Signo Escorpião na 4ª Casa do Horóscopo

 

na casa

Continuamos a descrever os efeitos da colocação dos signos na 4ª casa do horóscopo. Pode ler uma breve síntese de alguns dos significados da 4ª casa aqui.

Quando o signo Escorpião  ocupa a 4ª casa do horóscopo- o que acontece para o Ascendente Leão   o lar  é muito mais do que uma referência de abrigo e de segurança mas está ligado   a eventos e experiências que podem ter sido fortemente catárticas durante o crescimento da pessoa. Algum lugar da casa pode ter uma dimensão secreta, na qual os nativos gostam de se refugiar e onde não deixam mais ninguém entrar. Por vezes, experiências traumáticas podem ter tido lugar na casa que deveria ter sido o local primário de abrigo e de segurança, algumas vezes tais experiências podem ter caráter sexual ou outro cuja natureza afetou profunda e emocionalmente os nativos como a experiência da morte de um familiar chegado.

A mãe pode ter sido uma pessoa cheia de segredos, reservada e pouco espontânea, manipuladora e/ou dominadora, tendo tido dificuldade em gerar, na criança em desenvolvimento, a atmosfera de confiança e de serenidade necessárias. Assim, a desconfiança, a astúcia  e a ocultação são comportamentos  que acabam por se gravar na aprendizagem infantil, dando lugar a um relacionamento com a mãe pouco consolidado. Estes nativos podem sair de casa bastante jovens. Podem, no entanto, depois de adultos, estabelecer um relacionamento mais próximo com a mãe.  Porém, o  ambiente doméstico está longe de ser calmo e transparente de jovialidade; é antes uma realidade que vai do opaco ao translúcido , feita  muitas vezes de calculismo e de ressentimento indisfarçáveis. Crescendo num ambiente onde nem toda a verdade se diz abertamente, estes nativos têm consciência dos «segredos» da família, que podem inclusivamente incluir dinheiro ou riqueza escondida por um dos pais. A franqueza raramente ou nunca é usada neste ambiente o que pode gerar insegurança- a insegurança de nunca saber «exatamente» o que se passa à sua volta. Podem procurar associar-se a pequenos grupos que tenham os mesmos interesses que eles- em ocultismo ou outras matérias- para, dessa forma, compensarem a ausência de verdadeiros laços afetivos no interior da sua vida familiar. Este é também frequentemente perturbado com mudanças de casa, quando esta é arrendada, havendo por vezes um relacionamento complicado também com os senhorios ou situações aborrecidas  relacionadas com as habitações.

Os nativos com Ascendente Leão dão grande importância ás posses da família, de tal modo que podem mesmo, por vezes, confundir o amor parental com as posses que lhes são dadas em usufruto e tendem a comparar , por vezes de forma ressentida, a parte que lhes coube com a de outros familiares ou irmãos. Têm pouca paz mental e arranjam sempre forma de sentir que são infelizes por via da ação de outros em relação a si. São também apegados à Terra Natal, podendo sentir o apelo de  integrar as forças militares ou policiais para defenderem «o que lhes pertence», que inclui a comunidade ou «Pátria».

O signo Escorpião  está  associado à transformação e ao oculto e, sendo  a 4ª casa uma casa que também simboliza a educação, estas pessoas podem ter estado expostas, através da mãe ou familiares próximos, ao estudo de assuntos ocultos (incluindo os relacionados com o «sobrenatural») na sua casa e  ter dedicado tempo da sua vida a desenvolver esse estudo,  a fim de adquirir e controlar outras formas de poder. Estas pessoas podem tornar-se estudantes de ocultismo para, dessa forma, tentarem assumir o controlo das suas vidas, algo que terá sido impossível nos primeiros anos da sua vida. Outros assuntos que certamente gostam de abordar são todos os tipos de mistérios e os saberes que exploram a realidade profunda do destino humano, como a Astrologia e tudo o que se relaciona com os mistérios da «vida e da morte». Por outro lado, a dissimulação de alguns membros próximos da família é outro fator causador da sua falta de felicidade subjetiva, pelo menos nos primeiros anos do seu crescimento. Os nativos  sob a influência de Escorpião são tortuosos e muitas vezes torturados, tendo dificuldade em serenar e pacificar completamente a alma. Assim, deste modo, não é de admirar que os nativos com Ascendente Leão tenham tanta necessidade de comprovar, através dos que os rodeiam, o afeto que estes lhes dirigem, ao mesmo tempo que manifestam desconfiança em relação à verdade da sua manifestação.

Quando Marte, regente do signo Escorpião, está forte no  horóscopo e bem colocado, estes nativos exprimem o lado mais positivo do signo Escorpião: são intuitivos e profundos na compreensão da realidade e podem desenvolver uma carreira de sucesso relacionada com a investigação forense, com a cirurgia pela qual procuram experienciar os mistérios da vida e do seu suporte terreno, tornando-se mediadores de seguros, etc. Algumas experiências vividas na infância podem ter dado o  mote  para uma compreensão mais profunda de todas as coisas e, no sofrimento que terão causado, podem também ter-lhes dado uma sabedoria que os torna mais generosos e capazes de dar e de se dar tornando assim algumas experiências mais perturbadoras ou incomuns vividas na infância numa mais-valia para o seu crescimento espiritual.

A educação destes nativos  durante a infância  pode ter tido algumas dificuldades pois, apesar da inteligência arguta destas pessoas, a sua inclinação para o oculto e misterioso leva-os a ser seletivos e a «desligar» de todas as matérias que consideram «chatas». Não são os melhores a cooperar e, provavelmente, tentam beneficiar de alguns colegas que «sabem da matéria» para, sub-repticiamente, usarem o conhecimento destes sem terem que fazer muito esforço próprio. Preferirão preparar umas boas cábulas a estudar de forma transparente o que têm que estudar. De qualquer modo, quando o assunto lhes interessa, vão muito mais longe no aprofundamento das matérias, que qualquer outro .