Ludwig Van Beethoven, a Imortalidade através da Música

 

Beethoven

Neste artigo analisamos o horóscopo de Ludwign Van Beethoven e relacionamos essa análise com aspetos da sua vida.

Ludwig Van Beethoven

16 Dezembro de 1770, 3h 40

Bonn, Alemanha, 50 N 44; 7 E 05

Local mean time, 7 E05

(Espólio de Lois Rodden)

Resumo biográfico: Beethoven foi imortalizado pela sua música, tendo sido um virtuoso compositor e pianista,  com temperamento melancólico,  conhecido pelas suas maneiras por vezes deselegantes ou desagradáveis, pela  irritabilidade e mau humor que alternava com outros estados mais tranquilos ou afáveis,  especulando-se sobre a  possibilidade  de ele ter tido a doença bipolar. Apesar do seu virtuosismo como compositor, que desde cedo foi reconhecido, Beethoven não teve uma vida muito feliz:  uma surdez que lhe destruiu o sentido interior de felicidade pessoal começou a atingi-lo quando era jovem, tendo-se instalado definitivamente a partir de 1814; dores crónicas abdominais , febres frequentes, dores de cabeça, etc, levaram-no a pensar várias vezes no suicídio. Conheceu altos e baixos na vida financeira e não foi muito feliz nos amores. Nunca casou, embora sejam conhecidas ( e imortalizadas pela sua música) várias paixões.  Não ligava às regras sociais do protocolo nem às diferenças de classe social e parava de tocar sempre que achava que a audiência não lhe dedicava toda a atenção merecida.  Morreu aos  56 anos, sem determinação exata da causa da morte. A autópsia revelou um fígado duramente danificado, provavelmente devido a excessos no consumo de álcool e indícios de envenenamento devido a tratamentos à base de chumbo prescritos pelo seu médico.

O que nos conta o Horóscopo de Beethoven

A personalidade básica é constituída pelo Ascendente colocado a 14º 46 de Balança, um signo forte pois é Mooltrikona. O seu regente, Vénus, está colocado na 4ª casa; o Sol está colocado na 3ª casa, no signo Mooltrikona de Júpiter, Sagitário, numa casa muito forte porque o seu regente está também em conjunção com o ponto mais efetivo desta casa e é a influência mais benéfica do horóscopo; a Lua está colocada no seu signo de debilitação, na 2ª casa, onde também está colocado Rahu, embora em aspeto muito amplo. No entanto, é sabido que a associação entre a Lua e Rahu  produz perturbações fortes no plano imediato da consciência, arruinando o sentido interior de paz : causa melancolia e pessimismo, depressão, etc.

A influência mais maléfica para este horóscopo é Mercúrio, regente da 12ª casa, a única ocupada por um signo Mooltrikona, razão pela qual apenas Mercúrio e os nodos são considerados planetas funcionais maléficos para este Ascendente.

Quanto à força dos planetas, vemos que Júpiter está muito forte no horóscopo e é o principal indicador do para o  sucesso obtido por Beethoven . Júpiter é um significador geral para o pai, para a riqueza e o sucesso material , para a aquisição do conhecimento, sobretudo espiritual. Ao reger a 3ª casa  deste horóscopo, (uma casa ocupada pelo seu signo Mooltrikona) torna-se também o significador do discurso  e das artes, sendo conhecida a associação entre a 3ª casa e a Música. Nos primeiros tempos, foi o pai de Beethoven que  o iniciou na vida musical. A força deste planeta explica o destino imparável de Beethoven nesta área da sua vida. Estes significados da 3ª casa são ainda  mesclados pelos dos planetas aqui colocados: o próprio Júpiter, mas também o Sol e Mercúrio, ambos em aspeto de conjunção entre si, numa orbe de um grau: o Sol é o regente da 11ª casa, cujos significados são os ganhos e o rendimento, os amigos e o  círculo social da pessoa, a realização geral dos desejos, etc. Ora, o Sol  está aflito pela conjunção com Mercúrio e este aspeto  ajuda-nos a compreender, entre outras coisas, a surdez de Beethoven: as casas do horóscopo que regem a audição são a 3ª e a 11ª : exatamente as casas que recebem a influência direta da associação com Mercúrio, o planeta cujos significados particulares têm a ver com as perdas, as despesas, a perda de vitalidade física, as obstruções, o isolamento: haverá  fator mais terrível para isolar uma pessoa do mundo do que a perda de audição, quando a forma privilegiada que ela tem para esse contacto com o mundo é a música? Esta foi uma perda terrível na vida deste homem que continuou, no entanto, a compor música muito depois de ser capaz de a ouvir. Mas deve ter sido uma situação terrível de experienciar.

A Lua rege a 10ª casa e está debilitada. Apesar do reconhecimento social que recebeu como músico, de tal modo que a sua irritabilidade ou modos menos polidos eram desculpados por aqueles que respeitavam  o seu trabalho  e o admiravam , Beethoven viu negado o sucesso pessoal de uma família e  uma verdadeira aceitação social por parte da sociedade que o contratava como professor de música ou  ia assistir aos seus  espetáculos mas que o impediu sempre de viver uma vida amorosa com as mulheres pelas quais se apaixonou, por considerar que elas estavam fora do seu alcance social.

Marte, o regente da 2ª e da 7ª casas, consideradas casas maraka (cujo regente é capaz de infligir a morte ao nativo) é um planeta médio fraco, pois recebe simultaneamente o aspeto do Sol e de Mercúrio numa orbe de 1º. E se o Sol é um funcional benéfico,  permitindo-lhe alcançar durante a vida o reconhecimento e o sucesso, como regente da 11ª casa, Mercúrio, como regente da 12ª e um poderoso funcional maléfico, traz problemas e perdas e, por via disso, Marte tornou-se num poderoso planeta maraka:  Beethoven morreu durante o dasha de Marte, que se iniciou em 1823, quando estava ativo o subperíodo de Mercúrio.  A má fortuna em relação à saúde- a 12ª casa representa a perda da vitalidade e da saúde, significada pela 1ª casa- de Beethoven  foi agravada pelo facto de Mercúrio, a influência mais maléfica do horóscopo, ser o regente da 9ª casa da sorte para a vida presente.

Vénus, o regente do Ascendente, está colocado na 4ª casa e rege também a 8ª casa do horóscopo, associada a doença e à morte e onde está colocado Ketu. A força de Vénus é média  e o planeta não recebe qualquer aspeto de outros planetas, não sendo capaz de vencer a dinâmica formada pelos aspetos próximos entre o Sol, Mercúrio e Marte. Como regente da 8ª casa, também não permitiu o desenvolvimento de laços afetivos no plano conjugal, que pudessem manter-se de forma estável ao longo da vida, tanto mais que Ketu , um outro significador para as perdas e para as ilusões, está colocado na 8ª casa, ajudando a dissolver e não a criar, esses laços.

Quando Beethoven nasceu estava operante o dasha de Mercúrio, que durou até 1880, tendo-se iniciado logo a seguir o dasha de Ketu, que costuma ser sempre problemático e que durou até 1887. Este período da vida de Beethoven foi assim  influenciado pelos funcionais maléficos no seu horóscopo. De 1887 a 1807  esteve ativo o dasha de Vénus, regente do  Ascendente, e este período trouxe algum alívio nas suas condições gerais de vida. Durante o período dasha seguinte, o do Sol, ele começou a ver reconhecido o seu trabalho como compositor e como músico. O Sol está forte no horóscopo , apesar da aflição de Mercúrio e, por isso, Beethoven pôde contar com um círculo de amigos fiéis que o acompanharam  e o ajudaram quando, nos últimos tempos de vida, teve que lidar com as suas limitações de saúde. O Sol também lhe permitiu atingir o sucesso embora não lhe tenha protegido a saúde nem a vitalidade física.

Beethoven morreu durante o dasha de Marte, no subperíodo de Mercúrio, os dois planetas mais maléficos, no dia 26 de Março de 1826. No dia da sua morte, a Lua transitava pela 12ª casa, o Sol transitava pela 6ª casa, lançando aspeto para a 12ª, Júpiter transitava pela 8ª casa e Vénus e Saturno estavam em trânsito pela 7ª casa do horóscopo, a casa ocupada pelo signo Moltrikona de Marte e uma casa maraka.

Durante a sua vida, Beethoven não pôde experienciar o dasha de Júpiter, o planeta mais benéfico e poderoso do horóscopo. Mas Júpiter protegeu a sua obra musical, tendo permitido que esta sobrevivesse muito para além do seu autor  e tornou-se  imortal. E, por essa forma, Beethoven também permaneceu vivo, na dimensão mais elevada que a sua vida conseguiu alcançar.

Também Poderá Gostar de Ler