O Signo Balança na 2ª Casa do Horóscopo

cab

Para evitar repetições, aconselhamos os leitores a lembrar os significados da 2ª casa do horóscopo, bem como uma pequena introdução ao tema desta série de artigos, o que poderão fazer aqui.

A colocação do signo de Balança na 2ª casa – o que sucede para os nativos com Ascendente no signo de Virgem–  leva estes nativos a preferirem muitas vezes ganhar a vida através da formação de parcerias de negócio, frequentemente com o cônjuge.

O signo Balança  é um signo relacionado com a arte, a beleza e a harmonia, podendo inclinar para a procura de uma profissão relacionada com estas áreas. Quando existe talento e Vénus é forte, estas pessoas podem tornar-se músicos, atores, arquitetos, decoradores, gestores de hotelaria e de espaços de lazer ou de aperfeiçoamento estético, cabeleireiros, etc. A excelente capacidade lógica de pensamento, argumentação e de interação humana também os torna bons professores, conselheiros matrimoniais, gestores de recursos humanos, gestores financeiros, etc. Mas, em todas estas atividades, estas pessoa dão-se melhor a trabalhar em colaboração ou parceria do que sozinhas.

Os nativos com o signo Balança na 2ª casa  têm em  uma capacidade de persuasão baseada na forma logicamente irrepreensível como argumentam mas também na forma delicada como falam, sem agressividade e  encantadoramente desarmante para os que interagem com eles. Ao invés de impor as suas opiniões, estas pessoas tentarão dialogar e encontrar um meio termo a partir do qual se chegue a uma posição comum, respeitando as diferentes sensibilidades. São por isso excelentes negociadoras, com uma capacidade conciliatória que talvez nenhum outro signo partilhe com a mesma eficiência, ao mesmo tempo que são exigentes e objetivas em termos racionais. Quando falam, procuram ser positivos e influenciar harmoniosamente os outros, mais do que tentarem impor os seus pontos de vista. Usam o discurso para unir, conciliar, integrar e é por isso que são tão bons professores, conselheiros, juízes. Colocam a sua mente e palavra ao serviço da melhoria da situação dos outros. Da mesma forma, quando se dedicam a profissões mais ligadas aos aspetos da beleza como a de cabeleireiro, tudo o que fazem é para que a  pessoa que recebe os seus serviços se sinta melhor, mais bonita, mais feliz. Possuem a rara qualidade de se colocarem no lugar do outro e de  pensarem neste em primeiro lugar e isto é algo precioso em algumas áreas profissionais. É aconselhável  terem cuidado com a dieta, podendo ter tendência para exagerar no consumo de doces e de alimentos pouco saudáveis.

Vénus, o regente de Balança,  está focado  nos aspetos que dão prazer e trazem beleza para a vida. Procura a harmonia   e o bem estar,  tanto ao nível dos sentidos como num plano mais espiritual. Assim, representa todas as formas do prazer, do sexo à comida, passando pelos prazeres do luxo e do conforto físico, mas também se refere ao amor, sobretudo o amor romântico e a tudo o que se relaciona com a beleza, tanto física como espiritual. Assim, estas pessoas procurarão, caso obtenham um nível de riqueza elevado, rodear-se de obras de arte, de joias , roupas, etc. Pela mesma razão de gostarem destas coisas no seu ambiente, poderão desenvolver uma carreira onde possam experienciar  de forma continuada este amor pela beleza: do arquiteto ou decorador de interiores/exteriores ao designer de moda, arquiteto paisagista, designer de joias ou joalheiro, etc. Muitos formam uma sociedade conjugal para desenvolver um negócio com o parceiro de vida, abrangendo um destes interesses ou outros como um negócio de antiguidades, colecionadores de Arte, um negócio de moda, de cabeleireiro e estética, de artigos de luxo, etc.. Também podem ter sucesso na indústria de entretenimento, como o cinema, ou teatro, ou na música, quando possuem talento. De alguma forma procurarão conjugar sempre o prazer com o dinheiro pois estas pessoas gostam do melhor e mais refinado que a vida tem para oferecer em todas as áreas.

A educação nos primeiros tempos de vida pode revelar uma criança  com alguma preguiça em estudar as matérias de que não gosta e que precisa de incentivo para se disciplinar e estudar também as matérias de que não gosta. Estuda melhor com apoio do que sozinha e não deve ser raro surpreendê-la, numa determinada aula, a desenhar e a conviver com o /a colega mais chegado(a)  em total desatenção em relação ao tema da aula que não atrai o seu interesse. Será necessária disciplina e desenvolver o interesse e o gosto pelas matérias a estudar, para que ela se envolva claramente nesse estudo. Pode, no entanto, ser excelente na Matemática e na Lógica, sentindo uma inclinação natural por estas matérias. Pode  também preferir o estudo de matérias associadas às Artes ou estudar, em complemento com o plano geral de estudo uma disciplina artística, como música ou aulas de dramatização.