Signo Capricórnio na 6ª Casa do Horóscopo

 

Signo Capricórnio na 6ª casa do horóscopo

Continuamos a apresentar os signos na 6ª casa do horóscopo. Hoje falamos do signo Capricórnio na 6ª casa. Para  ler uma pequena  introdução aos significados da 6ª casa, clique  aqui .

Para ler um artigo mais aprofundado sobre os significados da 6ª casa leia o artigo aqui.

 Quando  o signo Capricórnio   ocupa a 6ª casa do horóscopo- o que acontece para o Ascendente  Leão–  os nativos são trabalhadores incansáveis e pacientes. São muito organizados e capazes de realizar tarefas etapa a etapa de forma eficaz.  Podem realizar tarefas rotineiras sem desistir e gostam de trabalhar de acordo com uma  organização prévia, criando hábitos de trabalho. Embora sejam capazes de trabalhar arduamente não trabalham com entusiasmo, têm antes uma atitude prática de fazer «o que deve ser feito». Quando têm subordinados a seu cargo podem exigir destes que trabalhem de forma dura. O trabalho que fazem pode  ter um caráter de serviço comunitário e podem trabalhar numa organização grande, como sucede na administração pública ou numa instituição muito hierarquizada.  Estes nativos são responsáveis e disciplinados na realização de tarefas e têm forte sentido de dever. Não ocupam, muitas vezes, cargos de liderança de topo, embora possam ocupar chefias intermédias.  Dão grande importância às regras estabelecidas para o trabalho , cumprem-nas e fazem-nas cumprir.  São ambiciosos no que respeita à profissão mas têm que fazer um esforço grande para irem subindo a pulso. A posição que alcançam é totalmente conquistada pelo seu esforço e trabalho e  fruto da  «sorte» ou de outros fatores.  Estes nativos também podem trabalhar na construção e ter ossos partidos por causa da profissão. Podem ser engenheiros e ter a seu cargo um número elevado de trabalhadores ou ter cargos de administração em que podem alcançar liderança intermédia. Dão-se bem em qualquer tarefa que exija atenção aos pormenores. Estas pessoas gostam de manter hábitos e rotinas na sua vida diária e no ambiente doméstico. Essas rotinas dão-lhes segurança em relação ao domínio dos pequenos problemas e desafios do dia a dia. Devem  evitar o excesso de rigidez nesta área, para a qual há uma tendência forte.

Sendo um signo de contração, Capricórnio pode  causar aos nativos com Ascendente Leão vários problemas em relação à carreira-  diversos tipos de restrições no exercício do trabalho, podendo, no entanto, elevar-se a partir do próprio esforço e alcançar posições de topo no plano material, por mérito próprio. Mas podem ter poucas oportunidades, sofrer obstáculos e atrasos na obtenção do que desejam. Têm capacidade de ganhar dinheiro  mas este virá em pequenas quantidades de cada vez e a partir de muito esforço. O trabalho destes nativos deve, de algum  modo, beneficiar o público e a sociedade, podendo estar ligado à construção de estruturas e edifícios, trabalho em minas, estruturas da administração pública, chefia de organizações de trabalhadores como os sindicatos. Sendo Capricórnio o representante do esqueleto e das articulações, os nativos poderão trabalhar na área da medicina do trabalho , ortopedia- especialmente joelhos e articulações do joelho- medicina dentária, dermatologia, tratamento de alergias ,  da artrite ,etc. Podem também exercer alguma profissão em que cuidam de pessoas mais velhas ou trabalhar num emprego em que o patrão é uma pessoa de idade.

Os nativos de Leão são capazes de fazer grandes restrições na ingestão de comida e são de tal modo capazes de reduzir a quantidade de comida que podem mesmo, em algumas circunstâncias, comer de forma insuficiente chegando mesmo á anorexia.  Podem ser muito disciplinados em relação à saúde e seguir um plano estrito em relação ao exercício físico, sendo capazes de seguir uma rotina diária de forma eficiente. A prática de exercício e a capacidade de seguir uma dieta alimentar determinada pode ser vista como uma forma de alcançar status para estas pessoas e levar ao reconhecimento por parte dos outros.  São igualmente capazes de seguir instruções médicas  de forma fiel, quando está em causa a sua saúde.  Mantêm  rotinas em relação à saúde e higiene, sendo cuidadosos com a manutenção do seu corpo.

As pessoas com o signo Capricórnio na 6ª casa podem gostar muito de comer e podem comer em excesso, atraindo para si doenças de fígado, pâncreas, etc..Algumas podem ter um interesse profundo por temas de saúde e alimentação e criar dietas novas. Em geral não gostam de se manter dentro dos limites estabelecidos por uma certa dieta em particular e o mais certo é transgredirem o plano de dieta, tenha este sido escolhido por um profissional nutricionista ou sido escolhido por si próprios. Têm também um gosto particular por comida pertencente a outras culturas, exótica e diferente e não é raro vê-los experimentar alguns alimentos exóticos sem saberem muito bem o seu valor nutricional nem se são os mais adequados para a sua saúde. Não gostam de se alimentar de forma rotineira e, uma vez, mais, a alimentação, os alimentos que escolhem comer num dado momento, têm muito a ver com o sentido de «aventura» e o gosto de avançar para o desconhecido para aprender mais sobre a realidade: aprendem, neste caso , comendo e experimentando novos sabores.

signo Capricórnio tem regência de Saturno  um planeta que significa a disciplina e contração e, quando em excesso, pode trazer prejuízos para a saúde e bem estar individual. Saturno dá seriedade no cumprimento de tarefas e responsabilidade em assumir os deveres tanto em relação ao trabalho como em relação ao ambiente doméstico. Mas a sua predisposição para a rigidez pode retirar alegria e espontaneidade à existência, contraindo o indivíduo numa disciplina rígida que pode privá-lo  das pequenas alegrias da  vida como descontrair sem «fazer nada», comer aquilo que lhe dá prazer sem se sentir culpado, ao mesmo tempo que também pode criar obstáculos e atrasos que tornam mais difícil o percurso profissional  e o reconhecimento do mérito pessoal.

As pessoas com o signo Capricórnio na 6ª casa não gostam muito de animais, não tendo, em geral, a empatia necessária para criar uma ligação com animais domésticos e podem ter um comportamento demasiado intransigente para com os animais presentes no ambiente doméstico, queixando-se de que sujam, são pouco higiénicos, etc. Assim, talvez seja melhor não terem qualquer animal doméstico em casa, sob pena de exercerem uma «disciplina» demasiado severa para com os animais que pode chegar aos maus tratos, se não houver controlo destes aspetos da personalidade.

Quando não dedicam a devida atenção à saúde e à alimentação, estes nativos podem sofrer devido a dietas demasiado restritivas e podem ter problemas nos joelhos e ossos; podem sofrer dos dentes e gengivas e ter pele muito sensível.

Deixe um comentário, a sua opinião conta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.