Glossário Astrológico- Inconjunção

Glossário Astrológico Inconjunção

No nosso glossário astrológico falamos hoje da Inconjunção. A Inconjunção  também é conhecida como quincôncio, um aspeto astrológico de 150º. A Inconjunção é um aspeto de stress no qual as energias dos planetas em aspeto, separadas por 150 º uma da outra, mantêm uma relação desarmónica entre si. Os planetas envolvidos num quincôncio estão em signos cujo elemento é diferente e também pertencem a uma triplicidade diferente. Por ex., um planeta colocado no signo Carneiro está  num signo cardinal e de elemento Fogo. Se houver outro planeta colocado no signo Virgem,  um signo de elemento Terra e mutável , numa orbe que permita considerar que está em aspeto com o planeta colocado no signo Carneiro,  diremos que formam uma inconjunção ou quincôncio.  A divergência de modalidade e elemento revela dificuldades em harmonizar estas duas energias, que dificilmente cooperam entre si, sendo divergentes. E esta é uma palavra chave em relação a este aspeto, em conjunto com outras como desafiador, precisando de reajustamento, etc.

Tal como acontece com outros aspetos  desafiadores, a inconjunção indica a tendência para isolar  uma da outra as áreas de vida significadas pelos signos/casas que estão envolvidos. A pessoa sente que não é possível harmonizar entre si aquelas áreas. Embora este conflito seja em geral considerado menor do que o que se verifica numa quadratura ou oposição (Astrologia Ocidental), existe a tendência para separar os significados dos planetas nestes signos e casas, um do outro. A conciliação entre essas áreas é muito difícil de realizar.

Assim, veja-se por ex., Vénus em inconjunção com Júpiter. Abstraindo-nos de outros fatores igualmente importantes, como a casa e o signo em que estão colocados e atendendo apenas ao ângulo que os separa de 150º, observamos que a capacidade de procurar a beleza e a harmonia, os acordos e a justiça (associada à legalidade) na formação de alianças , bem como o amor sensual, representado por Vénus, tende a isolar-se da sabedoria e da procura da verdade, da «justiça divina» representada por Júpiter  e dos valores espirituais. A pessoa com esta inconjunção simplesmente não consegue conciliar estes dois aspetos nem integrá-los entre si. Tende a ver cada um deles como estando separados e como tendo a ver com realidades diferentes. Ao fazer isso, perde uma parte dos significados profundos de um e  de outro planeta, sobretudo em relação a Júpiter, que significa a capacidade de englobar a compreensão da realidade numa mesma visão unificadora global. Por outro lado, o amor poderá ser visto, por esta pessoa, como algo exclusivamente sensual ou, quando muito, maternal (Lua) mas terá grande dificuldade em entender o significado de expressões como «o amor divino» pois é a intuição de Júpiter que permite essa compreensão.

Isto pode dar origem também a separar outros aspetos da sua própria vida. Por ex., em relação ao papel do parceiro amoroso, representado, no caso de ser feminino, por Vénus e, no caso de ser masculino, por Júpiter. Haverá dificuldade em entender a verdadeira natureza do parceiro, como se a relação com ele fosse simbolicamente intercetada, e isso pode acontecer num nível não consciente.   A dificuldade em compreender a verdadeira natureza do parceiro ou cônjuge pode assim dificultar a saúde da relação, sendo necessário um grande esforço para integrar a realidade do outro na própria realidade e identidade. O outro arrisca-se a permanecer um estranho a diversos níveis no relacionamento. Escusado será dizer que, a longo prazo, tende a existir a perceção de que o outro é, na verdade, um desconhecido.

Se acrescentarmos os elementos em falta nesta análise, como por ex., se Vénus e Júpiter estão em signos e casas favoráveis, casas dinâmicas ou pouco dinâmicas, poderemos concluir ainda  outros aspetos sobre quão importante ou não será este quincôncio na vida da pessoa.  

Apesar de tudo isto convém não esquecer que nenhum aspeto por si só determina o mapa ou o destino pessoal e que a inconjunção é apenas um fator que pode gerar incómodo e pressão numa área de vida, mas  isso tem a função de trazer algumas lições importantes para a pessoa que as vive.

Digiprove sealCopyright secured by Digiprove © 2018

One Thought to “Glossário Astrológico- Inconjunção”

  1. Paulo

    Se lua em libra e Saturno em touro, ambos estão inconjuntos porém tem O mesmo dispositor (Vênus) – nao há contradição em estabelecer conflito nesse aspecto?

Deixe um comentário, a sua opinião conta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.