Conjunção Lua Júpiter na 11ª Casa Signo Aquário

homens discutindo negócios sentados à secretária

Descrevemos neste artigo os efeitos gerais da conjunção Lua Júpiter na 11ª casa e no signo Aquário.

Pode ler um artigo sobre a colocação da lua na décima primeira  casa aqui e no signo Aquário aqui.

Pode ler um artigo sobre a colocação de Júpiter na  décima primeira  casa aqui e no signo Aquário  aqui.

A conjunção Lua Júpiter na 11ª casa é mais favorável do que no signo Aquário, devido à relação de inimizade entre Saturno e a Lua e ao caráter restritivo de Saturno em relação à expansividade natural de Júpiter.

Assim, a conjunção na 11ª casa permite, desde que não haja aflições no horóscopo, expandir e multiplicar as fontes de rendimento e tirar muito partido de todas as conexões sociais, redes sociais e amigos do nativo. Níveis substanciais de riqueza são possíveis de alcançar.

A criatividade e inteligência são igualmente favorecidas e o mesmo sucede com as crianças e os filhos. Estes nativos atraem parceiros de casamento e de negócios com excelentes qualidades de caráter e também com dinheiro para aplicar.

Se a Lua tem o controlo da conjunção, os nativos sentem a necessidade de se «ligar em rede» com muitas pessoas e adoram ter milhares de amigos nas redes sociais.

Gostam igualmente de trabalhar em instituições sociais grandes, a partir das quais desenvolvem influência social.  Podem ter sucesso  a trabalhar na área financeira.

Estas pessoas transformam a sua vida particular em vida social, publicando e escrevendo tudo o que se passa na «sua vida», partilhando cada momento, cada alegria e tristeza com o mundo (benditas redes sociais que facilitaram imenso a vida a estes nativos, tornando isto possível à distância de um «clique»).

Estas pessoas precisam de estar sempre ligadas a algum grupo de dimensão alargada, pois não conseguem viver a sua vida «no limbo» da privacidade de que ninguém fala nem conhece.

Na verdade,  sentem que existem apenas quando lançam ao mundo a sua imagem e se ligam ás massas do «público». Podem preferir, muitas vezes, «conversar» numa rede social do que estar em privado com um pequeno grupo de amigos.

Quando é Júpiter a ter o controlo da conjunção, o nativo alcança rapidamente posições de importância na carreira e é muito bem pago. Gosta de se dar com pessoas de elevada instrução, o que vulgarmente se chama «pessoas cultas» e reconhecidas pela sua importância social e pelo saber.

Se a Lua e Júpiter estiverem bem colocados por signo e se não receberem aspetos de planetas maléficos, estas pessoas realizam as suas ambições e desejos e alcançam projeção social (de acordo com o que é permitido pela globalidade do horóscopo).

Quando a conjunção Lua Júpiter se dá no signo Aquário, para analisar os seus efeitos há que ter em conta as casas que ambos regem e a posição de Saturno, seu dispositor, bem como a casa em que cai esta conjunção.

Atendendo a que a simples colocação da Lua no signo Aquário é algo problemática, será necessário que a conjunção não se dê numa casa dusthana e que Júpiter seja benéfico para o Ascendente que se está a analisar (o que se sabe vendo o estatuto funcional de Júpiter para esse Ascendente).

A colocação desta conjunção no signo Aquário numa casa dusthana, em especial quando a Lua tem o grau inferior na conjunção, pode indicar elevados níveis de stress emocional ao longo da vida, traições dos que são próximos do nativo (em especial do cônjuge), incapacidade ou impotência de agir perante situações de injustiça ou crime de que tenham conhecimento, mudanças inesperadas que obrigam a mudar a perceção da identidade. etc.

A melhor forma de viver esta conjunção,  quando a Lua tem o seu controlo, é dedicar-se a causas humanitárias, trabalhando com as forças   políticas e sociais de proteção ou instituições não governamentais de defesa dos direitos pois isso permitirá alcançar a serenidade interior e o sentimento de segurança emocional de que precisam.

A situação é potencialmente menos desafiadora quando Júpiter tem o controlo da conjunção.

Antes de mais porque permite ganhar bastante, financeiramente. Depois, porque torna os nativos generosos e inclinados para ajudar a sociedade , motivando-os para procurar mais justiça social na redistribuição da riqueza.

Esta conjunção inclina os nativos para ajudar a desenvolver novas formas de conexão social , usando a tecnologia a favor das massas,  a ciência, a política ou a educação para construir projetos que ajudem a sociedade no seu todo a «progredir».

Quando Júpiter tem  o controlo da conjunção, a pessoa tem uma estrutura emocional menos problemática e mais otimista, tendo também menos foco na vida familiar:  esta é uma pessoa de causas, alimentando-se mais da relação com as «massas» do que com o cônjuge e a família próxima. Quando a família e o cônjuge não partilham o mesmo  interesse pela «vida pública» o casamento pode sofrer.

Também Poderá Gostar de Ler

Leave a Comment