Conjunção Lua Júpiter na 1ª Casa Signo Carneiro

(alt=" ")

Descrevemos neste artigo os efeitos gerais da conjunção Lua Júpiter na 1ª casa e no signo Carneiro.

Pode ler um artigo sobre a colocação da lua na primeira casa aqui e no signo Carneiro aqui.

Pode ler um artigo sobre a colocação de Júpiter na primeira casa aqui e no signo Carneiro aqui.

A colocação da conjunção Lua Júpiter na primeira casa, uma casa trikona /kendra forma, por si só um yoga Gaka Kesari, extremamente protetor de todo o horóscopo. Deste modo, assegura sorte, sucesso, riqueza (de acordo com os outros indicadores do horóscopo, se não houver aflições de planetas maléficos para a conjunção.).

Estas pessoas têm uma personalidade amável e generosa, equilibrada e sensata. Gostam de estar em ambiente familiar e gostam de crianças. Júpiter tem aqui força direcional e, por isso, é muito forte, ajudando a fertilidade pelo que, em geral, estas pessoas têm filhos.

Têm igualmente também uma excelente instrução, podendo alcançar fama e riqueza, se a Lua e Júpiter tiverem a regência de boas casas e não sofrerem aflições. Se os planetas estiverem fortes e com disposição benéfica, podem ocupar altos cargos na área académica, política, ou outra que confira capacidade de influência sobre as massas.

Quando a Lua tem o grau inferior na conjunção,  torna-se mais evidente  a escolha por cargos de influência política ou administrativa , em especial a nível local. Estas pessoas são altamente arraigadas aos costumes e tradições locais, sendo protetoras e defensivas do património da comunidade.

São patriotas e sentem necessidade de defender a sua comunidade e país. Podem ter cargos de conselheiros políticos ou cargos estratégicos associados ao poder.

Têm também um cuidado muito forte com a sua imagem pública, tanto a nível físico como em termos de reputação. São fortemente identificadas com o corpo físico e as suas necessidades (e podem ter bastante que fazer, para manter a forma pois Júpiter tende a «expandir»  o corpo, aumentando-o para além do aceitável.).

Esta situação torna-se  ainda mais evidente porque a Lua na 1ª casa dá tendência para acumular água no corpo.

Possuem fortes princípios, em geral alinhados com a tradição mas podem ter a flexibilidade mental de questionar as tradições que não contribuem positivamente para melhorar as condições de vida da comunidade e  são capazes de as alterar.

Assentam as sua bases na família, que protegem a todo o custo e têm necessidade de se sentirem protegidas. Quando exercem cargos públicos, encaram a comunidade como uma família alargada e estendem até esta o seu impulso de proteção.

Precisam de rotinas familiares e gostam de rituais de família . que mantêm o seu sentimento interno de segurança. A educação, em termos familiares ou sociais, é um tema muito importante para estas pessoas.

Quando Júpiter tem o controlo da conjunção, os aspetos afáveis da personalidade são reforçados. A tendência para engordar  também é evidente. Estas pessoas tendem a comer como forma de compensação psicológica, podendo comer demais e engordar em consequência disso pelo que o exercício físico e o controlo do peso devem ser uma constante ao longo da vida.

Como referimos, Júpiter reforça a fertilidade (a menos que receba aspetos de maléficos) e torna o nativo muito protetor e próximo dos filhos ao longo de toda a vida.

A personalidade é capaz de se ajustar a ambientes diferentes (mais do que o que sucede quando a Lua tem o controlo da conjunção)  e os nativos tendem a privilegiar o uso da voz (seja para cantar, para declamar, para falar em línguas diferentes, etc.).

Júpiter torna a personalidade entusiasta e otimista, com um gosto inato por aprender, inclinada para o estudo da espiritualidade ou para a experiência religiosa. O temperamento dos nativos  é tolerante e generoso, gostando de fazer boas ações que ajudem outros e sendo capaz de perdoar as ofensas, por injustas que sejam, pois não guardam rancor.

Quando algo desagradável acontece, procuram ver sempre o lado positivo, não deixando que a adversidade os tombe ou desmotive.

Cultivam valores elevados e, quando dão a sua palavra, esta é sempre respeitada. São defensores dos direitos humanos e podem usar a sua capacidade de influência, através do discurso falado ou escrito, para defenderem esses direitos na sociedade. Devido às sua qualidades morais, estes nativos são em geral estimados pelos outros e a sua voz é ouvida, pois as pessoas reconhecem a sua  sabedoria e ausência de interesses egoístas.

Quando a conjunção se dá no signo Carneiro, os nativos são extremamente criativos e podem ser igualmente muito inovadores, quando se dedicam a profissões ligadas à tecnologia e à ciência, ao ensino, etc.

São também capazes de trabalhar continuamente, sendo motivados para estudar continuamente, de modo a alcançar um elevado nível de conhecimento na área a que se dedicam. São firmes e muito seguros de si e, se a Lua tiver o grau inferior na conjunção, são extremamente competitivos.

Se Júpiter tem o grau inferior da conjunção, o lado competitivo pode ser atenuado mas, ainda assim, estas pessoas focam-se em si mesmas e na necessidade de se auto conhecerem de forma profunda.

Isso não significa que deixem de se importar com os outros mas trabalham para os outros   a partir da necessidade de se conhecerem a si próprios. Escolhem com frequência, por isso, uma área de aprofundamento do conhecimento sobre o ser humano, considerando que este é o grande mistério a desvelar por todos os tipos de conhecimento.

A conjunção Lua Júpiter dará excelentes resultados na vida profissional se ocorrer em casas  kendra e dará resultados menos evidentes quando ocorre em casa dusthana.

Quando a conjunção se dá no signo Carneiro e numa boa casa, torna estes nativos pioneiros na sua área de atuação. Se a Lua tiver o controlo da conjunção, a vida pessoal pode passar por alguns revezes devido à dificuldade de estas pessoas serem capazes de ver e de se interessar pelo que diz respeito aos outros.

Assim, sentem, frequentemente, problemas na área do casamento pois são excessivamente independentes  e estão principalmente interessados em si mesmos respondendo com agressividade se contrariados.

Mesmo quando é Júpiter que controla a conjunção, o indivíduo tende a centrar em si mesmo toda a sua atividade. A energia de Carneiro modifica a bonomia habitual de Júpiter tornando o nativo também competitivo e muito seguro de tudo o que diz e pensa.

Isto torna difícil, por ex., admitir que está enganado e leva a desenvolver um «sentimento de certeza» que se impõe a toda a dúvida levantada por outros.  Assim desvaloriza todas as opiniões não coincidentes com a sua. Prevalece deste modo a atitude de «eu é que sei».

No entanto, estes nativos podem ser de facto brilhantes numa dada área de investigação. E, embora esse estudo seja feito com a intenção de se beneficiarem a si mesmos, os outros, ao ouvi-los, são igualmente beneficiados , exatamente porque estas pessoas nascem com o dom inato da sabedoria e ajudam por isso os outros com a sua reflexão e discurso.

Se não sofrer aflições e cair em casa boas, a conjunção Lua Júpiter no signo Carneiro pode dar resultados muito positivos.

Tais resultados são potencialmente reduzidos quando a Lua ou Júpiter estão fracos no horóscopo ou têm estatuto maléfico funcional (em relação à Lua é discutido se esta pode ser funcionalmente maléfica quando rege uma casa dusthana, mas muitos astrólogos comprovaram por experiência que assim é.)

Também Poderá Gostar de Ler

Leave a Comment