Conjunção Sol Ketu no Horóscopo

Conjunção sol Ketu no horóscopo

Começamos hoje a explicação do significado da conjunção Sol Ketu no horóscopo. Neste artigo fazemos uma introdução aos significados gerais desta conjunção e, a partir do próximo artigo, falaremos dos significados da conjunção em cada uma das casas e signos do Zodíaco.

Ketu é um «planeta sombra», um corpo sem cabeça que significa o abandono do mundo material , separação, isolamento, a ausência de significado em relação às conquistas do mundo material. Ketu também representa os laços que ainda nos prendem ao  passado , a outras vidas , laços que temos que romper definitivamente.

Quando Ketu está colocado num signo inimigo e/ou em companhia de outros maléficos, isso significa que não lidámos bem com as coisas representadas pela casa e signo onde se encontra Rahu.

Ketu significa a procura de iluminação e a salvação espiritual. A sua conjunção com planetas mentais como a Lua e Mercúrio dá grandes capacidades de reflexão e pensamento ao nativo.

Os nodos, incluindo Ketu, lançam eclipse sobre o Sol embora o eclipse de Ketu seja no sentido de dar humildade ao ego, que também sofre de fraca autoestima, dado que Ketu efetua um corte entre o self e a consciência imediata do indivíduo. Há também falta de autoestima e de autoconfiança e o nativo é introvertido e passa uma imagem de pouca consistência e indecisão.

Não tendo cabeça, Ketu não pensa, a sua função é lembrar-nos que nada no mundo  material é duradouro. Quando entra em conjunção com o Sol, Ketu interioriza a energia do Sol, contrai-a e , literalmente,  o nativo perde o seu Ego, a sua identidade dissolve-se numa imagem ténue e movediça;  o indivíduo duvida constantemente de si próprio nos primeiros 35 anos de vida. Pode ser uma tarefa árdua viver no mundo com as suas pequenas exigências diárias que parecem gigantescas a esta pessoas, por lhes faltar a energia e a motivação para as fazer.

Apesar dos efeitos assinaláveis da conjunção Sol Ketu na forma como o nativo se perceciona em termos profundos, estes são menos pesados do que os que afligem a pessoa que tem o Sol em conjunção com Rahu.

Os nativos com Ketu em conjunção com o Sol têm uma personalidade desencantada , indiferente, separados emocionalmente (e por vezes fisicamente ) do pai e do significado da paternidade, têm falta de força de vontade e nenhuma capacidade de autoafirmação.

Na análise dos efeitos de ketu a posição por casa é em geral mais importante do que por signo.  Quando considerada a posição por signo, Ketu dá os efeitos do regente do signo em que está colocado, uma vez que assume as características deste. Se houver outros planetas no mesmo signo também dá efeitos de acordo com estes.

Os períodos de Ketu são períodos de libertação kármica e separação de tudo o que é demasiado para a pessoa continuar a viver e implica uma descarga de tudo o que «está a mais» em termos de resíduos kármicos que  se vão criando  em cada vida, sedimentos deixados pelas experiências , apegos, etc., e que, a certa altura, precisam de ser libertados para aliviar a sobrecarga que causam no ser. O papel de Ketu é exatamente o de cortar os últimos laços em relação a tudo o que está a mais.

Quando Ketu está em conjunção com o Sol gera separação em relação ás figuras masculinas, começando com o pai, ou porque existe um abandono ou negligência, por parte do pai, ou porque há um desinteresse do nativo em relação ao pai e às figuras masculinas em geral. Este facto tem por consequência a amplificação dos papeis femininos e também da mãe. Esta separação em relação ao pai pode significar mesmo um corte definitivo com este com total ausência de contacto. No caso dos homens isto gera uma identidade neutra ou ambígua na qual o nativo se sente pouco confortável a desempenhar papeis tipicamente masculinos. Ketu tem a tendência de adotar a personalidade daqueles com os quais o nativo interage e, assim, pode aparecer como alguém que manifesta múltiplas personalidades, ou um variado conjunto de máscaras criadas pelo mimetismo com que personifica a personalidade dos interlocutores.

Um traço comum aos nativos com a conjunção Sol Ketu é que revelam falta de ambição e de orientação precisa da sua vida. Não querem ser líderes nem almejam a fama e a indecisão que os caracteriza pode torná-los presa fácil de todos os parceiros que podem instrumentalizá-los. São em geral pessoas amáveis no trato pois não se alteram nem  se irritam facilmente e são discretos na sua vida , opções e escolhas, não se importando que seja o parceiro a tomar as decisões importantes.

Apesar da apatia dos nativos, isso não significa que não possam desempenhar razoavelmente os seus papeis familiares pois podem ser pai e mãe que cumprem as suas obrigações e responsabilidades quando a Lua e a 4ª casa não sofrem aflições. O pai pode, com esta posição, no entanto, mostrar antagonismo com o nativo  e há em geral a perceção de que o pai «não gosta» ou não se interessa pela vida do nativo. A relação com o pai é fortemente kármica e, apesar dessa separação ou corte com o pai, o nativo não consegue esquecer completamente a má relação com este o que significa que mantém laços emocionais, que podem ser difíceis, com a figura paterna e que estes não se dissolvem completamente havendo mágoa e ressentimento a este respeito.

Ketu em conjunção com o Sol impede o nativo de desejar ou conceber um ego criativo que deseje ir em busca do sucesso e da fama. As faculdades de liderança do Sol ficam totalmente obscurecidas bem como as capacidades artísticas e criativas, o desejo de ocupar o centro das atenções , de brilhar, de ser «o melhor» ou de almejar pela fama  e reconhecimento. O nativo não consegue ter uma perceção clara do seu valor e, por isso, não tem uma postura firme nem ideias claras acerca do seu papel na vida e na sociedade.

Sem encontrar o «centro» das suas próprias convicções (pois pode não ter nenhuma claramente expressa) este nativo pode adotar as crenças de outros e difundi-las sem realmente as compreender ou aderir a elas, tornando-se um instrumento ao sabor de oportunistas. Tem dificuldade também em lidar com pessoas com forte capacidade de afirmação pessoal, que são o oposto de si  próprio.

Porém, quando o Sol é forte na conjunção, pode acontecer que estas pessoas atinjam a fama, seja na vida artística, no cinema ou até na Política.  Mas o apego que mostram em relação ao glamour, celebridade , atenção constante por parte dos outros pode ser limitado. Podem ,no entanto, agarrar-se a valores de altruísmo e usar a sua fama como forma de fazer ações nobres que beneficiam os outros sem pensarem em si mesmos. Podem tornar-se líderes espirituais capazes de canalizar energias que têm o poder de inspirar espiritualmente os outros.

Porém, quando o Sol está fraco, estes nativos podem exprimir posições cínicas em relação aos que procuram a verdade, a justiça, etc.

A conjunção Sol Ketu pode ser vista, a um nível kármico, como uma tentativa de reequilíbrio em relação a um anterior excesso de atenção ao Ego e às ambições deste. Revela que, anteriormente, o nativo centrou a sua vida na procura de fama, reconhecimento, glória pessoal, descurando os aspetos relacionais com outros, a importância dos outros na sua vida e no seu crescimento pessoal. Assim, nesta vida o seu Ego é de algum modo suprimido e desvitalizado. Segundo a tradição, esta conjunção revela igualmente que houve um conflito de grandes proporções com o nativo e é preciso encontrar o equilíbrio nesta área. Se aprender as suas «lições» , a certa altura haverá a recuperação do equilíbrio tanto em relação à figura paterna e às figuras masculinas em geral como em relação ao próprio ego. Esta conjunção é mais difícil de experienciar por nativos do sexo masculino.

O Sol e Ketu são inimigos e, por essa razão, os significados do Sol são ensombrados por Ketu afetando as áreas representadas pela casa do horóscopo onde está a conjunção. Os efeitos do Sol em relação a essa casa podem assim ser cancelados (fama, reconhecimento, prosperidade, vitalidade). Estes nativos têm dificuldade em dar-se com o lado masculino da família (pai, avô, tio, etc.) e estes também não lidam facilmente com o nativo. O resultado pode ser o contínuo desentendimento com as figuras masculinas da família e com todos os membros da família do pai.

A reputação do nativo pode sofrer com a difamação contra ele e contra a sua honorabilidade.  Inimigos e competidores podem conspirar continuamente contra si obrigando a muita luta para conseguir ter algum sucesso. Os seus esforços também podem não ser reconhecidos até à segunda parte da vida, devido ao obscurecimento causado por Ketu ao Sol. Estes efeitos podem ser mitigados se o Sol estiver colocado em signos amigos ou favoráveis como : Leão, Carneiro. Escorpião , Sagitário e Peixes, desde que a conjunção não seja demasiado próxima. Ketu dá excelentes resultados nos signos de Água Escorpião e Peixes pelo que a conjunção do Sol e de Ketu nestes signos pode ter resultados positivos em termos espirituais. A conjunção nos signos Escorpião e Peixes pode mesmo indicar capacidades psíquicas.

Tanto Rahu como Ketu são planetas-sombra e lidam com ilusões. No entanto, ao contrário de Rahu, Ketu também simboliza o ultrapassar ou o desfazer  das ilusões. Deste modo é comum existir alguma ilusão ou perceção errada acerca do pai e figuras paternais ou masculinas. Quando passar o «eclipse» de Ketu sobre o Sol- a partir dos 40 anos- essas ilusões serão aclaradas e desfeitas. Atendendo a que Ketu tem a sua maturação aos 48 anos, é de esperar que, até meados dos 40 prevaleça a sua energia sobre a do Sol. Mas, se este estiver dignificado, (colocado em Leão ou carneiro) terá tanta força como Ketu na conjunção.

Em termos físicos e fisiológicos, a conjunção Sol Ketu pode indicar doenças e problemas nos olhos que afetam a visão. Tende ainda a haver um esqueleto frágil dado a fraturas.

Digiprove sealCopyright secured by Digiprove © 2018

Relacionado

Deixe um comentário, a sua opinião conta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.