Análise de Horóscopo- Ascendente Balança

ban

Para ilustrar a análise das áreas de vida para cada signo Ascendente e  para facilitar a aprendizagem dos nossos leitores, vamos apresentar a análise de mais um  horóscopo, com a leitura dos indicadores das áreas de vida, desta vez para o Ascendente Balança. Os nossos leitores podem consultar aqui  todos os indicadores das áreas de vida para este Ascendente, que iremos utilizar nas análises específicas nos próximos artigos. Sabemos que a leitura exemplificada do horóscopo é um importante facilitador desta aprendizagem, razão pela qual vamos apresentar  leituras das áreas de vida para todos os  signos Ascendentes, usando horóscopos de pessoas reais. Escolhemos para esta análise o horóscopo de um leitor do sexo masculino.

Antes de começar qualquer análise parcial de uma área de vida no horóscopo, convém ter em mente que precisamos de ter uma visão global da força dos planetas e das relações que estabelecem entre si e com as casas do horóscopo. Para isso temos à mão toda a informação fornecida  aqui e aqui. Definimos também a natureza funcional dos planetas para o Ascendente em causa tendo em conta o que dissemos aqui. E não nos  podemos esquecer de anotar  o grau do signo Ascendente, que marca o ponto mais efetivo de cada  casa. Anotamos todos os planetas que estão, para ambos os lados desse grau, de 0º  a 5º de distância. Esta informação  é muito importante, sobretudo se os planetas e casas significadores para a  análise estão envolvidos nesses aspetos pois, como vamos mostrar, a interpretação da área de vida faz-se encontrando ligações entre os vários significadores, na carta natal – D-1- e na divisional relacionada. Para essa interpretação temos ainda em conta todos os fatores referidos anteriormente (força e fraqueza das casas e planetas, natureza funcional dos planetas) . Finalmente, para sabermos como se desenvolve essa área de vida no tempo vemos os períodos dasha e antardasha dos planetas significadores e regentes das casas, nomeadamente os que têm o papel principal e articulamos esses períodos com a observação do trânsito desses planetas para o momento que desejamos analisar.

Determinação da Força dos Planetas/Casas do Horóscopo

Sérgio A.

11 Agosto 1996, Brasília, Brasil, 10 h 25 m

jean- d1

O Ascendente está colocado a 9º 27 ‘ de Balança, e este grau  corresponde ao ponto mais efetivo de cada casa do horóscopo.

Os planetas funcionais maléficos são : Mercúrio, como regente da 12ª casa ; Rahu e Ketu.  A 6ª e a 8ª casas não estão ocupadas por signos Mooltrikona, por isso o seu regente não é considerado. Mercúrio está a uma distância superior a 14º do Sol por isso não está combusto, o que é um fator excelente, uma vez que é o regente da 9ª casa que determina a sorte para esta vida.

Analisando o horóscopo constatamos que Vénus está em conjunção  exata com o ponto mais efetivo da 9ª casa o que é outro fator muito bom pois trata-se do regente do ascendente, e está  também em aspeto exato com o ponto mais efetivo da 3ª casa, o que é excelente para os dons e talentos naturais da pessoa, sobretudo os de caráter artístico. Saturno está em  conjunção próxima com o ponto mais efetivo da 6ª casa e em aspeto próximo com o ponto mais efetivo da 8ª, da 12ª e da 3ª casas. Júpiter está em conjunção próxima com o ponto mais efetivo da 3ª casa  e em aspeto próximo com o ponto mais efetivo da 7ª, da 9ª e da 11ª casas,  tocando assim algumas casas importantes para os relacionamentos, para a prosperidade material e para a sorte na vida, outra excelente indicação pois trata-se do maior benéfico entre os planetas e de um planeta que «funciona como o Sol» para este Ascendente . Nenhum planeta está colocado no Avastha da velhice nem da infância, o que constitui outra boa indicação para determinar a força dos planetas no horóscopo.

Quanto aos aspetos que os planetas formam entre si, vemos que Júpiter está em aspeto próximo, numa orbe de 3º com Marte; Marte está em aspeto exato, com orbe inferior a 1º com Rahu; Saturno está em conjunção próxima, numa orbe de 3º com Ketu. Estas configurações de Marte, Saturno e Rahu e Ketu, no conjunto os  planetas maléficos, tem significado kármico e envolve, no caso de Saturno e os nodos, também casas kármicas, a 6ª e a  12ª e, no caso de Marte, envolve a  9ª casa, a casa da «sorte» que nos cabe nesta vida. Júpiter e Saturno estão ambos retrógradosVénus, Marte e a Lua estão  todos colocados na mesma casa mas não formam aspetos próximos entre si. Júpiter e Vénus estão em aspeto próximo com uma orbe de 5º relacionando a 3ª e a 9ª casas. A Lua , o Sol e o Ascendente não recebem aspetos mas o sol  está «cercado» entre a 11ª e a 9ª casas, formando yogas positivos pois há planetas à volta do Sol que são benéficos . Mercúrio , no entanto, está cercado por maléficos, o Sol na 10ª casa e Rahu na 12ª, o que lhe retira  força para proteger  os ganhos e a realização dos desejos e a sorte geral.  Sendo  o dispositor de Rahu , e também um planeta maléfico funcional para o horóscopo, há que prestar muita atenção aos seus períodos e subperíodos que podem ser desafiadores.

O sol está muito bem colocado por casa, na 10ª, o que indica um desejo muito forte de ser notado e de obter fama e visibilidade no mundo.  O sol aqui adquire força adicional e ajuda a obter riqueza e sucesso profissional. A colocação por signo, no entanto, não é a  mais feliz pois o signo de Caranguejo  com a regência da Lua, está sujeito a muitas mudanças e instabilidade ao longo do tempo. Assim, determinar a fase da Lua no momento do nascimento torna-se essencial para avaliar as potencialidades positivas da Lua. Uma consulta às efemérides do dia do nascimento revela que a Lua estava na fase final do Quarto Minguante, tendo  havido uma Lua nova no dia 14, 3 dias após o nascimento. A Lua está no entanto bem colocada, na 9ª casa e em signo amigo e o seu dispositor, Mercúrio, também está bem colocado, embora sob «cerco » dos maléficos Sol e Rahu. Assim, na presente configuração, e atendendo a que o Sol também rege uma casa importante para a vida da pessoa, a 11ª, apesar de o sucesso porventura não «cair nos braços deste jovem, também não é impedido embora exija trabalho e vontade para ser alcançado.

A Lua, como referimos, encontra-se colocada na 9ª casa dando à pessoa o gosto pelas longas viagens e pelo encontro com pessoas de origem, costumes e modos de ser diferentes.  Com vários planetas colocados na 9ª casa os significados desta casa- conhecimento espiritual , metafísico, filosófico ou religioso ou simplesmente superior, culturas e países e pessoas estrangeiras, mestres e professores e o pai, são elementos essenciais do sentido da existência para esta pessoa. A Lua, como regente de uma casa kendra- a 10ª- colocada na 9ª só por si forma um Raj yoga e , dentro dos limites da força da Lua, é capaz de trazer poder, riqueza, influência e popularidade para a vida deste jovem.  Mas não evita as mudanças no plano da carreira e alguma instabilidade nesse plano, podendo haver altos e baixos nessa área de vida ao longo do tempo.

A colocação do regente do Ascendente na 9ª casa é um fator  de sorte inegável  e este jovem pode ter sorte numa carreira em que os seus talentos artísticos podem ser bem recebidos pelo público, incluindo  o plano internacional.  Vénus também rege a 8ª casa e também favorece o recebimento de dinheiro e riqueza através de herança, legado ou indeminização, sobretudo durante os seus períodos/subperíodos. Está bem colocada  tanto por casa como por signo pois está em signo amigo, no signo de Mercúrio .

Júpiter está colocado na 3ª casa, retrógrado mas no seu signo Mooltrikona. Não é a melhor colocação para Júpiter mas as aprendizagens e a comunicação, as artes e os talentos naturais são aumentados por Júpiter e o aspeto que ele lança para a 9ª casa também ajuda a fortalecer a sorte. Este jovem pode ser um ator, músico, bailarino, cantor, etc., podendo também ter sucesso em carreiras associadas ao plano artístico, como produtor, realizador, etc. A carreira no plano literário ou no ensino também pode ser favorecida com esta posição de Júpiter.  O nativo pode ter irmãos mais novos que ajudarão o seu sucesso. O aspeto que Júpiter envia para a 7ª casa também ajuda nas parcerias e a encontrar um parceiro de vida que  tenha boas qualidades incluindo   riqueza e sorte. O aspeto que lança para a 11ª casa, por outro lado, ajuda a realizar os desejos e ambições e a aumentar os rendimentos e ganhos.

Vénus, o regente  do Ascendente  e da 8ª casa, está colocado na 9ª casa. Esta é uma boa colocação que aumenta a possibilidade de riqueza e de sorte e de prosperidade. Indica também que pode receber ganhos substanciais do pai, uma boa saúde e longevidade e bons princípios morais a orientar a sua vida. O nativo pode ter inclinações filosóficas/espirituais/religiosoas. O aspeto formado entre Júpiter e Vénus amplifica estas possibilidades. Este jovem tem um potencial muito razoável de sucesso e mesmo de fama. Porém, como Júpiter está colocado numa casa «upachaya» ou de crescimento, esse sucesso não lhe cai nos braços sem esforço, terá que usar os talentos de que dispõe e a sua capacidade de iniciativa e de motivação para buscar por si mesmo esse sucesso. E, por outro, lado, Vénus , regente da 8ª casa, colocado na 9ª indica possíveis obstruções à sorte, de vez em quando, que é preciso superar.

Saturno é, teoricamente, o planeta mais forte para este Ascendente,  devido à regência da 4ª e da 5ª casas, o que faz dele um yogakaraka ou planeta que por si só traz riqueza e poder. Está retrógrado, indicando que existem lições específicas a aprender relacionadas com a  sorte e os talentos que  este jovem traz com ele.  As suas inclinações e capacidade de trabalho e de serviço  bem como os talentos naturais de que dispõe e que traz consigo, desenvolvidos anteriormente, deverão agora, nesta existência, ter finalidades que ultrapassem  desejos e impulsos recalcados (Rahu na 12ª casa) e deverá aprender a valorizá-los a partir de outros valores e finalidades, sendo que uma delas parece ser o próprio desenvolvimento espiritual pessoal.  A colocação de Saturno na 6ª casa é uma boa colocação porque se trata de uma casa upachaya  na qual os  planetas maléficos naturais dão excelentes resultados, permitindo vencer opositores e competidores e atingir uma posição de influência na vida. Mas Saturno está em conjunção com Ketu sendo ambos inimigos  e Ketu nesta posição pode indicar inimigos poderosos e pessoas ciumentas que se oporão ao sucesso desta pessoa, indicando também a posição de ambos dificuldade  no relacionamento com colegas, colaboradores e subordinados. Este «clima» acompanhará a pessoa no seu percurso e há lições a aprender relacionadas com isto.

A colocação de Rahu na 12ª casa contraria os indicadores gerais do horóscopo que mostram uma pessoa à procura do sucesso e da visibilidade no mundo. Rahu está muito bem colocado por signo, Virgem, mas a 12ª casa é uma casa de segredo e de invisibilidade e a única forma de esta configuração mostrar sucesso e fama é em terras estrangeiras. Esta posição de Rahu «obriga» a pessoa a ir para terras estrangeiras para alcançar o sucesso que deseja.  Haverá também, com esta posição de Rahu, a tendência para gastar tudo o que ganha, e ter dificuldade em poupar para os momentos menos felizes. Este  nativo dará grande importância aos aspetos sexuais da  sua vida e,  de acordo com  esta configuração, será bem sucedido.

Marte está colocado na 9ª casa  e, sendo o regente da 7ª casa, mais uma vez indica a relação com  países estrangeiros: pode encontrar o parceiro de vida num país estrangeiro e escolher uma pessoa que não é do seu país; pode também ganhar riqueza a partir de parceiros relacionados de alguma forma com países estrangeiros (incluindo o cônjuge) uma vez que Marte também rege a 2ª casa. Pode aumentar os seus conhecimentos e competências pessoais e profissionais estudando num país estrangeiro e pode obter ganhos a partir de um país estrangeiro.

Quanto à força  geral dos planetas, concluímos  que   todos têm a força suficiente para permitir  o desenvolvimento dos seus significados específicos e gerais e percebemos que os períodos de Saturno e de Júpiter – o de Júpiter já acabou, tendo estado ativo no momento do nascimento- e o de Saturno- que está ativo atualmente, tendo começado em março de 2006 e terminará em março de 2025 , são especialmente importantes pois libertam eventos de origem kármica que esta pessoa tem que resolver nesta existência.

4 Thoughts to “Análise de Horóscopo- Ascendente Balança”

  1. Carla

    Olá
    queria pedi analise personalidade básica de ascendente capricónio lua libra e sol em virgem.leio sempre os artigos e agradeço por compatinhar essas informações.

    1. Satisfaremos o seu pedido logo que possível.

  2. Alana

    Meu ascendente é balança,e o regente (vénus) está em sagitário na casa 3 formando um sextil com o ascendente,é uma boa colocação ou devo me preocupar? se não for incomodar, poderia explicar um pouco? Grata desde já.

    1. Não é possível analisar seriamente os efeitos de um planeta só por uma determinada colocação; além do mais, a Astrologia Jyotish não considera os «aspetos» entre os planetas da mesma forma que a Astrologia ocidental. De acordo com a Astrologia Jyotish não existe nenhum aspeto entre Vénus e o Ascendente. Cara leitora, não deve misturar os dois sistemas, caso contrário nada faz sentido.

Deixe um comentário, a sua opinião conta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.