Satkathadisravana e Uttama Griha Yogas

casa

Satkathadisravana yoga

Este yoga forma-se quando a 3ª casa está ocupada por um signo benéfico ;  deverá também  haver aspetos de planetas benéficos para esta casa e, finalmente, o regente da 3ª casa deve receber o aspeto de planetas benéficos, estando também colocado de forma benéfica na carta divisional navamsa.

Quanto aos resultados, esta configuração indica alguém que está continuamente a ler literatura de alta qualidade e gosta de ouvir discursos espirituais e religiosos.

Este é, portanto, um yoga indicador de interesses intelectuais e de inclinação espiritual.

Uttama Griha Yoga

Este é já um yoga relacionado com a 4ª casa e é muito simples: o regente da 4ª casa deve estar colocado numa casa kendra ou trikona , conjunto com algum planeta benéfico.

Este é um yoga de boa sorte, indicando que o nativo terá boas casas. Comentando este yoga, o Dr B. V. Raman (300 Important Combinations) refere que, quando o yoga está presente mas o Ascendente é fraco, deverá contar-se o yoga tendo por referência a colocação da Lua como 1ª casa. Raman conclui  admitindo que esta última possibilidade não consta da descrição original do yoga pelos autores antigos, sendo a sua opinião.

Este yoga tem a ver com a posse  de uma  boa  casa (habitação) , não sendo por isso indicativo da mera posse de uma ou mais casas mas especificamente indica a benesse  de ter  uma boa casa, onde a pessoa se sentirá por isso bem  e feliz. Sem dúvida muitas vezes a simples posse de uma casa não faz dela um verdadeiro lar e, no oriente , desde há muito que se tem  perceção disso, através por ex., dos conceitos associados ao  «Feng Shui».  Assim, é esta subtileza de ter boas casas e não simplesmente várias casas, que torna este yoga tão importante. Afinal, o lar é um «porto seguro» no qual se equilibra a vida de cada um de nós, entre o tumulto do mundo e a segurança de um abrigo que oferece proteção e bem-estar.

Deixe um comentário