Casas Vazias no Horóscopo

emp

Um leitor pediu-nos para falar das casas do horóscopo que estão «vazias» , isto é, sem qualquer planeta colocado. Serão essas casas vazias indicação de que não teremos sucesso nas áreas de vida que elas representam? A resposta é rotundamente não. Veja o (a) leitor(a): as casas do horóscopo, espelhando os signos do Zodíaco, são 12 mas os planetas usados pela Astrologia Jyotish são sete (contamos como «planetas» o Sol e a Lua ainda que ,astronomicamente, não sejam assim considerados) e, acrescentando Rahu e Ketu que, na verdade não são planetas mas o ponto onde se intersetam as órbitas do Sol e da Lua , razão pela qual são chamados de «planetas -sombra» devido a não terem massa física. Assim,  ficamos com 9. Deste modo, pelo menos 3 casas do horóscopo nunca podem estar ocupadas.

Agora, as 12  casas do horóscopo simbolizam as várias áreas de vida estando, além disso, como sabemos, associadas aos 4 propósitos de vida- dharma, artha, kama e moksha ( propósito, riqueza, desejo e salvação) ; têm correspondência com partes do corpo e com características específicas do «homem universal» e, estejam ou não ocupadas por planetas, todas as áreas de vida se manifestam na existência humana. Porém, não se manifestam todas com a mesma ênfase ou importância. E é aqui que os planetas e a sua colocação nas casas ( sabemos que a conjugação da colocação dos planetas nas casas do horóscopo produz os yogas ou combinações associadas a experiências específicas) mostram os pormenores mais finos do  destino individual.

Assim, as casas ocupadas por um ou mais planetas revelam uma ênfase, na vida atual, das experiências e significados das casas e dos planetas nelas colocados; revelam uma área de vida que terá que ser desenvolvida e trabalhada e a natureza das casas e dos planetas dá indicações acerca do caráter mais fácil ou mais difícil dessas experiências. Muitas vezes existem 3 ou mais planetas numa única casa, estando por isso muitas outras casas vazias. As casas vazias não «desaparecem» nem perdem os seus significados, que serão desenvolvidos a partir da casa onde se encontra colocado o seu regente- ou seja, é raro que os  significados de uma casa se manifestem na vida da pessoa a partir do que simboliza essa casa isoladamente. Os significados da casa manifestam-se através da casa onde se encontra colocado o seu regente.

Assim, se o regente do meu Ascendente está colocado na 8ª casa, uma casa de mudanças bruscas e de grande transformação, já sei que todas as áreas da minha vida (refletidas pelo Ascendente em termos gerais)  bem como a minha capacidade de obter sucesso na vida, a minha saúde e longevidade, podem enfrentar alguns processos problemáticos, senão mesmo traumáticos e que deverei esperar mudanças profundas em todas as áreas da minha vida, várias vezes na vida. Também poderei pensar que essa colocação não ajuda muito a minha longevidade, embora deva estudar outros fatores do horóscopo antes de concluir que  morrerei mais cedo do que a maioria. Se, por ex., o regente da minha 2ª casa está colocado na 7ª casa, ao mesmo tempo que a 2ª casa está vazia, isso não significa que não conseguirei acumular riqueza ao longo da minha vida ou  que não terei uma vida familiar bem-sucedida, ou que a minha instrução será deficiente. Saberei, no entanto, que as parcerias e o parceiro conjugal serão uma fonte importante de financiamento e de status na minha vida e que, através dele, posso ter acesso a riqueza  e a uma profissão e que a pessoa com quem casar pode ter bastantes meios de fortuna. Outra coisa que poderei concluir é que as viagens, sobretudo para países estrangeiros, podem ser fonte de riqueza e de sucesso na minha vida.

Poderíamos continuar com os exemplos para os leitores compreenderem que as casas vazias do horóscopo mantêm integralmente os seus significados embora o seu estado indique que as experiências que estão com elas associadas não são decisivas na vida atual em termos de aprendizagem ou de desenvolvimento  ou de compensação kármica.

Partindo desta asserção, fica fácil entender que o tipo das casas ocupadas por planetas mostra o «tipo de karma»  que enfrentaremos nesta vida: se temos a maioria dos planetas fundamentais colocados nas  casas trikona ou kendra  isso é um bom indicador de que o nosso destino contempla pelo menos um grau muito razoável de sucesso; se temos ao mesmo tempo as casas dusthana (6ª, 8ª 12ª)  vazias, isso confirma o caráter mais «leve» das dificuldades que teremos que enfrentar. Obviamente que o inverso também se verifica: a ocupação das casas maléficas por planetas indica sempre um grau de dificuldade que se acrescenta às experiências que teremos que viver nesta existência.

Assim, e apesar de existirem muitos outros fatores a condicionar o grau de facilidade ou de dificuldade com que teremos que contar ao longo da vida, a análise de quais as casas ocupadas e quais as casas vazias do horóscopo revela muito sobre o tipo de vida que podemos ter. Isto mesmo foi atestado desde os primórdios da Astrologia Jyotish, pelo sábio Parashara, o grande sistematizador da Astrologia como sistema de sabedoria que integrava os escritos sagrados dos Vedas, naquilo que os leitores podem estudar através dos chamados Nabhasa yogas  já publicados no menu Yogas deste site.

Esperamos que esta breve reflexão acerca das casas vazias e casas ocupadas ajude os nossos leitores a compreenderem um pouco melhor o seu horóscopo e o significado das casas vazias e ocupadas do mesmo.

One Thought to “Casas Vazias no Horóscopo”

  1. Thalita

    Muito bom! Obrigada me ajudou a entender mais.

Deixe um comentário, a sua opinião conta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.