Glossário Astrológico- Bhavat Bhavam

bhavat bhavam capa

Bhavat Bhavam é um conceito da Astrologia Jyotish que está relacionado com o princípio da «correspondência das casas». Consiste em contar, a partir de uma dada casa do horóscopo, o mesmo número de casas que corresponde à distância entre essa casa e o Ascendente. Assim, para a 3ª casa do horóscopo, contamos 3 casas tomando a 3ª casa como  a 1ª e obtemos a 5ª casa como sendo a Bhavat Bhavam da 3ª (é a 3ª da 3ª). Cada bhavat bavam é uma casa secundária que ajuda a compreender os significados e os efeitos de cada casa do horóscopo.  Assim, quando dizemos que a 5ª casa é uma 3ª casa em sentido secundário, mostramos que os significados da 5ª casa ajudam a compreender os significados da 3ª: Esta é uma casa de esforços, motivações, entusiamo e energia para levar a cabo as nossas ações no mundo. Assim, a 3ª casa mostra a energia que conseguimos colocar em ação para nos movermos no mundo; a 5ª casa mostra como exprimimos tudo isso através da nossa criatividade, inteligência, forma pessoal de agir e gosto em experimentar, mostrando os frutos possíveis de todos os esforços começados na 3ª casa: seja um projeto, uma obra artística ou um filho, tudo isso resulta da canalização pessoal da energia que colocamos em movimento na 3º casa.

Cada casa do horóscopo, à exceção da 1ª- O Ascendente- tem uma bhavat  bhavam que a complementa nos seus significados: Deste modo, a bhavat bhavam da 2ª casa é a 3ª; a da 3ª, como referimos, é a 5ª, a da 4ª é a 7ª; a da 5ª é a 9ª; a da 6ª é a 11ª (para os que possam ficar admirados com a complementação entre a 6ª e a 11ª casa, lembremo-nos de que a 6ª casa é uma casa de serviço, de esforço para produzir serviços para os outros, de obstáculos, luta e conflito com os outros mas, após essa luta e esse esfoço, é possível alcançar ganhos e ser reconhecido na comunidade, com a ajuda de outras pessoas e trabalhando em equipa. Por isso a 11ª casa é a bhavat bhavam da 6ª pois, em geral, não se alcança sucesso material fora da sociedade e da sua rede de apoios e amigos e sem colaborar com outros; a 1ª casa é a bhavat bhavam da 7ª pois a identidade de cada um de nós constrói-se através da ligação com outros a nível pessoal e em especial com um parceiro de vida, pelo menos para a maioria das pessoas; a 3ª é a bhavat bhavam da 8ª  pois as transformações da identidade do ser humano ocorrem em geral a partir dos desejos que este concretiza em projetos, energia direcionada para realizar coisas novas e também para indicar que a morte é apenas uma transição de ciclo e a saída para outro recomeço. A 5ª casa é a bhavat bhavam da 9ª casa. Estas são casas de dharma ou propósito de vida  e estão ligadas pois  a sorte e as oportunidades que criamos nesta vida ligam-se inexoravelmente com o nosso passado: a 9ª casa indica o karma novo que vamos criando, e este reflete-se necessariamente no karma significado pela 5ª casa, que vem do passado. A 7ª casa é a bhavat bhavam da 10ª casa  indicando que o sucesso mundano e a construção de uma imagem pública respeitada  e com elevado status depende da nossa capacidade para formar uma família com um parceiro que nos complementa e ajuda. Esta casa também é a bhavat bhavam da 4ª casa por razões semelhantes, na medida em que o nosso sentido de segurança e a felicidade estão dependentes da capacidade para estabelecer relacionamentos próximos  com alguns parceiros, sejam estes o parceiro de vida sejam os amigos próximos. A 9ª casa é a bhavat bhavam da 11ª casa pois os ganhos e rendimentos que conseguimos realizar necessitam que tenhamos sorte nesta vida e o acompanhamento e orientação de pessoas ou princípios que nos orientem na vida, seja o pai ou algum mestre de sabedoria.  Sem sorte e boa orientação, poucos de nós poderão alcançar sucesso, por muito esforço que façam. A 11ª casa é a bhavat bhavam da 12ª e se isto lhe parece estranho pois a 11ª casa é uma casa de ganhos e aumento de rendimentos e a 12ª é uma casa de perdas, digamos que, em termos de energia cósmica, nada se perde e o que «perdemos» num momento, ganharemos num outro, segundo a lei de compensação universal.  Assim, para ganhar, é preciso também dar um pouco de nós, sendo isto refletido nesta complementaridade e, segundo este princípio, quanto mais se dá, mais se recebe ou ganha.

Através deste conceito de bhavat bhavam a compreensão de uma determinada casa só fica completa quando analisamos a casa secundária de cada uma e o seu estado (presença de planetas benéficos ou maléficos, etc.).

Deixe um comentário, a sua opinião conta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.