Signo Gémeos na 11ª Casa do Horóscopo

Signo Gémeos na 11ª casa

Continuamos a explicar  os efeitos dos signos nas casas do horóscopo. Neste artigo falaremos da colocação do signo Touro na 11ª casa do horóscopo . Pode ler uma breve síntese dos significados da 11ª casa aqui.

Se desejar aprofundar os seus conhecimentos sobre os significados da 11ª casa, leia o artigo aqui.

Quando o signo Gémeos está colocado na 11ª casa- o que acontece para o Ascendente Leão– os nativos podem tornar-se conhecidos na comunidade e ganhar dinheiro em áreas ligadas à comunicação e à escrita. Gostam de ser disseminadores da informação , não apenas da que se passa no ambiente  próximo mas a nível mundial.  Tendem a ver no mundo e nas grandes massas da humanidade o seu interlocutor privilegiado, razão pela qual podem aspirar a uma carreira como jornalistas, escritores, donos de meios de informação capazes de chegar ao mundo inteiro e cujo papel é, em boa parte, o de superar todas as barreiras que impedem as pessoas de comunicar entre si em larga escala. Ora, em áreas como a escrita, o jornalismo ou até mesmo a profissão artística, em especial na área da música e dramatização ou dança, isso gera o desejo de se tornarem famosos e de interagirem com o maior número de pessoas possível.

A visão que os nativos com o signo Gémeos têm da sociedade é a de uma imensa rede de interações entre pessoas que falam, escrevem e interagem entre si: uma verdadeira rede global em que o essencial é que as pessoas possam trocar ideias e experiências, partilhar valores e padrões de cultura diferentes. E são excelentes a tirar partido da sua habilidade para pôr o mundo a comunicar, transformando isso em riqueza e lucro.

Os nativos com o signo Gémeos na 11ª casa são muito versáteis profissionalmente e possuem várias competências, podendo mudar com frequência as suas fontes de rendimento. Na verdade podem dedicar-se a diversas áreas ao mesmo tempo e ganhar em todas elas: tanto podem ser excelentes comerciantes a nível mundial, provavelmente aproveitando as oportunidades da Internet, como podem ser donos ou gestores de meios de comunicação, agências de viagens, de intérpretes, escolas de aprendizagem de línguas estrangeiras, como artistas excelentes  de instrumentos musicais, artesãos tradicionais que usam as habilidades manuais. professores, profissionais dos media, etc..

Estas pessoas contam também com amigos  inteligentes, conversadores, que integram o mundo dos media, do espetáculo, etc. Se tiverem irmãos mais velhos é possível que estes tenham talentos na área da escrita e da comunicação e sejam uma boa ajuda para o sucesso e o aumento das fontes de rendimento. Estas podem, no entanto, ser de origem pouco estável, mudando frequentemente e ora existindo ora sendo mais escassas. A força de Mercúrio no horóscopo determinará até que ponto estas fontes permitem alcançar rendimentos substanciais. Os irmãos mais velhos quando existem e os amigos partilham estas características de volatilidade e podem nem sempre estar disponíveis para apoiar e ajudar, a menos que Mercúrio seja realmente forte. A carreira pode também ela depender de diversos fatores que mudam com frequência e não implicar trabalho fixo. Os nativos podem, inclusivamente, trabalhar como «freelancers».

Os sonhos  e desejos dos nativos com o signo Gémeos na 11ª casa  ligam-se mais com um estilo de vida do que, propriamente, com o possuir bens de caráter duradouro e estável. A vida social é, para estas pessoas, o meio onde querem estar e pertencer e gostam de poder viajar com frequência, frequentar festas e eventos socias, apresentando-se com a imagem  de glamour que lhes permita serem aceites nos meios mais requintados da sociedade.  Uma imagem sofisticada e bem cuidada,  com os necessários «retoques» da moda e das joias e ornamentos, é requerida por estas pessoas. O seu «espírito» e inteligência fazem o resto.

Porém, os nativos com o signo Gémeos na 11ª casa não gostam de fazer, durante muito tempo, a mesma coisa e, por isso, são muitas vezes vistos como superficiais e sem capacidade para se dedicarem profundamente a qualquer tarefa. Podem, aliás, preferir trabalhar em part time em mais do que um emprego para poderem variar, em vez de se fixarem num trabalho de tipo rotineiro que os aflige e aborrece. As suas preferências vão sempre para funções em que possam falar e conversar, interagir com os outros, especialmente se puderem, ao mesmo tempo, fazer uso de diversos gadgets de comunicação e interação. Podem ganhar fama de  conhecer tudo o que se passa com figuras públicas da comunidade e podem alcançar sucesso como «os primeiros» a divulgar «notícias» sobre celebridades, podendo desse modo ser procurados por aqueles que desejam alcançar «15 minutos de fama» ou desejam genuinamente tornar-se conhecidos a nível alargado; ou, em alternativa, podem ser  odiados por transmitir aspetos da vida privada de figuras públicas, sobretudo quando esses aspetos são pouco favoráveis. De uma forma ou de outra, podem ganhar bastante influência  social devido a essa informação privilegiada e tornarem-se conhecidos por causa dela.

Os nativos com o signo Gémeos na 11ª casa gostam de ganhar  prémios ligados à área da comunicação , da inovação tecnológica associada á comunicação, ou ligados a algum talento artístico ou literário que possuam. São capazes de usar o poder da comunicação de uma forma completamente inovadora e criativa e isso pode dar-lhes grande relevo na sociedade, tanto no plano artístico como no plano intelectual e comunicacional.

No que se refere aos ganhos e rendimentos, os nativos com o signo Gémeos na 11ª casa podem ganhar muita riqueza e aumentar grandemente as suas posses  mas tanto podem estar muito ricos num dado momento como gastar tudo rapidamente e ficar sem nada. Não são capazes de ter um pensamento preventivo em relação ao futuro, vivendo o presente sem grandes preocupações e podem ver-se, de vez em quando, em situação de falta de fundos para viverem no estilo de vida  que apreciam.

Glossário astrológico- Gemas Pedras e Astrologia

O nosso título de hoje poderá parecer, aos mais distraídos, estranho ou bizarro mas a verdade é que, desde a mais remota antiguidade, tem sido referida  a correlação entre a energia dos planetas e as gemas ou pedras preciosas ou semipreciosas. Na verdade, cada planeta tem uma  pedra ou gema associada primariamente e também algumas outras que podem ser associadas secundariamente. Embora a cor das gemas e pedras seja um fator importante, a associação entre os planetas e as pedras obedece a uma lei de correspondência que implica uma frequência vibratória semelhante entre ambos e é considerada da maior importância nas práticas da Astrologia Jyotish.

Segundo a tradição, são as seguintes as gemas associadas primariamente para cada planeta: O Rub para o Sol, a Pérola para a Lua; o Diamante  para Vénus; a Esmeralda para Mercúrio; o Coral Vermelho para Marte, a Safira Amarela para Júpiter; a Safira Azul para Saturno; a  Essonite para  Rahu, o Olho de Gato (Crisoberilo)  para Ketu.

É uma crença generalizada na Índia que o uso de gemas  pode ajudar a fortalecer as energias mais fracas do horóscopo de nascimento, entrando-se aqui num plano em que a Religião e as práticas tradicionais da medicina Ayurvédica entram em ação.  Cada mapa de nascimento revela um conjunto integrado de energias em que algumas se exprimem de forma harmoniosa e outras de forma conflituosa.  Assim, é possível ajudar a harmonizar ou fortalecer tanto as energias mais fracas como as mais fortes no horóscopo, usando uma ou mais pedras ou gemas. Existem pessoas peritas em determinar qual ou quais as melhores pedras para um determinado indivíduo usar, de acordo com o seu mapa natal e, segundo os entendidos, o uso indiscriminado de pedras pode ser mais nefasto do que positivo, quando não se tem o conhecimento necessário para escolher essas pedras.

Entre os fatores a ter em conta para determinar qual ou quais as gemas e pedras  que cada um deve usar, tem-se em conta, em primeiro lugar, o signo da Lua e o planeta regente desse signo, bem como  qual o período dasa que estava a ocorrer no momento do nascimento e a posição no mapa do regente desse período dasa. Todos os restantes planetas  são também avaliados tendo em conta a sua força e fraqueza e posição no mapa de nascimento.  A divisional Navamsa é também analisada, vendo-se a posição nesta divisional de todos os planetas. Com base na avaliação global de todos estes fatores, prescrevem-se então a ou as gemas ou pedras consideradas mais adequadas para uma dada pessoa fortalecer o seu mapa natal, usando as energias das pedras. Trata-se de uma verdadeira especialização  e «arte» na área da Jyotish e muitos astrólogos não são qualificados para fazer esta prescrição pois trata-se de uma área em que não basta saber Astrologia, é também necessário conhecer as pedras e gemas. Também há que ter em conta que o uso simultâneo de várias gemas pode gerar situações de conflito energético, pelo que o uso de várias pedras ao mesmo tempo só deve efetuar-se a partir de um conhecimento claro  das energias das pedras e das suas interações, seguindo a prescrição dos peritos nesta área que relaciona Gemologia e Astrologia. Se tem um conhecimento limitado desta área, opte por usar uma da pedras ou gemas relacionadas com o signo da Lua ou Ascendente ou uma pedra com a qual sinta especial afinidade.

Embora as gemas preciosas sejam as pedras primariamente associadas aos planetas, existem pedras semipreciosas que podem substituí-las satisfatoriamente, atendendo ao elevado preço das gemas. Assim, para o Sol, em vez de Rubi pode usar  a Espinela Vermelha ou, como 3ª escolha, a Rodolite ou ainda a Rubelite como última escolha ; para a Lua, ao invés da  Pérola natural, pode usar a Pérola de cultura chinesa, a Pérola dos mares do sul  ou, em última escolha, a Pedra da Lua; para Marte, em vez do Coral Vermelho, pode usar a Cornalina; em vez da Essonite para Rahu pode usar a Espessartite (que pertence ao género da Granada);  para Mercúrio, em vez da Esmeralda pode usar a Turmalina verde ou, em última escolha, o Peridoto; para Júpiter, em vez da Safira Amarela pode usar o Topázio Amarelo ou o Citrino; para Saturno, em vez da Safira azul pode usar a Espinela Azul ou a Ametista; para Vénus, em vez do Diamante  pode usar  a Safira Branca e,  como 3ª escolha , a Fenaquita e por último o Zircão branco; para Ketu  não há pedra secundária.

Alguns autores advertem para o facto de as gemas e pedras mal prescritas poderem causar efeitos mais negativos do que benéficos, sendo  disso exemplo o     uso  das pedras atribuídas a Rahu e Ketu  fora do período dasa  e cujas energias podem causar efeitos secundários adversos.

Para os que experimentaram já o uso de pedras e cristais, é óbvio que estes possuem energias cujos efeitos podem ser efetivamente  sentidos por aqueles que as usam. Mas, como todos os tipos de energia,  devem ser usadas de forma correta para poderem produzir os seus bons efeitos.  Assim, antes de usar uma pedra ou gema,  informe-se para saber se a sua energia lhe será favorável.  Só o critério estético ou o valor monetário não é suficiente para justificar o  seu uso.

Conjunção Sol Rahu na 8ª Casa Signo Escorpião

Explicamos neste artigo os efeitos gerais da conjunção Sol Rahu na 8ª casa e no signo Escorpião. Para melhor acompanhamento dos leitores, publicamos também a explicação dos efeitos da colocação de Rahu na mesma casa e signo.

Para saber os efeitos da colocação do sol na 8ª casa, leia o artigo aqui.

A posição de Rahu na 8ª casa dá ao nativo uma obsessão por rejuvenescer, por se transformar. Nesta casa Rahu pode provocar transformações súbitas  na vida, transformação causada por catástrofes  como a guerra, tremores de terra, cirurgia. Pode haver tendência para formar relacionamentos confidenciais que podem envolver a partilha de diversos segredos. Estas pessoas podem viver em ambientes que sofrem repentinas transformações com potencial destrutivo elevado. Gostam também de esconder bens  e de os procurar.

Há nos nativos com Rahu na 8ª casa um profundo desejo de cura, embora esta possa ser realizada através de processos traumáticos. Aspiram conquistar uma nova identidade, desejam sentir que podem renascer.

Há muitas vezes recursos e riqueza escondidos, tanto pelo nativo como pelo cônjuge e/ou a família deste.

Para estas pessoas, o segredo é um importante fator da sua conquista do poder, considerando que ligações secretas e recursos escondidos são um caminho seguro para o sucesso que pretendem alcançar. Para esse objetivo adquirem conhecimentos ocultos e transformam a sua identidade ao mudarem a visão e a perceção do mundo, os limites da moralidade e das regras sociais.

Os nativos com Rahu na 8ª casa aprendem a tirar partido das catástrofes, acidentes, ações violentas, etc., que ocorrem de forma rápida e imprevisível, da morte de outros. Todas estas situações são capazes de catapultar estes nativos para um plano social mais elevado do que o de partida.  Estas pessoas são talentosas para levar a cabo missões secretas do poder executivo e diplomático; têm o sangue frio necessário para atuar em situação de catástrofe ou desastre sem perder a calma. Querem muitas vezes obter reconhecimento como figuras fundamentais para gerir situações de crise ou de catástrofe.

Porém, como a 8ª casa é uma casa de segredo, toda a reputação e reconhecimento que Rahu pode alcançar também é mantida secreta, uma vez que é efetuada fora dos olhares do público. Rahu, no entanto, aspira à máxima visibilidade por isso não é feliz, sejam quais forem os resultados que tiver na 8ª casa.

A posição de Rahu na 8ª casa pode indicar uma herança significativa recebida pelo nativo mas este, geralmente, procura esconder o dinheiro ganho. Quando Marte e o regente da 8ª casa são fortes, o nativo  fará tudo o que for possível para alcançar os seus fins de aquisição de dinheiro e riqueza. Pode existir um desejo obsessivo de «escavar» os bens de riqueza do cônjuge e trazê-los a descoberto.  Estas pessoas têm a paixão de conhecer segredos., forças escondidas (daí o interesse pela magia   e pelo oculto), pelos processos profundos de cura. Gostam de se envolver com segredos que podem ser perigosos ou arriscados e que envolvem  o «desconhecido».

Rahu na 8ª casa indica, em geral, relacionamentos sexuais fora do casamento que podem colocar  o nativo em posição socialmente difícil. Estas pessoas precisam de ter sempre uma atmosfera de segredo a rodear as suas vidas, seja qual for a razão para isso.  Podem manter acordos e ligações secretas em todos os domínios: sexual, político, financeiro e metafísico. Raramente são o que parecem ou dão a ver aos outros.

Por vezes estes nativos conseguem apropriar-se de forma muito sub-reptícia dos bens e riqueza do cônjuge e da  família deste.  Sentem um verdadeiro fascínio pela riqueza escondida  e também por conhecimento secreto, especialmente o que pode aumentar o seu poder. Mas, por vezes, esta posição de Rahu leva a correr riscos perante situações de perigo ou de catástrofe que podem ameaçar inclusivamente a vida . De certo modo, Rahu corre riscos para «desmentir» a sua mortalidade e pode mesmo recorrer a forças desconhecidas vulgarmente conectadas  com a «escuridão» para «vencer a morte», embora descubra demasiado tarde que a sua sede de imortalidade terrena é uma ilusão.  Segundo alguns, quando Rahu está na 8ª casa e há um aspeto de Marte para a 8ª casa ou outros fatores de aflição a esta casa, o nativo pode, com a sua imprudência, causar a própria morte .

A posição de Rahu na 8ª casa favorece  o desempenho em profissões como espião ou agente secreto, pessoas infiltradas para investigar sob disfarce, investigação criminal e forense, etc. A par com estas possibilidades, estes nativos também aspiram  a fazer parte de elites secretas  com partilha reservada de conhecimentos e privilégios. Podem dar bons arqueólogos e exploradores de tesouros escondidos dentro da Terra, no mar; podem trabalhar no fabrico de armas secretas militares  capazes de causar grande destruição e morte e até enveredar pela descoberta da magia, sobretudo «negra» que é simbolizada por Rahu. Esta posição de Rahu também coloca o nativo em interação com indivíduos estrangeiro, exóticos, de diferentes culturas. Estas pessoas também  podem ser excelentes no campo da psicologia e psiquiatria, bem como excelentes cirurgiões e gestores de catástrofes.

A morte para estes nativos pode vir através de veneno, drogas ou de alguma forma inesperada. Pode ocorrer no estrangeiro ou  com a pessoa rodeada de desconhecidos.

Segundo os clássicos, a posição de Rahu na 8ª casa indica tendência para se associar com pessoas indesejáveis que prejudicam a reputação do nativo. Este tem tendência para sofrer de doenças difíceis de diagnosticar. Mas Rahu aqui ajuda a longevidade e a saúde e também favorece o recebimento de heranças. A vida familiar e a relação com o cônjuge e irmãos é difícil e o nativo pode viver longe do local de nascimento. Pode ter problemas digestivos e no reto e doenças nos órgãos reprodutores; pode  sofrer perdas contínuas. É  feliz na velhice. A posição de Rahu na 8ª casa é também a de cura pelo que o nativo pode ter o dom de curar.

No período dasa e subperíodos de Rahu pode haver uma ascensão e sucesso na primeira parte do período mas, em geral, no final do período há perda dos ganhos e privilégios conquistados.

Para saber os efeitos da colocação do sol no signo Escorpião leia o artigo aqui.

Quando Rahu está colocado no signo Escorpião os seus significados são muito semelhantes aos da colocação na 8ªcasa: procura de conhecimentos secretos e privilegiados, desejo de correr riscos pelo desconhecido, paixão pelo poder da transformação que altera a identidade, busca de conhecimento secreto, desejo de conhecer e controlar  o ciclo da morte e do renascimento.

Rahu no signo Escorpião deseja possuir os segredos da reincarnação, do renascimento  e da possibilidade de derrotar a morte. Estas pessoas também sentem atração pelas transformações súbitas causadas pelas catástrofes, acidentes, situações de emergência,. Estas pessoas adoram segredos e sentem-se fascinadas com os venenos e substâncias tóxicas, pelo oculto, por todas as forças poderosas e escondidas do universo.

É comum os nativos com Rahu no signo Escorpião terem relacionamentos escondidos ou, de alguma forma, proibidos pela sociedade. Gostam de se relacionar com pessoas estrangeiras, exóticas, marginalizadas, de classe considerada inferior. São manipulativos , reservados e secretos.

Quando Rahu está no signo Escorpião  o nativo passa por uma fase muito difícil em que quase é destruído  e após a qual consegue reinventar-se  e adquirir força e poder. Rahu no signo Escorpião deseja adquirir poder mas não o poder exibido às multidões. Ele deseja um poder discreto e escondido, aprendendo a manipular na sombra para adquirir controlo. Estes nativos podem ter uma aptidão natural para curar mas podem escolher a via da exploração do oculto, muitas vezes para mostrar  e desvelar os seus segredos.  O desejo de explorar o desconhecido é muito forte, neste signo de Marte em que Rahu assume e amplifica as qualidades deste planeta. A posição de Marte na D-1 e na navamsa é essencial para determinar o tipo de efeitos de Rahu.

O período dasa e subperíodos de Rahu podem começar com algum evento catastrófico que quase destrói o nativo, física , psicológica ou mental: o ciclo pode indicar um trauma severo causado, por ex, por um acidente ou o nativo tem que fazer uma cirurgia delicada ou outro  sofre trauma significativo. Após recuperar, volta a ganhar controlo sobre a sua vida, superando o choque sofrido. Este tipo de experiência parece ser específico da colocação de Rahu no signo Escorpião, o signo da sua debilitação segundo vários investifadores.

Segundo os clássicos, Rahu no signo Escorpião indica uma pessoa vingativa, que terá que lutar muito para sobreviver. Será dada a extremos. Ao agir tem motivos escondidos . Sobrevive ao cônjuge.

Rahu no signo Escorpião torna o nativo fascinado por tudo o que é secreto, oculto. Pode ficar obcecado por conhecer e controlar todo um conjunto infindável de conhecimento oculto. A pessoa perde facilmente  o equilíbrio psicológico e emocional com esta posição de Rahu, podendo ficar arrasada pelas transformações inesperadas que ocorrem no signo Escorpião. Estes processos ocorrem em catadupa sem dar tempo para os integrar plenamente, sobretudo nos períodos de Rahu, em que mudanças extremas podem ocorrer na vida.

Esta posição de Rahu causa muita perturbação no plano mental pois Rahu é um planeta que funciona através dos processos mentais de manipulação mas, no signo Escorpião, fica imerso num mar de emoções profundas que são difíceis de controlar e torna-se impossível alcançar o objeto material dos seus desejos.

Pode haver também grande obsessão por dominar os conhecimentos ocultos sobre o mundo, a matéria, a substância das coisas. Ao mesmo tempo, estas pessoas procuram controlar tudo à sua volta, no plano mais material. Quando Marte, o regente de Escorpião, é forte no horóscopo, estes nativos podem atingir grande sucesso no plano material, por ex., como cirurgiões, engenheiros, magnatas do petróleo, gestores de situações de emergência, etc..

Conjunção Sol Rahu na 8ª Casa signo Escorpião

Quando o Sol e Rahu estão em conjunção na 8ª casa ou no signo Escorpião  os nativos têm a obsessão pelo controlo e por liderarem sociedades secretas, onde se dedicam a atividades que mantêm escondidas dos olhares públicos. Relações secretas são comuns, por diversas razões e alguns podem dedicar-se a estudos ligados à alquimia e à magia, procurando obsessivamente encontrar factos e conhecimentos escondidos  que regem o mundo terreno.

O Sol está mais bem posicionado no signo Escorpião do que Rahu pois o elemento Água deste signo,   associado ao carácter de inesperada transformação, não favorece a atuação de Rahu, que procura um escape para a realização dos seus desejos materiais. Porém, o desejo de conhecer os segredos sobre a vida e a morte pode ser obsessivo. Do mesmo modo estas pessoas podem ser fascinadas pela procura de tesouros enterrados ou afundados e podem dedicar-se a buscas aventureiras para encontrar tesouros e aparecer como autoridades prestigiadas que trazem à luz uma parte importante da História.

A conjunção Sol Rahu na 8ª casa ou no signo Escorpião procura alcançar poder  através da imersão na  profundidade da realidade, seja esta de natureza física ou fisiológica, de natureza psicológica  , médica, etc.. Esse poder desenvolve-se no circuito fechado de uma comunidade de pares., não à luz da sociedade geral. O nativo pode não mostrar em plena luz a sua capacidade de influenciar e decidir para poder, desse modo, manipular na sombra e influenciar de forma «invisível» o que lhe interessa.

Embora  esta seja uma conjunção em que os resultados podem ser mais positivos quando o Sol  tem pelo menos 10 º de distância em relação a Rahu, o nativo em geral anseia por alcançar poder- neste caso sobre o que é desconhecido, sobre os mistérios da vida e da morte, poder de controlar as posses e a riqueza do parceiro , poder de se colocar á prova e experimentar todos os riscos, para provar a si mesmo que pode «vencer a morte».

Os nativos com a conjunção sol Rahu na 8ª casa ou no signo Escorpião aspiram a «despir a sua mortalidade» e a assumirem-se como divinos e podem, por isso, explorar o plano do oculto e da magia para tentarem controlar o seu processo de transformação pessoal. Querem estar no centro das atenções e podem usar o seu poder de forma autoritária e sem qualquer respeito pelos outros ou pelos interesses dos outros. Podem ter a tendência para instrumentalizar os outros de acordo com os seus interesses do momento.

A personalidade Sol Rahu na 8ª casa pode ser profundamente egoísta e até mesmo criminosa mas pode igualmente ser alguém que resolve usar a ciência para deixar a descoberto alguns segredos do universo e mudar a visão que a humanidade tem do mundo (Einstein, por ex).Estes indivíduos são aventureiros e investigadores indómitos capazes de enfrentar o desconhecido sem medo.

Quando o Sol está a pelo menos 10º de Rahu, sendo  mais forte no signo Escorpião do que Rahu, pode usar a amplificação que este faz das suas qualidades para produzir alguém com grande sentido altruísta e capaz de sacrificar a sua vida pessoal em prol da humanidade. O nativo pode ser um curador, um médico ou cirurgião fascinado com o estudo aprofundado dos mistérios do corpo humano ou da sua psique.

Signo Touro na 11ª Casa do Horóscopo

Signo touro na 11ª casa do horóscopo

Continuamos a explicar  os efeitos dos signos nas casas do horóscopo. Neste artigo falaremos da colocação do signo Touro na 11ª casa do horóscopo. Pode ler uma breve síntese dos significados da 11ª casa aqui.

Se desejar aprofundar os seus conhecimentos sobre os significados da 11ª casa, leia o artigo aqui.

Quando o signo Touro está colocado na 11ª casa- o que acontece para o Ascendente Caranguejo– os nativos são muito determinados e persistentes na prossecução dos objetivos, desejos e sonhos.  Colocam a si próprios uma meta a atingir a trabalham incansavelmente e sem desistir até conseguirem realizá-la. Estas características da personalidade fazem com que ganhem muito dinheiro na vida através do trabalho empenhado e também beneficiam largamente de amigos bem colocados e influentes que os ajudam a concretizar os sonhos e os desejos. Estas pessoas colocam metas a alcançar  cedo na  vida  e, em geral, fixam essas metas que se mantêm permanentes e inalteradas pois não apreciam a mudança. Procuram também fontes de rendimento que possam ser estáveis e de confiança, rejeitando modos mais imprevisíveis ou inseguros – ou de risco- para obter os seus ganhos e rendimentos.

A visão que têm da sociedade é de estabilidade, preferindo ambientes com estilo conservador embora muito apelativos em termos estéticos.  Podem ganhar bastante no comércio ou na produção de objetos artísticos, em especial escultura, cerâmica, design de joias e também prosperam no campo gourmet dos vinhos e procutos alimentares. Também podem ganhar pela compra e venda de objetos de coleção, produtos armazenados, etc.

Os nativos com o signo Touro na 11ª casa contam com amigos de confiança, que podem manter-se a vida toda. Podem tornar-se amigos de pessoas que conhecem na vida profissional  em viagens, etc., gostando de conservar as amizades pela vida fora pois isso dá-lhes um sentimento de estabilidade geral na vida pessoal e na sua visão do mundo. O círculo social e as amizades em geral são fundamentais para ajudar estas pessoas a obter uma sólida posição social e aumentar os seus níveis de riqueza. Os amigos são pessoas de confiança, solidamente ligados ao nativo e gostando de um estilo de vida que usufrui de todos os prazeres da vida, incluindo o envolvimento em atividades que permitem alcançar mais conforto e riqueza. Assim, não é de espantar que estes indivíduos estejam muitas vezes envolvidos com os amigos em festas, almoços e jantares, etc..O usufruto dos prazeres sensuais alia-se ao esforço para aumentar os níveis de riqueza e concretizar todos os sonhos. Os sonhos destas pessoas estão bastante ligados à conquista de riqueza material e à posse do máximo possível de bens. Os prazeres espirituais que apreciam são também confundíveis com os materiais, como a apreciação da beleza que os leva a poderem gastar bastante com obras de arte, artigos de decoração, etc. Podem também investir na compra de carros (especialmente de coleção ou topo de gama, símbolo de status) e em imobiliário e terras pois uma das coisas que mais apreciam é justamente a «terra», o chão a que possam chamar «seu» e que delimita as fronteiras do seu mundo.

Os irmãos mais velhos quando existem e os amigos têm personalidades afáveis e leais mas podem «explodir» facilmente quando são afrontados. Podem ter talento artístico e são dedicados ao nativo, havendo um relacionamento harmonioso e duradouro com eles .Podem também ter bastante dinheiro e um elevado status na sociedade, estando sempre prontos para participar em atividades de lazer, embora também sejam capazes de trabalho duro.

Os sonhos dos nativos com o signo Touro na 11ª casa são, como referimos, geralmente de ordem material: sucesso é o que mais os motiva: sucesso em ganhar muito dinheiro e adquirirem todas as posses que ambicionam, acompanhadas de elevado estatuto social.

Quando se envolvem na vida dos grupos, os nativos com o signo Touro na 11ª casa trabalham sobretudo para manter a ordem vigente. Podem também contribuir fortemente para a realização de objetivos humanitários,  que ajudem as massas a melhorar as suas condições de vida e são capazes de lutar persistentemente para alcançar esse objetivo , rodeando-se de uma equipa de confiança que luta pelos mesmos ideais. Mas os seus objetivos nunca são revolucionários, estas pessoas acreditam em melhorar a partir da matriz vigente, sem destruir a coesão geral da sociedade e das comunidades e garantindo que estas mantêm a sua identidade tal como vem da tradição.

Os nativos com o signoTouro na 11ª casa gostam de ganhar concursos associados à área da beleza, da arte, do canto, da jardinagem. Podem exibir com orgulho por ex., a produção de um vinho gourmet, uma nova qualidade de «rosa» ou outra flor,  produção musical que ganha prémios, etc. Podem, por isso, patrocinar outros que lhes permitirão a alegria de vencer em alguma das categorias de produtos com que trabalham.

No que se refere aos ganhos e rendimentos, os nativos com o signo Touro na 11ª casa podem ganhar muita riqueza e aumentar grandemente as suas posses pois são muito trabalhadores e as qualidades da sua personalidade orientam-nos exatamente para a acumulação de bens de todos os tipos, tendo também uma intuição inata para saber, de antemão, quais as melhores oportunidades para o efeito. Neste sentido, o seu desejo máximo poderia bem ser o título e as vantagens de ser  «mais rico» , o que tentarão concretizar dentro dos limites das suas potencialidades de ser.

Os irmãos mais velhos, quando existem, são trabalhadores, determinados e podem ser um apoio destes nativos, contanto que não sejam contrariados nas suas atitudes e comportamentos. Quando as personalidades são muito diferentes, pode haver atrito devido á teimosia com que os irmãos exprimem as suas posições. Mas, em geral, podem fazer o papel de «tutores», ajudando o nativo de forma prática, estável e cordial. Como «mais velhos» , exigirão obediência e subordinação do nativo á sua vontade, especialmente se houver uma diferença de idade considerável.

Glossário astrológico- Ghati(ka) Lagna

 

Poder Fama e Autoridade

O Gathi ou  Ghatika lagna é um dos  Ascendentes especiais usados pela Astrologia Jyotish. É matematicamente derivado a partir da diferença entre o nascer do Sol e o tempo do nascimento. «Ghati» é uma unidade de tempo  de 24 minutos. Esta unidade de tempo é usada para calcular a carta do Ghatika lagna ou Ghati lagna.

Na Astrologia Jyotish, o termo «lagna» significa «self», a identidade pessoal. Esta tem diversas camadas ou aspetos. As qualidades do self a que se regere o Ghati lagna  são as do poder, fama e autoridade que o indivíduo pode alcançar. Assim, quando se trata de saber qual o potencial destas qualidades revelado pela carta natal, a Astrologia Jyotish usa o Ascendente do Ghati lagna para melhor o determinar. Mas o estudo do Ghati lagna deverá complementar-se com o  estudo do Hora lagna, diretamente relacionado com a prosperidade financeira. Posteriormente neste glossário falaremos do Hora Lagna.

Considerando o Ghati lagna como a primeira casa,  as restantes deverão ser contadas a partir da posição do Ghati lagna sendo numeradas a partir deste e lidas nos seus significados com os significados gerais da 2ª, 3ª, 4ª, etc., casas. Esta reordenação das casas do horóscopo fará com que os planetas apareçam colocados em uma casa diferente, tendo em conta os significados do Ghati lagna. E esta reordenação das casas e dos planetas no horóscopo, para o propósito de averiguar o potencial de fama, autoridade e poder das promessas natais ajuda a explicar porque é que a posição aparentemente reveladora de sucesso nesta área afinal não se revela de forma evidente e vice-versa. Assim, para estabelecer este potencial de sucesso, deve contar-se a posição dos planetas a partir do Ghati lagna e usar o princípio da correspondência das casas e os significados gerais destas. O planeta deve igualmente ser analisado em função das casas que rege e da casa onde está situado. Deste modo,  vejamos o exemplo seguinte: um planeta está colocado na 5ª casa a partir do Ghati lagna , casa ocupada pelo signo Escorpião. O regente dessa casa e signo- Marte- está por sua vez colocado na 6ª casa a partir do Ghati lagna. Ora, Marte rege a 5ª  e a  12ª casas e o planeta aqui colocado- a Lua- rege a 8ª casa.  Esta pessoa pode alcançar poder e autoridade após enfrentar lutas e obstáculos mas o sucesso pode ser instável, estando sujeito a mudanças bruscas que destroem a riqueza existente, embora a pessoa possa conseguir refazê-la através do próprio esforço e determinação. Mas o envolvimento dos regentes da 6ª e da 8ª casa com a 5ª casa, uma casa relacionada com o karma  trazido do passado e que influencia o estado presente da vida individual, evidencia que o campo em que este indivíduo pode tornar-se uma autoridade está ligado ao desenvolvimento intelectual e espiritual, mais do que ao plano material. A posição de Marte é forte, indicando combatividade, coragem, mas também que a pessoa contará com inimigos que tentarão colocar obstáculos no seu caminho. Estando forte e bem colocado, Marte indica grande potencial de a pessoa sair vencedora nesse intento. E, estando a Lua colocada no signo Escorpião, na 12ª casa a partir do Ascendente, torna-se ainda amais evidente que o poder a conquistar é, essencialmente interno, de transformação por mudanças geradas por situações de crise ao longo da vida, que purgarão a identidade e a ajudarão a rejuvenescer sempre que supera uma dessas crises. A «autoridade» e «poder» assim alcançados poderão situar-se no plano não visível para os outros, com o envolvimento da 8ª e da 12ª casas, ou situar-se numa estrutura invisível para o grande público, ou ainda no plano interno da consciência individual.

A posição dos planetas e a análise dos fatores que acabámos de mencionar: a) contagem do nº de casas que separam o planeta do Ghati lagna; b) as casas que o planeta a analisar rege e os seus significados gerais; a colocação do planeta dispositor do signo/casa em que se encontra colocado o planeta a analisar; c) a distância entre o Ascendente e a colocação dos planetas em causa deverão ser todos analisados para se julgar globalmente o potencial do nativo para o poder, autoridade e fama.

E, complementarmente, a avaliação conjunta destes fatores, combinando a análise a partir do Ascendente com a análise a partir do Ghati lagna dá uma perspetiva mais completa do potencial  de autoridade, poder e fama a alcançar com o nativo.

Conjunção Sol Rahu na 7ª Casa signo Balança

conjunção sol Rahu na 7ª casa signo Balança

No artigo de hoje explicamos os efeitos gerais da conjunção Sol Rahu na 7ª casa e no signo Balança e, para melhor compreensão dos leitores, publicamos também os efeitos da colocação de Rahu na mesma casa e signo.

Para saber os efeitos da colocação do sol na 7ª casa leia o artigo aqui.

Quando Rahu está colocado na 7ª casa o nativo tem um interesse pronunciado por efetuar acordos, contratos, em particular  pelo casamento. Pode envolver-se numa profissão especializada em efetuar alianças e acordos ou negócios em que ambas as partes partilham interesses comuns. Neste sentido, pode ser advogado e intermediário, negociador, facilitador, conselheiro, etc. Estas pessoas procuram elevar-se socialmente usando os contratos e alianças, tendo perfeita consciência de que, dessa forma, alcançarão muito mais sucesso do que sozinhas.

Rahu na 7ª casa dá ao nativo o desejo e a necessidade de ser um «parceiro» embora possa, muitas vezes, ser apenas um disfarce para concretizar a sua própria agenda de interesses.  Mostra, no entanto, atitudes que  são interpretadas como sendo de justiça e igualdade na relação. Estas pessoas acreditam que as parcerias são a chave para o seu sucesso na vida e, dessa forma, são capazes de investir fortemente nos relacionamentos pessoais de natureza contratual. Ou seja, sentem igualmente a necessidade de formalizar os seus acordos e parcerias, não lhes bastando a informalidade da palavra dada ou do «aperto de mão», focando-se por isso essencialmente nos aspetos da garantia escrita e das obrigações que acarreta.

Os parceiros dos nativos com Rahu na 7ª casa são em geral exóticos, cheios de expediente, podem ser estrangeiros e têm estratégias invulgares para alcançar sucesso nos negócios.  Estes parceiros também anseiam, em geral, por privilégios elevados e uma vida de extravagância. Para os nativos com esta posição de Rahu trata-se de procurar o parceiro especial que os ajudará a subir a escada do sucesso, procura essa que esbarra sempre na desilusão de cada parceiro que nunca tem a perfeição desejada nem a receita milagrosa de servir de trampolim para o topo da sociedade.

Mas a posição de Rahu na 7ª casa também indica desejo de ser mediador ou negociador entre grandes empresas e instituições, ocupando cargos de diplomacia,  de intermediação, etc.,  pela importância que esses cargos têm para a perceção que têm de si mesmos.  Normalmente, também  fazem um casamento baseado na mesma sede de ascensão social, escolhendo um (a) parceiro (a) de classe social mais elevada do que a sua ou mais rico, mais influente, etc. O(a)  parceiro (a) de casamento é muitas vezes de origem estrangeira , de outra etnia ou «raça», etc.  Quando há outros planetas em conjunção com Rahu na 7ª casa é muito provável  que haja vários casamentos.

Os nativos com Rahu na 7ª casa fazem alianças muitas vezes arriscadas   insinuando-se junto de pessoas que podem trazer-lhes privilégios e benefícios. Anseiam também por ser reconhecidos como «iguais» entre os privilegiados.

Tem sido o referido o facto de  que Rahu na 7ª casa, quando está exaltado (signo Touro) ou ocupa o signo de que é corregente – Aquário- pode trazer consideráveis resultados materiais, colocando a pessoa numa rede financeira de investidores ou  casando com um parceiro com grande riqueza.

A presença de Rahu na 7ª casa indica com frequência problemas a nível do relacionamento sexual: o nativo ou o seu parceiro podem ser promíscuos  e infiéis, procurando outros parceiros.

O primeiro casamento destes nativo pode permitir a ascensão para uma posição social mais elevada. Estes nativos têm o constante desejo de  formar acordos, contratos ou alianças com estrangeiros ou pessoas exóticas. Gostam também de quebrar as regras escolhendo pessoas que são marginalizadas ou , de algum modo, consideradas à margem da sociedade. Os parceiros ,por sua vez, em especial o do casamento, podem desprezar as convenções associadas ao casamento por ex., no que se refere à obrigação de fidelidade. O nativo também pode sentir-se atraído por parceiros que estão legalmente casados com outra pessoa. Há muitas vezes um «casamento aberto» aceite por ambo os cônjuges. Rahu na 7ª casa é um significador (karaka) de vários casamentos.  Mas esta liberdade sexual pode causar instabilidade no casamento e na imagem pública do nativo. Estes aspetos podem ser controlados de houver um aspeto entre Saturno e Rahu ou uma conjunção entre ambos.  Mas, se Rahu estiver em aspeto ou conjunto com Marte, o comportamento sexual do parceiro torna-se muito promíscuo, imprevisível e incontrolável.

A natureza oleosa e fumacenta de Rahu pode indicar também, na casa dos negócios, que o nativo escolhe trabalhar na indústria petrolífera,na exploração mineira, etc. Também podem ter negócios associados aos seres humanos, indústria do sexo, exercício de advocacia para estrangeiros, etc.  Rahu na 7ª casa favorece grandemente os negócios com países estrangeiros.

Segundo os clássicos, quando Rahu está colocado na 7ª casa traz sofrimento e parceiros que, por alguma razão, são indesejáveis, podendo causar humilhação ao nativo. Assim, a separação, o divórcio e, por vezes até a morte são possíveis, com Rahu na 7ª casa  Estas pessoas gostam de viajar, de formar novos relacionamentos e parcerias. Podem ter problemas causados pelo parceiro, dores no corpo, enfrentar inimizade, sofrer perdas comerciais. Pode haver hostilidade para com o parceiro, problemas menstruais nas mulheres, privação de prazeres sensuais.

Nos períodos de Rahu (e subperíodos) há muita vezes uma ascensão meteórica do nativo e acesso a privilégios  na primeira metade do período mas, na segunda parte, perto do final do período, há subitamente algum evento que leva a perder tudo e a regressar ao  ponto de partida.

Para saber os efeitos da colocação do sol no signo Balança, leia o artigo aqui.

Rahu no signo Balança aspira a fazer acordos e estabelecer alianças. O nativo deseja formar uma  aliança ou contrato que seja «para sempre». Deste modo, é típico o desejo de um relacionamento perfeito com esta posição de Rahu. Há , no entanto, sempre também, a qualquer momento, a destruição da ilusão dessa perfeição, após algum tempo.

Estes nativos sentem-se especiais quando formam um relacionamento que percecionam como perfeito. Por isso podem ocupar boa parte da vida à procura da concretização deste desejo. Porém, a cada momento, o parceiro é alvo de avaliação e crítica e isso destrói todas as hipóteses de paz duradoura  conjugal e nas parcerias.

Os parceiros escolhidos por estas pessoas têm sempre alguma coisa que os valoriza em relação a outros mas isso nunca é suficiente, levando o nativo a procurar continuamente alguém que corresponda ao que deseja. Parece que a paz conjugal só é alcançada para estas pessoas quando Vénus está também no próprio signo em conjunção com Rahu.

Para avaliar os efeitos da colocação de Rahu no signo Balança  é preciso analisar a posição de Vénus e o regente de Balança na D-1 e na navamsa. Rahu amplifica os efeitos (positivos e negativos) de Vénus. O mesmo acontece em relação a outros planetas que estejam colocados na 7ª casa.

Rahu amplifica  igualmente os significados do signo Balança: amor pela beleza e pela harmonia, por contratos e acordos justos, relacionamentos perfeitos e harmoniosos, pela diplomacia, etc., pode causar  paixões súbitas por parceiros exóticos. São também grandes apreciadores de todos os prazeres sensuais e estéticos, do luxo e de todos os confortos alcançados através da riqueza.

Nos períodos dasa ou subperíodos de Rahu , se este receber o aspeto do regente da 2ª ou 7ª casa, pode haver separação por divórcio ou mesmo morte e destruição de acordos ou contratos  ligados a relacionamentos anteriores.

Rahu está em signo amigo em Balança e isso faz com que aumente o esforço individual para alcançar equilíbrio e harmonia, sem deixar de ser subtilmente manipulativo, usando as táticas diplomáticas e atitudes «civilizadas» .Porém, apesar de serem capazes de revelar tato, estes nativos não têm em geral  relacionamentos harmoniosos, nem casamentos felizes, revelando falta de lealdade e de confiança em relação aos parceiros.  Rahu é um planeta destrutivo, obsessivo, com o desejo de acumular e usufruir de bens mundanos e materiais e isso choca com o desejo de criar concórdia e equilíbrio de Vénus pois Rahu é sempre desmedido

A obsessão de Rahu no signo Balança é atingir o relacionamento perfeito, dependendo do objeto do desejo da casa ocupada pelo signo Balança. Na 7ª casa deseja ter o cônjuge perfeito; por ex., na 3ª casa deseja irmãos perfeitos, na 4ª uma mãe perfeita, etc. Pode gerar a obsessão de serem conselheiros, «casamenteiros, querem ser a pessoa que faz acordos de forma extraordinária, que consegue voltar a reconciliar parceiros afastados pelo desentendimento, de forma mais eficaz que qualquer outra pessoa.

o signo Balança é um signo artístico e as pessoas com Rahu no signo Balança podem ser talentosos artistas criadores de moda, etc. Seja qual for a casa onde esteja colocado, Rahu leva a procurar o equilíbrio e a harmonia nos assuntos dessa casa. Procura também trazer beleza aos assuntos significados por essa casa. Pporém, e porque a sua natureza é de procurar alguma coisa que não é possível de alcançar no plano concreto nem pode ser possuída, estas pessoas vivem continuamente insatisfeitas com o que conseguem realizar. Rahu no signo Balança pode por isso ser uma posição difícil para manter a  harmonia nos relacionamentos. Se Vénus estiver fraco no horóscopo, esta tendência será ainda pior.

Conjunção sol Rahu na 7ª Casa signo Balança

Quando o Sol e Rahu estão em conjunção na 7ª casa ou no signo Balança o casamento e as parcerias são muito dificultados. O Sol está debilitado no signo Balança e, por isso, perde as suas boas qualidades, favorecendo o egoísmo, o foco exclusivo nos seus próprios interesses. Assim, esta é uma conjunção que indica desentendimentos, separação ou divórcio. O nativo ainda assim pode manter uma paixão pelas parcerias e fazer tudo o que pode para  formar um relacionamento ou parceria com certas pessoas que ajudariam a aumentar a riqueza, o poder e a influência, alcançar fama, etc. Mas usa de falsidade para com o parceiro e tem comportamentos de deslealdade, não tendo verdadeiro interesse pelo bem estar do parceiro ou cônjuge e pode criar situações de humilhação do cônjuge pois a tendência é para estas pessoas pensarem apenas em si mesmas e nos objetivos que desejam alcançar. Gostam de se disfarçar de líderes compenetrados com a justiça social e negociadores ,conselheiros, diplomatas  e autoridades capazes de olhar pelo bem comum. E usam a astúcia para formar uma imagem sem mácula da sua pessoa enquanto, em privado, têm um conjunto de vícios e revelam a sua verdadeira natureza de quem pensa apenas em si.

A conjunção entre o Sol e Rahu na 7ª casa ou no signo Balança pode indicar que o nativo usa os parceiros (ou parceira, incluindo de casamento) como meio para obter determinados fins, podendo estes ser mesmo contra as convenções como, por ex., usar o (a) parceiro (a) para seduzir uma outra pessoa  de modo a conseguir que esta lhe faça alguns favores.  Rahu encara as parcerias  e o casamento de forma não convencional quebrando todos os tabus que lhe der jeito quebrar para alcançar os seus fins.

Outro traço que pode ser evidente com esta conjunção na 7ª casa ou no signo Balança  é a tendência para se relacionar com pessoas famosas, de elevada classe social em relação às quais estas pessoas desejam sentir-se iguais (em termos de fama, riqueza, talento, etc.,) Os parceiros e o cônjuge são assim vistos como símbolos de posição social e de poder. Os parceiros que estas pessoas atraem  podem igualmente estar focados apenas em alcançar fama e viver num mundo de privilégios rodeados de pessoas ligadas ao poder. O casamento pode ser resultado de um contrato que satisfaz as necessidades de ambas as partes e ser mantido pelas vantagens sociais que traz a ambos. Por outro lado, os parceiros tendem a desenvolver e a multiplicar relacionamentos sexuais com pessoas fora do seu círculo social, de classe social baixa, origem estrangeira ou culturalmente  diferente, etc..  Mas, em público, assumem a máscara da harmonia e da felicidade conjunta pois gostam de expor a sua vida conjugal aos outros e de passar nessa exposição uma imagem de felicidade.

Signo Carneiro na 11ª Casa do Horóscopo

signo Carneiro na 11ª Casa do horóscopo

Começamos neste artigo a falar da 11ª casa do horóscopo e do modo como cada signo colocado nesta casa influencia os seus significados gerais.

Apresentamos a seguir uma breve síntese dos significados mais comuns desta casa:  a 11ª casa  significa rendimento, prosperidade, ganhos e proveitos, amigos, irmãos mais velhos, esperanças e aspirações e o seu preenchimento, autorrealização, boas notícias, resultado  das capacidades; mostra como nos relacionamos com grupos de pessoas, os nossos amigos, a participação na comunidade, o que ganhamos no nosso trabalho, os benefícios adquiridos pela nossa posição na sociedade, as esperanças, objetivos e capacidades para realizar  as nossas ambições e desejos, popularidade, as causas sociais e humanitárias a que aderimos, a tendência para fazer parte da sociedade e outros grupos alargados e, dessa forma, a capacidade para influenciar a vida social e contribuir para o «bem comum» e a melhoria das condições de vida de todos.

As partes do Corpo simbolizadas por esta casa são: o ouvido esquerdo, a perna direita, as canelas, tornozelos, tíbia, ouvido esquerdo, braço esquerdo.

Planetas Karakas (Significadores gerais): Júpiter. A fraqueza ou aflição da 11ª casa e /ou do seu regente produz problemas circulatórios, fratura da parte mais baixa das pernas, dores nas pernas, etc. Júpiter forte no horóscopo oferece proteção destas áreas.

Se deseja aprofundar os seus conhecimentos sobre os significados da 11ª casa, leia o artigo aqui.

Quando o signo Carneiro está colocado na 11ª casa- o que acontece para o Ascendente Gémeos– os nativos mantêm a sua individualidade na relação que estabelecem com grupos, organizações, amigos e a sociedade em geral. Nunca se «misturam» completamente com nenhum grupo e mantêm o seu pensamento, ideias, capacidades e iniciativas praticamente na «primeira pessoa». Assim, não são fáceis de influenciar porque a sua tendência geral é para se manterem firmes na sua liberdade individual.  A tendência competitiva do signo Carneiro manifesta-se em todas as causas nas quais estes indivíduos se envolvem , pois desejam ser os «campeões» ou os «melhores» a lutar por essas causas. Empenham-se na primeira pessoa em cada uma delas e podem competir com outros para se salientarem destes nessas lutas. Esta tendência tanto se pode manifestar no envolvimento desportivo com outros grupos e indivíduos como na luta política e ideológica a favor das causas que escolhem defender. Em todas elas são combativos e os seus métodos são «de combate» direto e frontal, não sendo adeptos de  soluções de negociação ou de compromisso.

Os irmãos mais velhos quando existem e os amigos podem ter personalidades agressivas e/ou egoístas, não sendo fácil o relacionamento com estes.  Estas pessoas atraem facilmente indivíduos perigosos e potencialmente violentos para o seu círculo de amizades e, em casos extremos, podem mesmo envolver-se em  grupos marginais da sociedade, incluindo «gangs». Mas, quando a energia marciana atua de forma positiva no horóscopo, estes nativos são capazes de se dedicar a lutar pelo bem das massas e pela defesa dos seus interesses e melhoria das suas condições gerais de vida.

Apesar disso, os seus próprios sonhos e interesses nunca se confundem com os da maioria, os da sociedade ou dos grupos em que estão envolvidos, permanecendo apenas seus, o que significa que, em muitas ocasiões, estes nativos  se separam da sua ligação  com a sociedade para lutar pelos próprios interesses e pela concretização dos seus desejos individuais. Os menos altruístas poderão mesmo usar grupos «à margem» da sociedade e dos interesses maioritários desta para concretizar a sua própria «agenda pessoal».

Quando se envolvem na vida dos grupos, os nativos com o signo Carneiro na 11ª casa assumem a liderança, nunca se confundindo com o grupo como tal. Este pode estar,  aliás, ao serviço dos próprios interesses pessoais e ser usado como meio para atingir esses fins.

Os nativos com o signo Carneiro na 11ª casa gostam de desportos  de massas  que põem à prova a sua bravura e talentos pessoais. Estes podem incluir corridas de carros de fórmula 1, boxe, artes marciais, etc.

Os desejos e ambições pessoais destes nativos envolvem em geral duas componentes: a necessidade de se provar como «os mais capazes», corajosos, pioneiros, líderes , inovadores e, simultaneamente, serem reconhecidos como tal pela sociedade alargada, tornarem-se populares,  contribuírem, com a sua personalidade e taletos únicos, para o progresso da sociedade e o seu desenvolvimento, especialmente no campo tecnológico, desportivo, militar  ou científico. Em suma, subjaz nos seus desejos profundos o  ideal mítico do «herói», da «figura lendária» que inspira os outros através dos próprios feitos e caráter único.

No que se refere aos ganhos e rendimentos, estes podem ser elevados, uma vez que o signo Carneiro é extremamente empreendedor e inovador e é capaz de fazer tudo o que é necessário para alcançar o que pretende. Mas o dinheiro e a riqueza ganhos podem ser gastos de imediato devido ao estilo de vida que estes nativos facilmente assumem, de grandiosidade. Por muito que recebam, tendem a considerar que mereciam mais e, por essa razão, podem guardar ressentimentos em relação a elementos do círculo social e a amigos que sejam mais ricos ou poupados. Se Marte não estiver dignificado, isso pode levá-los a recorrer a meios menos ortodoxos ou ilegais para aumentar as fontes de rendimento de acordo com o que ambicionam.

Glossário Astrológico – A Grande Conjunção

 

Conjunção Júpiter Saturno

A «grande conjunção» refere-se à conjunção periódica entre Júpiter e Saturno. a última ocorreu  em 31 de maio do  ano 2000 e a próxima irá ocorrer em dezembro de  2020. Esta conjunção acontece com regularidade a cada 18-20 anos, conjugando o ciclo de Júpiter- de cerca de 12 anos- com o de Saturno – de cerca de 30 anos.  O nome de grande conjunção é complementado pelo facto de esta acontecer quando os planetas envolvidos  estão também  em oposição ao Sol.

No passado, esta conjunção mereceu grande destaque como significadora de momentos especiais para o desenvolvimento da humanidade como referimos antes no artigo «Chronocratores». A astrologia atual atribui um significado especial a esta conjunção em termos do desenvolvimento coletivo da humanidade, uma vez que tanto Júpiter como Saturno estão relacionados com a sociedade. Assim, a grande conjunção indica aspetos do desenvolvimento social e da ligação entre o destino individual e a sociedade, mostrando como se desenvolve a identidade social num certo contexto espácio-temporal. Quando há uma grande conjunção, a humanidade coletivamente pode tornar-se mais consciente dos propósitos que orientam o destino social. E, atendendo a que o trabalho e a profissão são formas privilegiadas de cada indivíduo se ligar à sociedade, também indicam tendências que se ligam à vida profissional e social . Forma-se potencialmente então um novo sentido de propósito e direção da sociedade, que se torna aberta à mudança. Complementarmente, na vida individual podem ocorrer simultaneamente também novas mudanças.

A compreensão da «grande conjunção» implica, tal como sucede com as conjunções em geral, a atenção a diversos fatores, para ser bem interpretada: é necessário ter em conta qual dos planetas tem o grau mais elevado/inferior na posição por signo, em que Nakshatra ocorre a conjunção, quais são as casas que ambos regem, quantos graus separam os dois planetas.

Júpiter e Saturno exprimem duas formas opostas de manifestação: Júpiter expande e  impulsiona para ir além dos limites em que se encontra, enquanto Saturno contrai e ajusta, levando  a permanecer dentro dos limites definidos. Esta conjunção conduz, deste modo, à experiência de sentimentos opostos em relação ao modo de atuar. Saturno permanece no interior das regras existentes, procurando não as transgredir, conserva e mantém o que existe. Júpiter também respeita a tradição mas também é capaz de ir mais além, formando novas regras quando estas são necessárias para dar conta de novas realidades. No plano social, isto faz-se sentir nos conflitos entre as perspetivas ortodoxas e conservadoras, que tendem para a rigidez da manutenção das regras sociais e os novos impulsos de mudança, de entusiasmo  e desejo de viver novas experiências e trilhar novos caminhos, bem como pelo ideal de progresso, de melhoria das condições de vida de toda a sociedade.

Assim, a conjunção Júpiter Saturno contém um potencial de conservação e, simultaneamente, adaptação, mudança e transformação., especialmente  quando a conjunção se dá num intervalo de separação entre 10 e 12 º dos planetas . Se Saturno tem o grau inferior na conjunção, alcança  primazia em relação a Júpiter, sendo mais forte do que Júpiter. Nesta posição contrai todo o entusiasmo para mudar e expandir os horizontes, preferindo a disciplina, estrutura e organização que conserva o que existe. Saturno estabelece limites a todos os desejos de expansão e de mudança ,levando a privilegiar as restrições e limites sobre o ir além e levando a ser cauteloso.

Também no plano individual, quando Júpiter tem o grau inferior desta conjunção o indivíduo é mais entusiasta, liberto de constrangimentos, desejoso de ir mais além, de expandir os horizontes e descobrir novas formas de vida  de pensar, de viver. Porém, quando está em conjunção com Saturno, amplifica as qualidades de Saturno e torna as pessoas bastante disciplinadas e capazes de trabalhar de forma árdua sempre que é preciso.

Quando a conjunção ocorre no signo de debilitação de Saturno (Carneiro) ou de Júpiter (Capricórnio) e o planeta que tem o grau inferior da conjunção é o que está debilitado, a contração (Saturno) ou expansão (Júpiter) fazem-se de forma errada. Quando se trata de Saturno, pode haver abuso de autoridade, uso de agressão e castigos excessivamente severos para fazer cumprir as regras; quando é Júpiter o planeta debilitado, há um sentido errado de expansão, um falso sentido de entusiasmo e otimismo e a pessoa é levada a alcançar o contrário do que deseja. No plano social, a grande conjunção que ocorre nestas condições pode indicar momentos difíceis da vida social e histórica da humanidade, em que a escuridão parece sobrepor-se á luz e a injustiça pode grassar sem controlo, perturbando dramaticamente a vida social e  individuaA «grande conjunção» refere-se à conjunção periódica entre Júpiter e Saturno. a última ocorreu  em 31 de maio do  ano 2000 e a próxima irá ocorrer em dezembro de  2020. Esta conjunção acontece com regularidade a cada 18-20 anos, conjugando o ciclo de Júpiter- de cerca de 12 anos- com o de Saturno – de cerca de 30 anos.  O nome de grande conjunção é complementado pelo facto de esta acontecer quando os planetas envolvidos  estão também  em oposição ao Sol.

No passado, esta conjunção mereceu grande destaque como significadora de momentos especiais para o desenvolvimento da humanidade como referimos antes no artigo «Chronocratores». A astrologia atual atribui um significado especial a esta conjunção em termos do desenvolvimento coletivo da humanidade, uma vez que tanto Júpiter como Saturno estão relacionados com a sociedade. Assim, a grande conjunção indica aspetos do desenvolvimento social e da ligação entre o destino individual e a sociedade, mostrando como se desenvolve a identidade social num certo contexto espácio-temporal. Quando há uma grande conjunção, a humanidade coletivamente pode tornar-se mais consciente dos propósitos que orientam o destino social. E, atendendo a que o trabalho e a profissão são formas privilegiadas de cada indivíduo se ligar à sociedade, também indicam tendências que se ligam à vida profissional e social . Forma-se potencialmente então um novo sentido de propósito e direção da sociedade, que se torna aberta à mudança. Complementarmente, na vida individual podem ocorrer simultaneamente também novas mudanças.

A compreensão da «grande conjunção» implica, tal como sucede com as conjunções em geral, a atenção a diversos fatores, para ser bem interpretada: é necessário ter em conta qual dos planetas tem o grau mais elevado/inferior na posição por signo, em que Nakshatra ocorre a conjunção, quais são as casas que ambos regem, quantos graus separam os dois planetas.

Júpiter e Saturno exprimem duas formas opostas de manifestação: Júpiter expande e  impulsiona para ir além dos limites em que se encontra, enquanto Saturno contrai e ajusta, levando  a permanecer dentro dos limites definidos. Esta conjunção conduz, deste modo, à experiência de sentimentos opostos em relação ao modo de atuar. Saturno permanece no interior das regras existentes, procurando não as transgredir, conserva e mantém o que existe. Júpiter também respeita a tradição mas também é capaz de ir mais além, formando novas regras quando estas são necessárias para dar conta de novas realidades. No plano social, isto faz-se sentir nos conflitos entre as perspetivas ortodoxas e conservadoras, que tendem para a rigidez da manutenção das regras sociais e os novos impulsos de mudança, de entusiasmo  e desejo de viver novas experiências e trilhar novos caminhos, bem como pelo ideal de progresso, de melhoria das condições de vida de toda a sociedade.

Assim, a conjunção Júpiter Saturno contém um potencial de conservação e, simultaneamente, adaptação, mudança e transformação., especialmente  quando a conjunção se dá num intervalo de separação entre 10 e 12 º dos planetas . Se Saturno tem o grau inferior na conjunção, alcança  primazia em relação a Júpiter, sendo mais forte do que Júpiter. Nesta posição contrai todo o entusiasmo para mudar e expandir os horizontes, preferindo a disciplina, estrutura e organização que conserva o que existe. Saturno estabelece limites a todos os desejos de expansão e de mudança ,levando a privilegiar as restrições e limites sobre o ir além e levando a ser cauteloso.

Também no plano individual, quando Júpiter tem o grau inferior desta conjunção o indivíduo é mais entusiasta, liberto de constrangimentos, desejoso de ir mais além, de expandir os horizontes e descobrir novas formas de vida  de pensar, de viver. Porém, quando está em conjunção com Saturno, amplifica as qualidades de Saturno e torna as pessoas bastante disciplinadas e capazes de trabalhar de forma árdua sempre que é preciso.

Quando a conjunção ocorre no signo de debilitação de Saturno (Carneiro) ou de Júpiter (Capricórnio) e o planeta que tem o grau inferior da conjunção é o que está debilitado, a contração (Saturno) ou expansão (Júpiter) fazem-se de forma errada. Quando se trata de Saturno, pode haver abuso de autoridade, uso de agressão e castigos excessivamente severos para fazer cumprir as regras; quando é Júpiter o planeta debilitado, há um sentido errado de expansão, um falso sentido de entusiasmo e otimismo e a pessoa é levada a alcançar o contrário do que deseja. No plano social, a grande conjunção que ocorre nestas condições pode indicar momentos difíceis da vida social e histórica da humanidade, em que a escuridão parece sobrepor-se á luz e a injustiça pode grassar sem controlo, perturbando dramaticamente a vida social e  individual.

Conjunção sol Rahu na 6ª Casa Signo Virgem

conjunção sol Rahu na 6ª casa signo Virgem

Explicamos neste artigo os efeitos da conjunção Sol Rahu na 6ª casa e no signo Virgem e, para ajudar a situar os leitores, explicamos também os efeitos da colocação de Rahu na mesma casa e signo.

Para saber os efeitos da colocação do sol na 6ª casa, leia o artigo aqui.

Quando está colocado na 6ª casa, Rahu procura alcançar privilégios através de atividades em que se apresenta como prestador de serviços.  Também tira partido de situações de conflito, litígios e de  todos os papeis em que há desequilíbrio, dependências, toxicidade, desregulamento das regras sociais, etc. Sendo um mestre do disfarce, beneficia fazendo-se passar por figuras institucionais (políticas ,religiosas, autoridades médicas, advogados, autoridades de proteção social) para se elevar nestes ambientes e conquistar uma reputação de topo. Assim, Rahu nesta casa conquista o sucesso movendo-se em ambientes de criminalidade, exploração e servidão, doença, conflitos e traição, dependência de drogas, traficantes de droga e álcool, exploração do trabalho; uma das áreas que as pessoas com esta posição de Rahu mais apreciam é a litigação, como advogados de área criminal e de divórcio.  Outra área de grande interesse para estas pessoas é a ambiental, podendo aparecer como ferrenhos ativistas ambientais, defensores dos explorados (pelo trabalho ou sexualidade), etc.

Existe uma atração pelos ambientes referidos atrás, quando Rahu está colocado na 6ª casa. E, mesmo quando estas pessoas se dedicam a proteger os desfavorecidos e excluídos da sociedade, isso traz-lhes vantagens e privilégios sociais.

Todos os cenários intensos de conflitualidade, crime, poluição, exploração sexual ou exploração dos fragilizados socialmente, servidão, pobreza, vitimas, ferimentos, toxicidade e venenos, dependência e redução do ser humano e dos seres terrenos a condições de submissão, humilhação e marginalização são fascinantes para os nativos com Rahu na 6ª casa e o mesmo acontece com a luta contra os inimigos, o desejo de destruir os oponentes. Estas pessoas tanto podem desejar participar nas estruturas da sociedade que combatem estes males e desigualdades, contribuindo para mais justiça , igualdade e humanidade como podem ingressar nas forças militares e policiais que combatem o crime. Outros podem disfarçar-se de membros interessados em melhorar a sociedade apenas para alcançar poder e influência aproveitando-se da criminalidade e servidão/exploração causada por outros. Estas pessoas revelam astúcia para explorar os «buracos na lei» que lhes permitem alcançar riqueza sem cometer crimes explícitos.

Com Rahu na 6ª casa o nativo pode envolver-se em constantes conflitos com os outros. Podem igualmente existir doenças que provocam sofrimento considerável . No entanto, quando está na 6ª casa Rahu também pode impelir o nativo para um profundo processo de transformação pessoal  através do serviço prestado a outros e, podendo embora ter uma vida cheia de atribulações e sofrimentos, podem efetivamente sofrer uma transformação profunda através de grandes sacrifícios pessoais para prestar serviço a outros. Trata-se de um processo em que se tornam eles próprios vítimas , de algum modo sacrificiais, para libertação espiritual de si mesmos e dos que pretendem ajudar.

Embora possam viver a vida profissional em constantes ambientes de conflito e desarmonia, estes nativos têm sucesso material. É, no entanto, comum que estas se sintam vítimas por ter que viver no meio de todos os contenciosos, ambientes de exploração e criminalidade, muito embora possam tirar partido disso  e explorar, eles próprios, os atores envolvidos nesses ambientes  e a quem prestam serviço.

Sendo a casa das dívidas, a 6ª casa ocupada por Rahu pode também indicar que  a pessoa  tira lucro das dívidas dos outros, através do uso de cartões de crédito, empréstimos em que cobram altas taxas de juro, estratégias de falência fraudulenta, compra da dívida de outros para lucrar com a mesma, etc., para  poderem manter o seu estilo de vida ou elevar-se em relação ao ponto de partida. A utilização de esquemas relacionados com investimentos  recorrendo a métodos fraudulentos para enganar os investidores é comum com esta posição de Rahu. A pessoa com esta posição tanto pode ser a vítima como o perpetrador da fraude. É muitas vezes o criminoso de colarinho branco que é difícil de desmascarar pois usou processos escondidos e disfarçados.

A posição de Rahu na 6ª casa causa problemas no casamento e nas parcerias, uma vez que estas pessoas não conseguem partilhar qualquer poder com os parceiros, o que cria sentimentos de desigualdade e injustiça conduzindo ao divórcio e  separação. Existe com frequência uma desigualdade grande à partida entre estes nativos e os parceiros que, ou são muito mais velhos, ou são mais ricos, mais influentes ou pertencem a uma classe social também mais elevada do que a do nativo. Quando  Rahu recebe o aspeto de um planeta benéfico, as parcerias tendem a ser mais justas e igualitárias. Porém, quando não recebe aspetos ou recebe aspetos maléficos, a  tendência de Rahu nesta casa é a de aproveitamento ou manipulação pessoal da parceria tendo em conta o seu próprio interesse. Porém, como referido atrás, Rahu na 6ª casa pode também efetuar uma reviravolta total  e revelar um grande sentido humanitário de prestação de serviço através do sacrifício pessoal.

De modo geral, as pessoas com Rahu na 6ª casa gostam de argumentar e discutir, parecendo alimentar-se do espírito de conflito. Gostam também de desafiar todas as convenções na gestão do crime, conflitos e desigualdades sociais podendo correr grandes riscos quando ocupam posições de autoridade nessas áreas, no modo como lidam com estes problemas.

Revelam também com frequência dependência excessiva de medicamentos e gostam de ter pessoas subordinadas a quem possam dar ordens. Podem também ter muitos animais domésticos. A forma como lidam com os animais, os subordinados e todos os processos em que se envolvem através da profissão são não convencionais e  desafiam muitas vezes o senso comum pelas decisões de risco que apresentam. A atitude destas pessoas é em geral a de que  os outros são culpados sempre que não se chega a acordo. Internamente, pensam e analisam constantemente em termos racionais , podendo mesmo ter problemas de sono, o que os leva quase sempre a censurar os outros pela «paz» que eles próprios não conseguem alcançar pois querem ter sempre razão em qualquer discussão. Isto granjeia-lhes um grande número de inimigos ao longo da vida.

A posição de Rahu na 6ª casa leva a querer ter muitos empregados, geralmente escolhidos a partir de várias origens exóticas em termos culturais; leva a querer ter o máximo número de animais de estimação, podendo, quando têm meios para isso, manter um autêntico zoo particular. Gostam de estar num ambiente de discórdia, para sair dele como vencedores. Podem divorciar-se diversas vezes.

No trabalho, as regras habituais na relação com subordinados não são cumpridas. O modo como trabalham e como gerem os conflitos também não segue as regras habituais. Quando o nativo se dedica à medicina, também cria novos métodos e procedimentos, alguns podendo ser de risco. Porém, Rahu nesta posição dá em geral excelentes resultados em termos materiais. Os resultados obtidos dependem do caráter benéfico do planeta dispositor de Rahu. Quando este é amigo os resultados podem ser extraordinariamente bons para a pessoa permitindo-lhe lucrar nas áreas referidas e significadas pela 6ª casa. Esta posição favorece também o sucesso material dos tios maternos.

Uma das experiências fundamentais da colocação de Rahu na 6ª casa parece ser a necessidade de o nativo aprender a  explorar os que exploram , tirando partido das suas atividades por vezes criminosas ou contra as regras. A posição na 6ª casa é considerada por muitos como a melhor posição de Rahu.  Isto deve-se ao facto de Rahu nesta posição levar os nativos a firmar-se como forças de mudança social, pois os seus métodos não convencionais no modo como lidam com as áreas significadas pela  6ª casa acabam por conduzir a mudanças sociais por parte de outros agentes com responsabilidade em lidar com essas matérias.

Ao contrário do que se possa pensar, a presença de Rahu na 6ª casa não indica um caráter imoral no nativo, apenas mostra que este tem tendência  para aproveitar todas as oportunidades de manipular as situações a seu favor e, de facto, muitas vezes personifica ele próprio o comportamento criminoso, conflituoso, etc.,  do mesmo modo que pode identificar-se com a narrativa de todas as vítimas relacionadas. Por ex., em tempos de guerra, algumas figuras carismáticas que desenvolvem estratégias para vencer inimigos difíceis ou que não cumprem as regras estabelecidas, são as que «pensam como eles», usando métodos que os criminosos também usam, para os poder vencer. E esta astúcia também se encontra em muitos criminosos de sucesso que alcançaram grande riqueza sem nunca terem sido condenados. Uns e outros têm muitas vezes Rahu na 6ª casa do horóscopo.

Rahu na 6ª casa, quando é forte, dá força ao nativo para lidar com os maiores horrores que podem afligir a humanidade, o ambiente e os restantes seres vivos, sem vacilar nem desistir. Por isso não admira que a pessoa com esta posição de Rahu «destrua os inimigos» como referido pelos clássicos.  Mas esta posição pode também indicar tendências autodestrutivas em termos físicos tendo sido referidos casos em que o nativo se fere a si mesmo e este sofrimento do corpo (causado por comportamentos que não têm em conta a saúde)  é muitas vezes o ponto de partida para uma transformação espiritual que leva a pessoa a prestar grande serviço filantrópico aos outros. Pode ter doenças relacionadas com fumos tóxicos, substâncias oleosas como o petróleo, uso incorreto de medicamentos e drogas,  etc..

Para saber os efeitos da colocação do Sol no signo Virgem, leia o artigo aqui.

A presença de Rahu no signo Virgem pode indicar tendência para desempenhar papeis em que o conflito, a discussão, promessas e contratos quebrados, não cumprimento da palavra dada, exploração e abuso doméstico, infidelidade dos parceiros, incluindo o cônjuge, desonestidade e traição por parte dos subordinados e dependentes, etc.,  são temas dominantes.  Constata-se com alguma frequência por ex., a existência de filhos fora do casamento, através da exploração sexual de subordinados ou relacionamentos amorosos escondidos com servos, criados ou empregados. No entanto, é raro que os nativos com Rahu no signo Virgem sejam exploradores dos outros, sendo mais comum que sejam eles as vítimas.

Rahu no signo Virgem expõe os nativos a um ambiente de falta de harmonia e litigação ou discussão, conflitos, crítica, acusações, etc. e este ambiente de falta de harmonia pode estar presente ao longo da vida, intensificando-se nos períodos de Mercúrio e de Mercúrio /Rahu.

Os nativos com Rahu no signo Virgem precisam de bastante disciplina para manter a paz mental e para não sucumbirem à tentação de resolver situações de stress através da medicação excessiva ou do uso de drogas.  Estas pessoas tendem a discutir e a criticar constantemente, o que pode também colocar em perigo  a paz matrimonial  e a harmonia nas parcerias.

Rahu no signo Virgem predispõe o nativo para desejar elevar-se através de atividades que implicam o uso lógico da raciocino como acontece na advocacia. Mas, muitas vezes. usam formas falaciosas que disfarçam distorções do pensamento para alcançar o que pretendem. Isto depende grandemente da posição de Mercúrio, regente de Virgem, na D-1 e navamsa e também de algum outro planeta que esteja em conjunção ou aspeto com Rahu. Os efeitos, positivos e negativos dessas posições, serão amplificados por Rahu.

O signo Virgem dá grande atenção aos pormenores e é muito perfecionista e a presença de Rahu aqui amplifica esta tendência produzindo um modo de ser que pode ser obsessivo na atenção aos pormenores e ao uso analítico da mente., às questões de saúde, à limpeza e à ordem, etc.

Frequentemente, as experiências difíceis de sacrifício pessoal ou até de humilhação são o ponto de partida fundamental para o progresso e desenvolvimento espiritual dos nativos com Rahu no signo Virgem. É assim que, muitas vezes, estas pessoas enfrentam algum tipo de humilhação ou desconsideração privada ou exploração, que causam o sentimento de servidão. Mas, se Mercúrio for forte no horóscopo, essa experiência difícil que pode causar grande sofrimento, é o ponto de partida para a prestação de um serviço público extraordinário.

Rahu no signo Virgem amplifica as características de Mercúrio, o gosto pelo pensamento analítico, pelo trabalho   de pormenor com extrema perfeição, trabalho com as mãos, gosto por argumentar e discutir ideias mas sempre com a  obsessão de ser melhor do que os outros nestas áreas.  No período dasa e subperíodos de Rahu estas características são ainda mais fortes e pronunciadas e, em muitos casos, envolvem situações de litígio e conflito, a propósito da realização de tarefas de serviço relacionadas com os significados da casa onde se encontra Rahu. Por outras palavras, Rahu impele o nativo a prestar serviço mas rapidamente este passa a criticar as circunstâncias, as qualidades pouco eficientes dos que colaboram ou são seus subordinados, sentindo-se vítima da situação em causa. Nestes períodos, se houver um planeta maléfico na 6ª casa a partir de Rahu, o nativo pode sofrer humilhações, exploração e servidão de algum tipo. Situações de dívida, conflito, divórcio, doença, podem igualmente ocorrer.  Pode também ter que lidar com pessoas que são socialmente excluídas ou fora-da-lei,  ou que têm algum tipo de desequilíbrio físico ou mental.  Os nativos com Rahu no signo Virgem são extremamente inteligentes, com a capacidade inata de ver a aplicação prática que lhes permite resolver problemas e alcançar os seus objetivos materiais. São excelentes em todas as áreas em que um pensamento analítico é necessário. Porém, a natureza astuta e «contra as regras» de Rahu pode fazer destas pessoas grandes estrategas de «esquemas» e «atalhos» para alcançar o que desejam sem serem detetados. Especialmente quando Rahu está conjunto ou em aspeto com Mercúrio na 1ª, 2ª ou 10ª casas, estas pessoas podem ser grandes «criminosos de colarinho branco» que alcançam os seus objetivos sem serem detetados nem punidos.

Os nativos com Rahu no signo Virgem têm a disposição mental para lidar com toda a miséria que pode assolar  a vida humana pois, na verdade, sentem algum fascínio em aprofundar estas matérias, sem se deixarem perturbar psicologicamente . Por isso dão-se bem em profissões ligadas ao serviço social, à polícia e vida militar, às investigação de crimes e compreensão da mente criminosa, às práticas de medicina e de auxílio de pobres e sem abrigo, etc..São capazes de trabalhar arduamente e sem desistir, atravessando os obstáculos para procurar melhorar a vida dos menos favorecidos. O seu perfecionismo extremo causa porém insatisfação por tudo o que alcançam. quando Rahu está no signo Virgem. Rahu indica muitas oportunidades e problemas para atingir a «perfeição», podendo ser obsessiva a necessidade de «resolver» este ou aquele problema de forma «perfeita». Estas pessoas encontram sempre alguma razão de queixa que dificulta a sua paz mental.

O período dasha de Rahu  colocado no signo Virgem  ou os seus subperíodos podem,  caso haja algum aspeto entre Rahu e o regente da 2ª ou 7ª casa, (planetas maraka)  indicar perdas e a morte de pessoas próximas, problemas sociais , dívidas, doença, para além de também indicar trabalho contínuo que pode ser causa de exaustão.  É também comum o contacto com pessoas de outra origem cultural e há também com frequência o envolvimento do nativo com aspetos de uma cultura diferente.

Conjunção Sol Rahu na 6ª Casa Signo Virgem

Quando O sol e Rahu estão em conjunção na 6ª casa   ambos dão bons resultados pois são planetas maléficos colocados numa casa upachaya  que é uma casa de luta e de batalha contra os obstáculos. Tanto o Sol como Rahu gostam de sentir a vitória e a conquista. Porém, os resultados positivos pressupõem que a proximidade entre o Sol e Rahu não é  inferior a 8 º e nem o Sol nem Rahu estão em signos inimigos ou de debilitação. Estes indivíduos são extremamente competitivos, podendo ser bons políticos. Vencem facilmente os oponentes e competidores e podem receber favores e benefícios de altas instituições e da administração governamental. Se o Sol está fraco e conjunto com Rahu na 6ª casa, o nativo pode ter problemas com o governo e outras figuras de autoridade e pode sofrer perda de reputação, difamação do bom nome e, segundo os clássicos, pode  enveredar por atividades criminosas para ganhar dinheiro. Se o Sol for fraco pode também haver problemas de saúde, de difícil diagnóstico.

A conjunção Sol Rahu na 6ª casa mostra um indivíduo envolvido com os problemas dos deserdados, indigentes, párias da sociedade, tanto no esforço para ajudar a resolver esses problemas como praticando ele mesmo ações que aumentam a desordem e desigualdade sociais. Estas pessoas têm uma visão diferente da opinião geral, acerca dos problemas da sociedade e podem assumir como sua a  tarefa  de resolver muitos desses problemas através do exercício de funções de autoridade ou de liderança. Têm um modo muito próprio de pensar sobre os problemas e as suas causas e propõem muitas vezes soluções que não são bem vistas pelos demais mas que podem, realmente, contribuir para a melhoria de muitas áreas marginalizadas da sociedade. Os mais desenvolvidos espiritualmente são capazes de trabalhar incansavelmente em prol dos mais fracos, por vezes com sacrifício pessoal. Os menos evoluídos gostam de acompanhar com pessoas que vivem à margem da lei e podem mesmo formar grupos que lideram, numa vida de crime tão bem conseguida que não são apanhados e vivem «como reis» num submundo onde obtêm o respeito da comunidade que lideram, formando «um mundo à parte». Usam a sua inteligência e astúcia para se aproveitarem das fragilidades da sociedade em geral e para enriquecerem e se elevarem à custa da fraude e da exploração dos incautos.

Quando se dedicam a «fazer o bem» prestando serviço á comunidade, os nativos com a conjunção Sol Rahu na 6ª casa podem ser muito inovadores e reformadores de todos os problemas que afetam aqueles que as classes dominantes da sociedade excluem e dedicar-se a trabalhar na ciência, tecnologia e medicina., a lidar com situações extremas de exploração, pobreza, dependência, etc.

Quando a conjunção Sol Rahu se dá na 6ª casa mas no signo do Sol, Leão ou no signo da sua exaltação, Carneiro, o Sol exprime as qualidades superiores e mais elevadas e sobrepõe-se às tendências de Rahu para enganar e «fazer esquemas» para se aproveitar dos ambientes marginalizados e dos que sofrem ou são explorados. Nestas circunstâncias, o nativo pode exibir qualidades extraordinárias de serviço aos outros e contribuir ativamente para melhorar as condições de vida de muitas pessoas, por ex., através de cargos políticos de governação.

Quando o Sol e Rahu estão em conjunção no signo Virgem, os resultados podem ser bons se ambos estiverem na 3ª, 6ª; 10ª ou 11ª casas, com vantagem para Rahu devido à amizade entre Mercúrio e Rahu e ao facto de Virgem ser considerado um excelente signo para a posição de Rahu, sendo menos favorável para o Sol, pois este não tem relação de amizade com Mercúrio. Deste modo, Rahu tende a levar vantagem em relação ao Sol e cria uma espécie de «duplo ego», extremamente confiante e cheio de carisma, considerado fascinante pelos outros, um líder incontestado e admirado mas que, de forma escondida, tem a sua própria agenda e pode aproveitar-se de uma carreira brilhante por ex., como político, advogado, médico, para lucrar a partir da exploração dos mais fracos e fragilizados, dos doentes etc., fascinando-se com o submundo do crime, da pobreza, da servidão, etc. Os nativos podem ser extremamente astutos e alcançar grande poder á custa da subversão de todas as regras sociais, ao mesmo tempo que manêm uma imagem impecável na comunidade.

Signo Peixes na 10ª Casa do Horóscopo

Signo Peixes na 10ª casa do horóscopo

A 10ª casa é uma casa de visibilidade, de ação e trabalho que nos torna respeitados na comunidade alargada. Para ler uma pequena introdução aos significados da 10ª casa leia o artigo aqui.

Se deseja aprofundar os seus conhecimentos sobre a 10ª casa, pode  ler o artigo aqui.

Quando o signo Peixes está colocado na 10ª casa- o que acontece para o Ascendente Gémeos – pode haver alguma dificuldade em decidir-se relativamente à vida profissional, podendo vacilar entre várias carreiras. Podem trabalhar em várias áreas em simultâneo.

Com o signo Peixes na 10ª casa os nativos podem prosperar em áreas associadas à arte, fotografia, dança, música, poesia, realização e dramatização de filmes e em todas as áreas que exigem boa imaginação e sensibilidade. São também atraídos pela religião e espiritualidade, pelo misticismo e podem trabalhar em alguma área em que estes aspetos são dominantes. Também dão bons ilusionistas, gostando de entreter o público com o fascínio de «truques de magia».  Gostam também de trabalhar com o público e de interagir com este de forma diferente da convencional, usando o talento e alguma forma de arte para esse efeito.

Os nativos com o signo Peixes na  10ª casa   projetam uma imagem de sensibilidade, alguma excentricidade, instabilidade que é muitas vezes interpretada como vulnerabilidade, e que pode conduzir a serem explorados na vida profissional. Quando Júpiter, o regente da 10ª casa é forte e recebe bons aspetos, estas pessoas terão sorte e podem ter muitas oportunidades de brilhar numa carreira. Esta também pode concretizar-se em algumas das profissões típicas de Júpiter, como o ensino, a religião, a área das leis, a escrita e publicação de livros , revistas, etc.  De uma forma ou de outra, as profissões escolhidas seguem o padrão de serem criativas, não repetitivas, dirigidas a um público alargado e capazes de explorar os aspetos transcendentes da vida , muitas vezes voláteis e irrepetíveis. Também se encontram alguns nativos a trabalhar na área do psiquismo, tanto ao nível terapêutico como espiritual.

Os nativos com o signo Peixes  na 10ª casa gostam de fazer voluntariado , o que lhes granjeia uma reputação de humanitarismo. Não gostam de fazer tarefas muito estruturadas á partida, precisando de liberdade para criar e decidir por si o que vão fazer e como vão fazer. Para fazerem bem o que fazem não têm uma «receita» pré-definida, vão improvisando e decidindo o que querem fazer e como, não gostando de rotinas nem rigidez metodológica. Precisam de se sentir «inspirados» e, por isso, tanto podem trabalhar continuamente sem descanso quando estão a «perseguir» uma ideia ou conceito como podem ficar inativos, por «não terem nenhuma ideia» ou não haver uma energia forte que os mova a fazer o que é necessário, preferindo «esperar» até que isso aconteça. Há, deste modo, alguma imprevisibilidade  na área profissional, que é natural em todas as profissões que se apoiam na imaginação e na criatividade. Como estas pessoas apreciam bastante o mar, podem também dar-se lindamente nas áreas de investigação sobre a vida marinha, oceanografia, etc.

O signo Ascendente  Gémeos  impele  os nativos para interagir e comunicar e, por isso, estas pessoas são comunicadoras por excelência e, na sua vida profissional, o que fazem, fazem-no para uma audiência, para um público que é preciso tocar e sensibilizar.

Com o signo Peixes na 10ª casa a reputação pública do indivíduo está alicerçada numa imagem de talento e criatividade, humanitarismo e sensibilidade. Estas pessoas podem ser vistas como «fáceis de enganar», devido à prontidão com que são generosas e se mostram disponíveis para ajudar. Podem igualmente ser consideradas  espiritualmente desenvolvidas, místicas, artistas, instáveis no humor e nos comportamentos mas simpáticas para os outros. Se Júpiter receber maus aspetos, podem aparecer como vítimas vulneráveis de quem os outros podem aproveitar-se, explorando a sua bondade e generosidade. Em alguns casos são os próprios nativos que enganam os outros através de uma imagem aparentemente vulnerável.

No que se refere a viajar, ou residir em país estrangeiro, estes nativos são naturalmente atraídos pelo movimento e adoram viajar, podendo fazê-lo continuamente ao longo da vida, pela curiosidade e desejo de conhecer outras culturas e interagir com seres humanos muito diferentes. Falam facilmente várias línguas estrangeiras sentindo-se à vontade em muitos locais do mundo.

O signo Peixes na 10ª casa  indica um pai que é compassivo, espiritual, humanista, quando Júpiter está bem colocado. Caso contrário, pode indicar que este é mentiroso e  trapaceiro.  Quando Júpiter está negativamente colocado,  o nativo também passa uma imagem de pessoa caótica e confusa, instável  emocionalmente.

Sendo uma casa de karma que cada um constrói nesta vida, a 10ª casa mostra as ações que geram karma na interação com a sociedade no desempenho das funções públicas. O  signo Peixes nesta casa pode indicar um karma em que o nativo  «salda» o seu karma passado e faz a transição para um desenvolvimento mais espiritual, podendo ajudar outros a fazer o mesmo, através da forma como toca a sua sensibilidade e espiritualidade (através da arte ou da religião). Simbolicamente, atua no mundo e usa a carreira para finalizar um ciclo de vida terrena e preparar-se para um novo ciclo.