A Carta Divisional D-3- Drekkana

divisional D-3 Drekkana

A carta divisional  D-3 divide o horóscopo em 3 partes. Cada parte desta varga tem o nome de drashkamsha.  Existem 36 dreshkamsha. O 1º, 5º e 9º signos a partir de cada signo são os 3 dreshkamsha. Note-se que esta divisão está na base dos decanatos ou drekkana. Nesta divisional  a regência dos decanatos determina-se do seguinte modo, como explicado em outro artigo: os primeiros dez graus de um signo têm regência do regente do signo; a segunda divisão de 10 graus (de 10 a 20) tem regência do regente do signo seguinte com o mesmo elemento ; os últimos dez graus de um signo têm a regência do último signo do mesmo elemento, seguindo a orientação Zodiacal. Assim, os dez primeiros graus do signo Sagitário têm regência de Júpiter, mas o segundo decanato tem regência de Marte, regente de Carneiro, o signo subsequente do mesmo elemento e  o 3º decanato tem regência do Sol, que rege Leão, o último signo , contando a partir de Sagitário, que tem elemento Fogo.

A divisional Drekkana permite analisar mais de perto matérias relacionadas com irmãos e primos, parceiros de grupo de trabalho (pequenos grupos), pessoas do círculo próximo, parceiros e colaboradores em atividades de comunicação, comércio, etc. Também permite avaliar o que o indivíduo pode ganhar ou os resultados/ recompensas  que obterá a partir do uso da mente e da atividade comunicativa face aos competidores de mercado.

Sendo uma divisional, a D-3 deve ser lida em  complemento com a 3ª casa do horóscopo na carta natal e não como uma carta separada. A D-3 ajudará a especificar os resultados prometidos pela D-1 mostrando como será a relação com os irmãos e com os pequenos grupos  com que o nativo trabalhará. Mostrará igualmente  o potencial de coragem para correr riscos e para ser empreendedor, o potencial para conseguir impor-se perante outros cujos projetos e objetivos  competirão consigo pelo sucesso.

Adicionalmente,  o Ascendente, que é o indicador geral do sucesso no horóscopo, bem como da vitalidade e força física para perseverar no mundo e para manter uma motivação forte para o sucesso e a 11ª casa, oposta à 3ª, indicará se o nativo obterá ajuda de um círculo social para gerar influência e adquirir uma imagem positiva perante a sociedade, e se esta o recompensará pelos seus esforços.

Para analisar este potencial, deverão ser tidos em conta os regentes da 3ª e da 11ª casas, o regente do Ascendente, os planetas que ocupam a 3ª e a 11ª casas, os aspetos que estas casas recebem e a sua natureza. Tudo isto deve ser avaliado na D-1 antes de olhar para a D-3.  A análise desta divisional mostra os padrões de relacionamento em pequenos grupos no seu funcionamento colaborativo e também nos seus processos mentais e comunicativos. Deste modo, a D- 3 também ajuda a perceber os padrões tendenciais de pensamento do nativo e  qual a estrutura mental e de pensamento para a qual ele tende.

A análise da 3ª casa na D-3 mostra até que ponto o indivíduo é capaz de produzir pensamento criativo e a qualidade da sua comunicação. Bons planetas colocados nesta divisional  mostram sucesso nesta área e nas atividades associadas com a comunicação, o comércio, as atividades que usam as mãos, com  grupos e equipas de trabalho que favorecem o sucesso dos objetivos. Tanto o indivíduo como os que colaboram consigo sairão beneficiados.  O nativo com planetas fortes benéficos na D-3 contará com equipas de trabalho que trabalharão em sintonia consigo, irmãos cuja influência  e proximidade serão de apoio, pessoas próximas, vizinhos e conhecidos com quem estabelecerá uma relação harmoniosa.

Quando existem planetas maléficos na Drekkana isso é um indicador de relacionamentos difíceis com colaboradores e parceiros de equipa, dificuldade no relacionamento com irmãos, primos, vizinhos, pessoas com as quais o nativo se cruza diariamente. Para que esta situação melhore, o indivíduo precisa de tomar consciência clara dos padrões responsáveis por essas dificuldades de relacionamento.

A D-3  permite avaliar até que ponto os irmãos serão uma ajuda  e um apoio na vida do indivíduo ou se serão fonte de dificuldades e de bloqueios; permite saber até certo ponto se os irmãos serão bem sucedidos. Como explicámos em outro artigo devido ao facto de o  regente do 22º drekkana estar associado com a morte física, a D- 3 é considerada importante para prever a longevidade  O 22º Drekkana  corresponde à 8ª casa na D-3 e o regente dessa casa tem especial relevância para avaliar a longevidade.

Digiprove sealCopyright secured by Digiprove © 2018

Deixe um comentário, a sua opinião conta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.