Interpretar o Chara Dasa Segundo Narasimha Rao

(alt=" ")

No artigo de hoje explicamos como interpretar o Chara Dasa segundo o método proposto por Narasimha Rao.

Rao é um eminente astrólogo e investigador da astrologia Jyotish. Neste artigo mostramos passo a passo os procedimentos para interpretar o Chara Dasa segundo a sua abordagem, que explicamos melhor em outro artigo e que usa as cartas divisionais como apoio.

Depois de encontrar o período dasa ativo, escolher a carta divisional associada com o assunto que se está a analisar: D-9 para o casamento, D-10 para a carreira e profissão, D-7 para o nascimento de filhos, etc.

O período Chara Dasa  de um signo dá  resultados de acordo com a casa ocupada pelo signo e pelos planetas que se encontram aí colocados (tendo em conta as suas funções como chara karakas). Também pode dar resultados de acordo com a casa ocupada pelo planeta regente do signo do Dasa.

Quando não há planetas colocados no signo do dasa mas o seu regente está bem colocado na casa relacionada com  a matéria em análise também dá bons resultados. Segundo N. Rao, a carta a ser analisada é a divisional relacionada com o assunto em questão e não a rashi.

Este autor desenvolveu um método , baseado num diferente ayamansa, de que falamos em outro artigo, o Pushya – Paksha  ayanamsa , para calcular de forma que  o autor considera mais correta, as cartas divisionais e, segundo diz, a sua experiência comprova a fiabilidade destes procedimentos.

Assim, segundo o exemplo dado pelo autor: se desejo saber quando poderá ocorrer o nascimento de um filho, uso a carta divisional D-7. Ora, como sabemos, a casa do horóscopo que simboliza os filhos é a 5ª.

Assim,  quando o signo que ocupa essa casa está ativo no Chara Dasa, pode nascer um filho; em alternativa, quando o signo onde se encontra colocado o regente da 5ª casa da D- 7 está ativo, pode indicar o nascimento de um filho.

Ou ainda, quando o regente de um signo que não contém planetas colocados, está colocado na 5ª casa dessa divisional, também pode ocorrer um nascimento, desde que o planeta em causa estejam forte na 5ª casa.

Quando, numa carta divisional qualquer, está ativo o período dasa do Ascendente, conforme a casa que este ocupa nessa divisional, são de esperar eventos importantes e felizes relacionados com os significados dessa casa.

Na análise dos efeitos dos períodos Chara Dasa, é necessário  também ter em conta a idade da pessoa quando o Dasa estará ativo.

Por exemplo, não é razoável esperar que, na consulta sobre nascimento de filhos,  quando o período Dasa que significaria esse nascimento, ocorre aos 55 anos, seja de considerar essa possibilidade , se a pessoa em consulta for mulher (embora não seja impossível um evento desses ocorrer para uma mulher, é excecional e, diríamos, desaconselhável porque fora de linha com os ritmos biológicos e psicológicos).

O mesmo princípio pode aplicar-se à carreira: se o período Dasa de sucesso na carreira acontecer aos 70 anos, não é  um fator a considerar porque se espera que , nessa idade, a pessoa tenha sido libertada da obrigação de trabalhar e esteja reformada. E por aí afora.

Outro elemento a considerar é analisar o trânsito dos planetas que são relevantes para a análise do período Dasa (o regente da casa de interesse para a análise, o  regente  dessa casa  na divisional e o regente do Ascendente dessa divisional ) ver, como dizíamos, por onde transitam no início do período Dasa, na carta natal e na carta divisional. A sua colocação favorável pode indicar bons resultados.

Segundo este autor, o uso das cartas divisionais para calcular os períodos Chara dasa é eficaz e não foi negado por Parasara e justifica-se pelo facto de permitir afinar os pormenores individuais na medida em que, quando se usa apenas a carta natal para encontrar estes períodos, há uma incongruência: um grande número de pessoas tem   a mesma carta natal mas as suas vidas são bastante diferentes e é, na sua opinião, o uso das cartas divisionais que permite estabelecer essas diferenças.

Rao usa igualmente a Lua e o sol como Ascendentes, quando um destes é mais forte do que o Ascendente natal, de acordo com os ensinamentos de Parasara. Além do mais, o autor afirma que se obtêm muitas vezes melhores resultados quando se usa o Sol ou a Lua como Ascendentes.  Explicamos todo o método de cálculo dos períodos chara  dasa  no artigo que pode ler aqui.

Também Poderá Gostar de Ler