Conjunção Lua Saturno na 8ª Casa Signo Escorpião

(alt= " ")

Descrevemos neste artigo os efeitos gerais da conjunção Lua Saturno na 8ª casa e no signo Escorpião.

Pode ler um artigo sobre a colocação da Lua na 8ª casa aqui e no signo Escorpião aqui.

Pode Ler um artigo sobre a colocação de Saturno na 8ª casa aqui e no signo Escorpião aqui.

A conjunção entre a Lua e Saturno na 8ª casa e no signo Escorpião é particularmente difícil; por um lado, a Lua está debilitada no signo Escorpião e, por outro lado, os problemas tendem a persistir quando a conjunção se dá na 8ª casa porque Saturno resiste tenazmente a toda a mudança, impedindo os processos de cura e podendo causar bastante sofrimento, tanto no plano físico, quando o corpo adoece, como psiquicamente, mantendo-se  o estado de pressão e sofrimento sem alívio.

Todos os tipos de mudança e renovação na identidade pessoal são, deste modo, reprimidos pois a pessoa tem medo de enfrentar crises e de passar por tumultos, adotando uma atitude de rigidez,,  que rejeita tudo o que é novo porque «pode ser arriscado». O medo do desconhecido pode deste modo, levar os nativos com esta conjunção a sofrer continuamente para não terem de correr o risco de sofrer mais ainda. Mas, como é típico da 8ª casa, o nativo depara-se com muitas situações de acidentes e circunstâncias traumáticas  que não consegue evitar mas, mesmo assim, continua a resistir a todos os tipos de mudança que puder evitar.

A personalidade com a conjunção Lua Saturno na 8ª casa pode ser muito ansiosa, receando a cada momento que algo de inesperado altere a ordem conhecida das coisas e retire todo o apoio de familiaridade em relação aos eventos que vão surgindo. Os segredos são também uma constante: segredos do próprio nativo, que gosta de manter reserva sobre a sua vida e, muito particularmente, sobre dinheiro e os seus bens pessoais; segredos relacionados com o cônjuge e a família deste. Quando Saturno tem dominância na conjunção, pode haver responsabilidades pesadas em relação aos familiares do cônjuge. Estes manifestam, em geral bastante desprezo pelo nativo mas, ainda assim, a energia de Saturno obriga-o a prestar assistência a essas pessoas, por razões kármicas.

Há também um medo irracional nas pessoas com esta conjunção na 8ª casa, de serem punidas e castigadas se não assumirem os deveres exigidos ou não cumprirem as regras convencionadas, em termos legais. Mas podem ser obrigadas a viver em contextos e  situações que mudam constantemente, embora persistam em respeitar as regras conhecidas e resistam a mudar. Estes medos fazem com que fiquem num emprego que não lhes dá qualquer sentimento de realização pessoal e é muitas vezes mal pago; faz com que se mantenham num casamento que produz grande sofrimento emocional pelo medo de mudar. Em suma, repetem continuamente as experiências e padrões do passado, que lhes causam sofrimento, porque preferem sofrer numa realidade que já conhecem a ter de se arriscar a mudar e viver numa realidade diferente potencialmente pior. Este é um padrão muito difícil, a nível psíquico, pois mostra estes nativos totalmente fixados em situações e compulsões que vêm do passado sem conseguirem libertar-se. O resultado é grande sofrimento emocional e o sentimento contínuo de estarem presos numa armadilha da qual não é possível sairem , com a consequente falta de esperança, depressão e sofrimento emocional que rouba toda a alegria de viver. Estas pessoas são prisioneiras dos seus próprios medos e, enquanto não os enfrentarem decisivamente, para se libertarem dos padrões energéticos que eles envolvem, a sua vida é uma sucessão de misérias umas atrás das outras. Na verdade, estão presas aos sentimentos de culpa do passado, ou ao remorso profundamente arraigado e, por isso, rejeitam assumir responsabilidade por si mesmas e agir de forma livre, perdoando-se a si mesmas e aos outros. E, devido a isso, é o mundo exterior, através da ação dos outros e do meio em que vivem, que se encarrega de criar situações de trauma e choque, que se vão sucedendo até que a pessoa perceba que essa situação só mudará quando aceitar ser responsável por si mesma, ao invés de se acomodar ao seu próprio sofrimento como se este fosse inalterável. Uma das provas que Saturno pode repetidamente colocar defronte do nativo são as dificuldades financeiras. Mas Saturno não impede os ganhos embora, em geral, os atrase, permitindo que estes se vão acumulando em pequenas quantidades ao longo da vida.

Estas pessoas podem ter como obrigação kármica gerir o dinheiro dos outros, muitas vezes «dinheiro oculto» (em relação ao fisco e aos impostos ou obtido de forma ilegal). Podem, dessa forma, obter muto dinheiro para outros sem poderem revelar a origem ou natureza pouco legal do mesmo. Podem ganhar muito pouco para si mesmas, ao mesmo tempo que ganham muito para os outros.

A presença de Saturno na 8ª casa pode ajudar a longevidade embora a pessoa possa ser atormentada por doenças crónicas e mal estar físico e psíquico. Já a Lua, por seu lado, tende a diminuir a longevidade quando colocada nesta casa.  A instabilidade mental é uma constante, ao longo da vida, numa sucessão de crises e obstáculos. Ao longo da vida, estes nativos podem ter sofrido situações de abuso, abandono familiar, rejeição afetiva.

A conjunção Lua Saturno na 8ª casa revela um padrão de forte apego ao passado e a todos os padrões compulsivos que este implica na psique: sentimentos de culpa, ressentimento, falta de esperança, incapacidade de perdoar, etc. Este padrão passado é tão forte que, quando Saturno tem o controlo da conjunção, a pessoa não consegue mudar, presa das suas dúvidas e medos. Se a Lua tiver o controlo da conjunção , no entanto, por ex., por estar num grau inferior ao de Saturno, a mudança torna-se mais fácil pois a Lua na 8ª casa anseia por se renovar e transformar.

Quando a conjunção Lua Saturno se dá no signo Escorpião mas numa outra casa, especialmente numa casa kendra, Saturno continua a resistir à mudança e a exprimir muitos medos mas, em geral, torna-se mais fácil a mudança porque, quando está no signo Escorpião, Saturno faz com que o nativo enfrente de forma inesperada alguns desses medos. A Lua em Escorpião, por sua vez, aceita internamente a mudança como sendo necessária, no plano profundo. Mas é preciso ver qual dos dois, a Lua ou Saturno, tem o controlo da conjunção. Isto porque esta conjunção no signo Escorpião expõe a pessoa a ambientes e pessoas extremamente controladoras e manipuladoras e a personalidade dominada por Saturno neste signo é muito desconfiada, senão mesmo paranoica, não sendo capaz de se adaptar   às mudanças necessárias para corrigir a sua desadequação.

Saturno em Escorpião envenena-se a si mesmo psiquicamente, acreditando que não pode mudar nada na sua vida pela própria vontade ou liberdade, acreditando que qualquer mudança põe em risco a sua existência, resistindo por isso a toda a mudança por mais promessas de «melhoria» que isso prometa. Deste modo, os nativos não aceitam remédios nem  processos de cura, por mais milagrosos que lhes digam que estes são, preferindo fazer as coisas de forma convencional. Acreditam instintivamente que, se mudarem  serão aniquilados. Estas pessoas petrificam-se neste medo de mudar até Saturno fazer um ou dois retornos à sua posição natal, altura em que começam gradualmente a ser mais flexíveis e adaptáveis.

Se a Lua tem o controlo da conjunção, a mudança é assumida com mais facilidade , na vida adulta, mas há instabilidade ao nível do humor e grande secretismo, pois a personalidade tende a manter segredos: dinheiro em segredo, relacionamentos secretos, coisas escondidas, etc. Mas há um conflito aberto entre a tendência da Lua em  Escorpião para procurar conhecimento oculto e místico e a rejeição frontal de Saturno por esse tipo de perceção da realidade, bem como o medo que lhe associa. Deste modo a personalidade destas pessoas pode ser bastante complexa e muitas vezes paradoxal. Estas pessoas sofrem muitas vezes abuso durante a infância, frequentemente perpetrado pelos pais e isso pode causar grande ansiedade por temerem não conseguir controlar ou parar todas as tentativas de outros e de forças desconhecidas para lhes causarem algum tipo de dano. Se Marte e Ketu, regentes de Escorpião estiverem fracos e mal colocados no horóscopo, a energia de Saturno pode tornar-se sombria e a pessoa pode ser levada a usar forças escuras de forma secreta e escondia.

A posição da conjunção Lua Saturno no signo Escorpião pode tornar o indivíduo bastante egoísta e dissimulado, agindo com motivações escondidas. Os períodos Sade Satti podem ser bastante difíceis de experienciar, acelerando o pagamento kármico e obrigando a pessoa a mudar, apesar  dos medos e resistências.

Também Poderá Gostar de Ler