Conjunção Sol Júpiter na 3ª Casa Signo Gémeos

conjunção sol Júpiter na 3ª casa signo Gémeos capa

Para saber os efeitos da colocação do Sol na 3ª casa leia o artigo aqui.

Quando Júpiter está colocado na 3ª casa expande tudo o que se relaciona com a comunicação e, em virtude disso, o nativo pode ser um escritor prolífico e ter várias publicações. Pode também estar ligado a um negócio de marketing e publicidade ou de meios de transmissão da informação em larga escala. Dado que Júpiter tende a expandir os assuntos da casa em que está situado, esta posição também pode indicar um excesso na comunicação, com tendência para se envolver em propaganda e outras formas de influência social através da comunicação.  Pode haver também múltiplas pequenas viagens para lugares diferentes.

Na 3ª casa correspondente a Mercúrio Júpiter está em casa inimiga pois a sua adesão à intuição e à fé esbarra com a racionalidade analítica e puramente lógica de Mercúrio. Em compensação, Júpiter transmite otimismo a todos os processos de comunicação significados pela 3ª casa.

Colocado na 3ª casa, Júpiter também favorece todas as atividades comerciais, vendas, marketing, publicidade, relações públicas. Dá também boas capacidades para colaborar em grupo na realização dos objetivos e projetos. Estas pessoas podem trabalhar numa área em que fazem muitas viagens, planeamentos e informações como acontece na área da comunicação. Também podem ter sucesso num negócio de produtos manufaturados produzidos por muitas mãos (de trabalhadores funcionando em grupo).

Estes nativos têm o dom de ensinar, especialmente assuntos práticos, podendo ser formadores eficientes e organizados. São também bastante bons a liderar grupos de trabalho, especialmente quando estão no topo da liderança nas organizações. São eficazes na motivação do grupo criando um clima de confiança entre todos. Acreditam no trabalho do grupo que lideram e dão liberdade de opção em muitas situações aos seus colaboradores. Mostram frequentemente apreço pelos resultados alcançados pelo grupo.

Estes nativos são também muito habilidosos para trabalhar com as mãos, embora possam fazê-lo como hobby. São igualmente bem dotados para  as profissões relacionadas com viagens por ex., como guia turístico. Como funcionam bem na dinâmica de grupo também podem ser excelentes facilitadores, organizadores de eventos e encontros,, conferencistas, etc..

Estes nativos podem ter muitos irmãos, sabendo lidar com estes de forma positiva. Do mesmo modo lideram o grupo com otimismo e jovialidade. São bons amigos e bons vizinhos.

Numa natividade em que o cônjuge é masculino, o marido (representado por Júpiter) é muitas vezes encontrado em ambientes de comunicação, eventos, encontros, etc.. O primeiro casamento (cônjuge masculino) está muitas vezes ligado a atividade comercial, vendas, viagens de negócios de curta duração, atividades de comunicação e existe bastante interação com os irmãos do marido.

Os nativos com Júpiter na 3ª casa ganham dinheiro muitas vezes através de atividades com os irmãos.  Há também gosto em fazer encontros de lazer com os amigos e irmãos podendo estas pessoas ter muitos amigos.

Júpiter na 3ª casa pode nem sempre ser uma posição fácil: Júpiter tem tendência para o discurso filosófico e abrangente, enquanto Mercúrio, o regente natural da 3ª casa tem um discurso prático e muito pormenorizado sobre o que é necessário fazer para levar a cabo um projeto ou um negócio . A influência de Júpiter pode alterar esta capacidade prática dos pormenores fazendo com que os projetos soem a algo vago e indefinido, prejudicando desse modo as hipóteses de sucesso do nativo. Basicamente, Júpiter tende a lançar confusão entre teoria e factos, baralhando as capacidades mentais para o planeamento e a organização dos projetos e negócios.

Tendo em conta os clássicos, Parashara afirmou que Júpiter na 3ª casa produz a morte por inchaço ou tumor.  A tradição refere ainda que o nativo estará consciente no processo da sua morte. Filosofa, mais do que age; ganha riqueza mas muitas vezes perde-a. Obtém fama e prosperidade. Há muitas vezes vários irmãos. As parcerias com os irmãos são desfavoráveis. Terá muitos projetos e empreendimentos. A profissão de professor ou leitor é muito favorável. Ajuda os irmãos sem ganho financeiro. Habilidoso com as mãos, viaja frequentemente. É sincero, polido, racional na escrita e no discurso. Pode ganhar a vida através da educação, viagens, escrita e publicação, associação com os amigos.

Para saber os efeitos da colocação do Sol no signo Gémeos leia o artigo aqui.

Júpiter no signo Gémeos não está no melhor ambiente pois vê Mercúrio, o regente do signo, como inimigo. Já Mercúrio é neutro em relação a Júpiter. Para avaliar completamente os efeitos desta posição, tanto a natureza funcional de Júpiter como a de Mercúrio deverão ser analisadas.

No signo Gémeos, a tendência mental e comunicativa, comercial e empreendedora de Mercúrio associa-se à abordagem filosófica de Júpiter, nem sempre sendo harmonizáveis. Mas, em geral, o nativo com esta posição consegue transmitir informação em estilo de mensagem curta e diretamente acessível ao público em geral, adaptando o saber aos aspetos práticos da sua aplicação. Consegue inspirar os outros mas transforma questões complexas em slogans por vezes simplistas no desejo de simplificar os conteúdos e dar respostas simples aos outros. Em vez de longos discursos e reflexões profundas não acessíveis à maioria, estes nativos usam frases curtas que são facilmente  captadas pelo público. A razão pela qual Júpiter é inimigo de Mercúrio deve-se ao facto de a sua sabedoria em sentido profundo não se conseguir manifestar no signo Gémeos, transformando-se em mensagens simplificadas ao estilo da conversação imediata e ligada aos temas superficiais do dia a dia.. Mas Júpiter enriquece este discurso com a força da sua motivação e inspiração.

A mente concentra-se, no entanto, apenas nos objetivos de curto prazo e deixa de lado os temas filosóficos e existenciais mais profundos e intemporais. O orador com Júpiter no signo Gémeos é extraordinário na captação do interesse do público. É um excelente vendedor. Pode ser um animador entusiasta e brilhante em eventos comunicacionais agarrando facilmente o público. Estes nativos são excelentes conversadores, falando continuamente e num estilo insinuantemente persuasivo. Adoram conversar, socializar e viajar.  São multilingues, apreciam a diversidade cultural e manifestam grande tolerância em face das diferenças encontradas. Em alguns casos, porém, podem ser dogmáticos e intolerantes, quando Mercúrio e/ou Júpiter são funcionalmente  maléficos. Gostam de namorar e do flirt, atividades em que se envolvem continuadamente.

Júpiter no signo Gémeos inspira qualquer nativo que esteja envolvido em atividades de comunicação, entretenimento, ensino, oratória, escrita, produção de shows de entretenimento, comédia, etc.,extraindo com facilidade sabedoria imediata a partir das situações comuns do quotidiano. O nativo tem necessidade de comunicar todo o saber que existe em si, torná-lo acessível para os outros, com a particularidade de esses outros não serem uma elite mas as grandes massas, comunicando por palavras simples para que todos possam usufruir do saber que tem para transmitir. E, quando se trata de aplicar estas capacidades para convencer outros, sobretudo quando estão a vender um produto, estas pessoas são imbatíveis na tarefa pois os argumentos que usam são pura sabedoria prática servida no momento próprio a quem precisa de ser convencido de que precisa mesmo de um certo produto. Júpiter, na verdade, expande as capacidades de vendedor naturais de Mercúrio, torna-as ainda mais excelentes e eficazes.  Estas pessoas transmitem uma lição de vida, de cada vez que comunicam algo ou vendem algo e isso torna-as únicas no plano comunicacional.

Quando tem natureza benéfica, Júpiter na 3ª casa/signo Gémeos é muito tolerante e aberto aos outros, não importando o  background , fortuna ou instrução destes.

Num horóscopo em que o cônjuge é masculino, o primeiro marido é alguém conversador, jovial, amável, companheiro (muitas vezes ao estilo de um ‘irmão’). O nativo e o cônjuge podem ainda ser parceiros em negócios, viagens, funcionando em equipa a maior parte do tempo e divertindo-se com isso, planeando previamente o que vão fazer, tanto nos negócios como na vida a dois. Mesmo que voltem a casar, estes nativos mantêm boa relação de amizade com o primeiro cônjuge.

Quando o Sol e Júpiter estão conjuntos na 3ª casa ou no signo Gémeos temos em conta que tanto o Sol como Júpiter tem relação de inimizade com Mercúrio mas o Sol , como maléfico natural, dá-se muito bem numa casa upachaya como é a 3ª casa.

De certo modo, Júpiter e o Sol são semelhantes: um e outro referem-se à verdade profunda de algo, sendo que Júpiter acrescenta devoção pela verdade. Júpiter também dá um cunho moral às ações que se decidem «por amor da verdade» tendo em conta aqueles  que poderão ser afetados pelas ações em causa. A verdade torna-se instrumento de amor de compaixão através de Júpiter  e não mera expressão impessoal. A verdade deve ser atestada pela Razão e pelo coração e é Júpiter que cria  o apego pela verdade que vem de dentro.

A 3ª casa é uma casa «kama» ou de desejo e revela a força individual que cada um consegue mobilizar para aplicar os recursos que desenvolveu através da 2ª casa. É uma casa de ação pois todo o movimento implica o agir e toda a ação necessita de energia para se concretizar, passando do plano mental das intenções para o plano concreto dos efeitos que pretende alcançar. Nesta casa, o Sol dá determinação e força, coragem para avançar e Júpiter expande essa energia para fazer no mundo aquilo que corresponde aos interesses individuais. Quando o Sol está conjunto com Júpiter na 3ª casa, o indivíduo não só é corajoso e determinado como também é sábio e prudente nas tomadas de decisão. Esta sabedoria ajuda todas as mudanças e permite que a «sorte» favoreça os empreendimentos individuais, mudanças, viagens, etc.. pois auxilia todas as tomadas de decisão. As decisões são conscientemente elaboradas tendo em conta os princípios do bem e o afastamento do que é incorreto , injusto ou imoral.  Deste modo, a influência de Júpiter nesta casa é favorável e ultrapassa os limites individualistas do Sol, procedendo com cuidado  e consideração em relação aos outros. Porém, quando Júpiter ou o Sol estão colocados em casas maléficas ou regem casas maléficas, a natureza materialista de ambos pode tornar-se evidente e o indivíduo torna-se um aventureiro à procura da satisfação dos seus objetivos materiais  sem ter em conta os outros. O mesmo pode acontecer se o Sol está colocado no grau mais baixo do signo em que se dá a conjunção.

O desejo de adquirir mais conhecimento e de o transmitir pode ser muito forte mas, sem a influência benéfica de Júpiter  esse processo torna-se uma batalha campal em que a competição é a palavra de ordem e em que o nativo faz tudo para ser reconhecido como o melhor na sua área académica ou de especialização. A transmissão do saber visa então o engrandecimento e orgulho pessoal, alimenta a vaidade pessoal que pode ser enorme , devido ao impacto de Júpiter sobre o Sol e a 3ª casa.  Trata-se então de usar o conhecimento , as viagens e todos os instrumentos de divulgação da informação ao dispor do individuo de forma a atingir o pódio com o lugar de topo e fazer dinheiro através desse conhecimento. Projetos e negócios levados a cabo podem servir os interesses do público mas são sempre pensados a partir do interesse pessoal. Viagens podem ser realizadas com frequência para poder contar ou transmitir aos outros as novidades no seu próprio estado, os ganhos e resultados obtidos. O indivíduo luta para ser reconhecido como o mais inteligente, mais sábio, mais corajoso  e determinado, etc,.

Júpiter na 3ª casa torna muito fácil todos os processos de aprendizagem  e os nativos aprendem de forma entusiasta, convencendo-se de que «sabem tudo» e têm resposta para todas as questões. Ora, isto facilmente se transforma em falta de modéstia e basófia, quando Júpiter atua de forma menos benéfica no horóscopo. Estas pessoas são instruídas e adoram estudar, aumentando continuamente os seus conhecimentos.  Quando Júpiter é benéfico, possui uma humildade natural que protege a pessoa de exagerar em relação àquilo que sabe mas, quando isso não acontece, o confronto com este «sabe tudo» cheio de vaidade e orgulho em relação a si mesmo pode tornar menos fácil a interação com ele.

Quando a conjunção sol Júpiter cai na 3ª casa ou no signo Gémeos, o nativo ganha poder na sociedade e nos negócios através do seu conhecimento. Este poder resulta, por um lado, da admiração dos outros que engrossam o círculo pessoal do nativo, por toda a sabedoria e conhecimento que manifesta; por outro, granjeia-lhe oportunidades de ganhar dinheiro aplicando esse saber em tecnologia, na gestão de empresas de media, da publicação e edição de livros e jornais, etc.. Estas pessoas tornam-se autoridades respeitadas num certo campo do saber, verdadeiros gurus que todos contratam para ouvir falar e podem ganhar bastante através de palestras, conferências, livros e publicações, etc..

Júpiter na 3ª Casa do Horóscopo

jer

Júpiter é o planeta da boa sorte e um importante indicador do sucesso  e da riqueza que podemos alcançar. A casa onde ele se encontra é beneficiada pela sua presença, mas a  sua colocação  na 3ª casa não favorece os significados mais positivos do planeta. Vamos apresentar os efeitos de Júpiter na 3ª casa do horóscopo, de acordo com os textos clássicos e com a experiência de muitos astrólogos.

Efeitos da Colocação de Júpiter na 3ª Casa do Horóscopo

Os textos antigos afirmam que a posição de Júpiter na 3ª casa do horóscopo torna a pessoa avarenta e mesquinha e dizem que perderá  mutas boas oportunidades na vida. Porém, desta casa Júpiter lança um aspeto para a 9ª casa, a casa que rege a sorte para esta vida e , se o planeta não estiver fraco por alguma razão, conseguirá melhorar a sorte do nativo.  Este terá um bom número de irmãos e  será muito inteligente e determinado. Segundo alguns textos antigo, aos 38 anos abandonará as suas relações e irá viajar.   Se o regente da 3ª casa for forte, os irmãos terão uma vida longa. Mas, se o regente da 3ª casa estiver fraco ou associado com um maléfico, o nativo será impaciente , pobre e pouco inteligente e perderá os seus irmãos.

Quando Júpiter está colocado na 3ª casa do horóscopo, a pessoa pode ter muito talento artístico (música, dança, canto, representação dramática, escrita). A sua voz será poderosa e bela e as suas apuradas competências de comunicação podem ser muito benéficas no plano da carreira. Pode escolher uma carreira como ator, realizador ou produtor de cinema ou teatro ou noutras áreas da indústria de entretenimento, ou tornar-se escritor. Também pode ser muito bem sucedido numa carreira na área da comunicação.   Sendo um planeta benéfico natural, Júpiter dá bons resultados se estiver forte. Da 3ª casa, Júpiter  lança aspeto para a 7ª, para a 9ª e para  a 11ª casas, favorecendo a vida conjugal e as parcerias e a realização dos desejos e ambições e ainda permitindo acumular ganhos e rendimentos.

Júpiter na 3ªcasa também descreve o irmão mais novo nascido a seguir ao nativo e este será do sexo masculino, muito bem sucedido, com uma natureza espiritual, religiosa ou com elevados princípios, e será afortunado e feliz. De resto, esta posição de Júpiter indica felicidade vinda dos irmãos mais novos.

Quando Júpiter está colocado na 3ª casa do horóscopo no próprio signo- Sagitário ou Peixes- ou no signo de exaltação- Caranguejo– todos os aspetos positivos mencionados serão aumentados. A pessoa pode ser famosa como ator, músico ,cantor, etc., pode ser um escritor de sucesso ou ter uma profissão muito bem sucedida na área da comunicação.  Todos os seus grandes desejos serão realizados e o sucesso vem sem ser preciso muito esforço. Os seus desejos são realizados. Os irmãos mais novos do nativo, especialmente o que nasceu a seguir a si  também partilham  a boa sorte do nativo.

Se, pelo contrário, Júpiter está colocado na 3ªcasa do horóscopo no seu signo de debilitação- Capricórnio– a pessoa sofre por causa dos seus irmãos  ou então não terá nenhum irmão. Caso tenha irmãos mais novos, o que nasceu a seguir a si pode ter uma natureza imoral e/ou ter uma vida cheia de dificuldades, com saúde frágil. O nativo  tem falta de sorte e os seus desejos não são realizados. Pode ter uma personalidade instável e ter falta de motivação para concretizar projetos na vida. Pode também ser pouco corajoso.

O Que Dizem os Clássicos de Júpiter na 3ª Casa do Horóscopo

Brihat Jataka-  a pessoa será avarenta.

Chamatkar Chintamani- o nativo receberá felicidade dos irmãos mas será ingrato e não será amigo de ninguém. Será afortunado mas não acumulará tanta riqueza como deseja.

Phaladeepika- o nativo será pecador , terá uma natureza maliciosa, será avarento e humilhado mas o seu irmão obterá uma elevada posição.

Saravali-  o nativo será humilhado em público, será avarento, será o mais novo dos irmãos, dominado pela mulher e pecador.

Nota: os autores clássicos parece terem apenas mencionado os efeitos de Júpiter quando este está fraco ou associado com planetas maléficos, sobretudo Saravali e Phaladeepika.

Júpiter dá os seus plenos efeitos aos 25 anos e , nessa altura, de acordo com a força de Júpiter no horóscopo, o nativo experienciará eventos positivos ou negativos relacionados com os significados da 3ª casa.