Signo Escorpião na 5ª Casa do Horóscopo

signo Escorpião na 5ª casa

Continuamos a descrição do efeito dos signos nas casas do  horóscopo, hoje com a descrição dos efeitos do signo Escorpião na 5ª casa do horóscopo. Para uma breve descrição dos significados da 5ª casa, por favor clique aqui.

Quando o signo Escorpião ocupa a 5ª casa do horóscopo- o que acontece para o Ascendente Caranguejo–  os nativos gostam de passatempos e diversões que tenham algo de mistério  e que lhes permitam um envolvimento apaixonado e intenso. Quando têm filhos, a relação com estes é controladora e intensa, por vezes difícil, pois envolvem-se profundamente na vida dos filhos e estes têm frequentemente a sensação de «não poderem respirar», dada a pouca margem de liberdade e de autonomia que estes nativos lhes permitem. São possessivos em relação aos filhos e mantêm uma relação  intensa de «amor-ódio» com estes, ou estes são também intensamente dominadores, havendo uma luta de vontades . A expressão pessoal é intensa e criativa. Podem ter uma vida sexual intensa e encarar o sexo como um jogo no qual se viciam facilmente. Podem também ter  paixão pelo jogo e perder tudo o que têm, por causa dessa paixão. Alguns podem ser amantes de desportos de caráter radical. Gostam de se dedicar a hobbies em que possam investigar mistérios ou descobrir segredos

Estas pessoas sentem-se atraídas por parceiros que exprimem emoções e sentimentos igualmente intensos, incluindo ciúme e possessividade. Os nativos com Escorpião na 5ª casa sentem-se atraídos por parceiros românticos intensos, secretos, sensuais e com forte magnetismo sexual.  Têm grande apreço pelos jogos eróticos e sexuais, que podem encarar como uma diversão preferida na qual se envolvem  com intensidade. A paixão pelo sexo pode conduzir a comportamentos de risco. A atração por pessoas possessivas e ciumentas coloca-os muitas vezes em situações extremas no amor. Podem envolver-se igualmente em amores secretos com forte conotação sexual. Podem ter hobbies secretos e gostam de se divertir em privado, podendo organizar «festas de sexo»  ou semelhante, apenas para um conjunto reservado de pessoas.

O Signo Escorpião é  um signo fixo, secreto, relacionado com a vida e a morte e os seus processos. Simboliza o poder de renovar a vida através da geração sexual. Os nativos com a influência do signo Escorpião são por isso fortemente imbuídos da energia criativa da sexualidade; são intensos, criativos mas gostam de manter os processo da sua criatividade sob reserva. Possuem uma mente arguta e capaz de escavar até ao fundo de todos os mistérios e podem ser excelentes investigadores, sobretudo quando se trata de trazer ao de cima alguma coisa escondida. A sua inteligência é marcada por processos emocionais que exprimem em  geral sentimentos extremos: de gosto não gosto, de paixão e de ressentimento; tendem e exprimir-se  emocionalmente de forma extrema, explodindo com facilidade na interação com os filhos, quando existem, ou com os parceiros amorosos. Têm  dificuldade em manter o equilíbrio entre a razão e a emoção, sendo muito mais movidos pela emoção e  sentem alguns aspetos menos positivos desta, como ciúme ressentimento, possessividade,  desejo de vingança, quando são afrontados. Precisam de sentir que dominam e controlam a relação, tanto como os filhos como com os parceiros amorosos. Os relacionamentos com estes são fatores de crise na vida destas pessoas, pois são catalisadores da transformação pessoal: estas pessoas transformam-se através do modo como se relacionam com os filhos e com os parceiros românticos e crescem espiritualmente neste processo.

Marte,  o regente de Escorpião,   inclina para uma expressão muito assertiva, impulsiva, inclina a agir sem pensar, a querer correr riscos, razão pela qual estas pessoas podem tonar-se dependentes do vício do jogo, para sentirem a adrenalina de «poder ganhar» e do próprio risco de perder tudo. Não se submetem a regras dos outros, seguindo antes as suas. Em vez de colaborar com os parceiros e filhos, preferem «mandar». Mas possuem uma  energia inesgotável para se divertir,  assistir a espetáculos de arte, música, desporto, cinema, para viverem alguma aventura…nos momentos em que se sentem felizes, são extremamente divertidos e animados. Mas uma vida apenas de tranquilidade serena não é para eles, sentem-se recarregados quando emergem os conflitos com os filhos, com os parceiros, precisam da energia dessa agressividade para se sentirem vivos, sendo também muito manipuladores com os que amam: tão depressa estão de semblante carregado e zangados como estão leves e alegres, generosos e genuinamente felizes com os que os amam.  .

Os filhos destes nativos podem ser secretos e reservados, desconfiados e conflituosos, podendo existir uma luta de poder constante entre eles e o nativo. Podem ser impulsivos e gostar de deportos de risco. Será necessário estabelecer-lhes limites, com regras claras, embora sem impedir o desenvolvimento da sua autonomia, para evitar criar um campo de batalha em que os nativos e os filhos estão em permanente conflito, amuo, «esticando a corda» para se sentirem no limite, uma vez que têm dificuldade em exprimir-se de forma não manipuladora ou controladora. Podem criticar o nativo , quando existem irmãos, queixando-se de que estes têm mais atenção, mais privilégios, mais benefícios, etc.,  do que eles, gostando de se vitimizar para legitimar a forma conflituosa como interagem com a entidade parental.

Na educação, estas pessoas dão-se bem numa carreira ligada à ciência, ao desporto, à criatividade e resolução de problemas,  em processos que permitam pesquisar e aprofundar as matérias com autonomia suficiente. Podem ser pouco participativos em termos vocais mas serão, certamente, dos mais capazes sempre que é preciso investigar e analisar processos que estavam esquecidos, ou ainda não descobertos. Preferem trabalhar sozinhos ou contar com a colaboração subordinada de colegas, sendo eles a tomar a dianteira da liderança.