto especial entre planetas quando o nº de casas que os separam é de 2, 4 ou 11. Os planetas que causam Argala influenciam o planeta e  a casa em relação aos quais mantêm essa conexão.  Deste modo, qualquer planeta colocado a 2, 4 ou 11 casas de uma outra casa (e signo) ou planeta influencia de forma direta os assuntos dessa casa, tendo o nome de Argala primário.

Argala Primário e Virodha Argala

Mas esta história não acaba aqui. A influência do Argala primário – boa ou má- pode ser cancelada ou obstruída. Chama-se a isto Virodha Argala, ou obstrução ao Argala, se houver planetas colocados na 12ª, 10ª ou 3ª casas a partir dos planetas que causam Argala primário. Para se saber qual dos tipos de Argala «vence» é preciso analisar a força tanto dos planetas que formam o Argala primário como dos que causam o Argala de cancelamento. Ou seja, um planeta colocado na 2ª casa pode ver o seu Argala cancelado por outro planeta mais forte e benéfico colocado na 12ªcasa a partir dos planetas causadores de Argala primário; um planeta colocado na 4ª casa pode ver o seu Argala primário cancelado por um outro planeta mais forte e benéfico colocado na 10ª casa a partir dos planetas causadores de Argala primário; um planeta colocado na 11ª casa pode ver o seu Argala primário cancelado por um outro planeta mais forte e benéfico colocado na 3ª casa a partir dos planetas que causam Argala primário. Por ex., a Lua colocada na 12ª casa no signo Escorpião causa Argala primário no Ascendente Sagitário  e nos planetas aí colocados (2 casas de separação). Porém, Vénus está colocado na 11ª casa no signo Balança (que é a 12ª casa a partir de Escorpião onde está a Lua que causa argala primário) e que é o signo mooltrikona de Vénus. Ora, a Lua está no signo de debilitação por isso, o facto de Vénus se encontrar no sue signo cancela o Argala primário causado pela Lua sobre o Ascendente e este recebe os efeitos benéficos de Vénus na 11 casa no Virodha Argala

Argala Secundário  e Virodha Argala

Há ainda outra forma secundária de Argala designada por Argala secundário que ocorre em relação a toda a casa e planeta colocados na 5ª e 8ª casas em relação a qualquer outro signo ou planeta. Esta influência é mais fraca do que anterior. No Argala secundário, quando há planetas colocados na 8ª e 5ª casas, adversidades de monta podem acontecer e a sorte da pessoa é cancelada.

Esta forma secundária de Argala pode ser obstruída pela existência de planetas na 9ª casa em relação aos planetas colocados na 5ª casa e  planetas na 6ª casa em relação aos planetas colocados na 8ª casa

Argala Especiais

Considera-se que existe um Argala especial quando há planetas maléficos na 3ª casa. Este Argala não tem qualquer intervenção mas ajuda em situações em que o nativo tem que lutar para alcançar os seus objetivos.

Também é considerado um Argala especial a existência de planetas na 7ªcasa. Este Argala pode ser obstruído pelo signo ou planetas colocados no Ascendente. Este Argala tanto pode dar resultados muito positivos como negativos no que se refere à natureza do cônjuge.

 Bandana Yoga

Mas o que é que sucede quando os planetas que formam Argala primário e os que o poderiam cancelar são igualmente fortes e maléficos? Quando isso acontece dá-se o Bandana Yoga que significa «prisão». Quando ocorre entre planetas na 2ª e 12ª casas, pode indicar estadia longa no hospital após acidente ou intervenção cirúrgica ou outra condição que exige recuperação longa em termos de saúde; quando ocorre envolvendo os planetas colocados na 4ª e 10ª casas, obstáculos e dificuldades envolvem a carreira e a educação, a vida domestica, propriedades e veículos, etc.; quando envolve planetas colocados na 3ª e 11ª casas os problemas e obstáculos aparecem relacionados com os desejos, projetos, concretização de ambições , iniciativas, etc., impedindo os ganhos e a reputação social Quando os planetas que formam o Bandana yoga são igualmente fortes mas são benéficos,  a «prisão» pode ser o confinamento por razões que são necessárias para a atividade e não causam stress nem dificuldades: por ex., um escritor que se isola para não ter distrações na sua escrita.

Quando os planetas que formam Argala são inimigos do planeta/casa, impedem a manifestação dos propósitos destes e trazem obstáculos à manifestação dos seus significados.

Glossário- Amsha

Amsha

Começamos hoje um glossário de termos úteis a todos os estudantes da Astrologia Jyotish e que poderão ajudar a compreender melhor certos conceitos usados nas descrições e explicações desta área do saber. hoje falamos da palavra «amsha».
A palavra amsha entra em diversas outras palavras, como as referentes às vargas ou cartas divisionais, como por ex., a «navamsha», uma das cartas divisionais mais importantes e cuja designação significa, á letra, «divisão em nove partes» ou seja, a divisão de cada signo em 9 partes iguais. Esta palavra significa «porção», parte mas, enquanto tal, cada uma destas porções tem a sua estrutura própria uma vez que os componentes dessa «porção» formam um todo inseparável. A finalidade desta divisão em «partes» ou porções que é a «amsha» é útil pois permite uma análise de pormenor e, desse modo, concentrada numa certa abordagem ou perspetiva. Porém, sendo uma «porção» que é parte de um «todo» que a engloba, não deverá perder-se de vista que ela é inseparável desse todo maior que a inclui. Os leitores estão familiarizados com a insistência que costumamos aplicar quando nos referimos ao facto de as cartas divisionais, serem inseparáveis da carta natal, sendo apenas uma perspetiva setorial desta e não devendo, por definição, ser lidas separadamente desta. Este é um bom exemplo do significado da palavra «Amsha» .
Deste modo, quando se usa a palavra «amsha» associada a uma outra na Astrologia Jyotish ísso mostra-nos de imediato que estamos a proceder a uma análise de pormenor que nos permitirá ter uma compreensão mais apurada de uma certa realidade e que, para termos uma visão mais clara dessa realidade de pormenor, a separamos em partes mas não podemos perder de vista a sua ligação com o todo global. Alguns exemplos bem conhecidos da utilização desta palavra e do seu significado são:
Drekkamsha= 36 porções de dez, ou decanatos;
Saptamsha = 63 porções ou Sapthamsha varga = D -7;
Dwadamsha= 144 porções ou divisão de cada casa do horóscopo em 12 partes= D-12;
Shastiamsha= 1800 porções referente à Sudarshana Chakra .
Iremos esclarecendo alguns destes conceitos em artigos a publicar.