Prashna Marga- Resultados dos Planetas

esfera com planta a crescer no interior

Neste artigo descrevemos os resultados dos planetas de acordo com a obra Prashna Marga. Para isso precisamos de saber os significados dos planetas como karakas ou significadores gerais.

Já falámos deles em outros artigos mas esta é a versão do autor de Prashna Marga tendo em conta a astrologia horária.

Planetas Karaka

Sol- Karaka do pai e da influência espiritual.

Lua- Karaka da mãe e da mente.

Marte- Karaka dos irmãos, da coragem, da propriedade de terras.

Mercúrio- Karaka do discurso e do conhecimento.

Júpiter- Karaka da inteligência, das crianças, da saúde do corpo.

Vénus- Karaka dos veículos, da esposa, dos prazeres sensuais.

Saturno- Karaka da morte, da tristeza, da doença, dos servos  e seguidores.

Quando os karakas são fortes, os significados que representam serão visíveis. Quando são fracos- exceto em relação a Saturno– o que os planetas significam não será visível na vida do nativo.

No que se refere a Saturno, quando este é forte, as misérias e problemas que este significa são reduzidas; quando é fraco, pelo contrário, todos os problemas e significados negativos aumentam.

Evidentemente, além destes significados como karakas, os planetas também significam todos os outros aspetos como regentes das casas e outros referidos nos textos clássicos.

O autor da obra refere ainda que,  segundo Varahamihra, os regentes da 9ª e de  outras casas favoráveis , mesmo quando são maléficos, favorecem sempre as casas que regem.

Os planetas benéficos, quando são fortes, dão totalmente bons resultados. Mas os planetas maléficos, se estiverem fracos, dão totalmente resultados negativos.

O autor exemplifica afirmando que, se houver um planeta fraco na 5ª casa, haverá perda de filhos. Se estiver ocupada por um planeta benéfico forte- desde que não seja regente da 6ª, 8ª ou 12ª- haverá filhos.

Quando um planeta é capaz de dar tanto bons como maus resultados – o autor não faz referência ao facto de tal planeta ser maléfico ou benéfico natural, pelo que isto poderá significar um planeta que está dignificado (próprio signo ou no signo de exaltação) ou adquire um estatuto funcional benéfico para um certo Ascendente- se for forte, dá apenas bons resultados; mas, se for fraco, produz apenas maus resultados.

Um planeta favorável pode produzir  bons resultados segundo três graus: completo; moderado; fraco. Dá resultados totais quando, na navamsa, está em vargottama; moderados quando está no próprio signo ou em signo amigo; fraco quando está em signo inimigo.(o autor omite aqui a dignidade «exaltação»).

Do mesmo modo, um planeta desfavorável também pode dar resultados segundo 3 graus de intensidade: totais, moderados ou fracos, de acordo com a sua posição na navamsa: totais quando está em signo inimigo; moderados quando está em signo amigo e fracos quando está em vargottama.

O Dr Raman ajuda a quantificar estes resultados: os resultados moderados significam metade ,tanto para os benéficos como para os maléficos. Para «fraco» leia-se uma parte mínima.

Quando o regente de uma casa e o karaka da mesma estão fortes e bem colocados, os resultados da casa serão  totalmente experienciados de modo positivo.

Mas, quando o regente de uma casa  e o seu karaka estão fracos e colocados na 6ª, 8ª ou 12ª casas, os efeitos das casas que regem serão negativos. As casas, para este efeito, devem contar-se a partir do Ascendente.

Quando o regente de uma casa e o karaka da mesma são fortes mas estão colocados numa casa desfavorável, as indicações da casa serão visíveis mas o nativo não poderá usufruir delas.

Quando o regente da casa e o seu karaka são fracos mas estão colocados em boas casas, embora os efeitos possam não ser muitos, serão experienciados pelo nativo.

Por «forte» entende o autor estar exaltado, no próprio signo, em signo amigo. (aqui ´esclarecido o significado da dignidade exaltação, omitido antes).

Por «posição desfavorável» entende-se a colocação na 6ª, 8ª e 12ª casas.

Por «fraco» entende-se debilitado e colocado em signo inimigo.

Por posições favoráveis entende-se estar colocado em casa kendra, casas trinas e a 11ª casa..

Uma casa é forte quando o seu regente e o seu karaka são fortes. Se a casa é forte os seus significados vêm à existência. Mas, se a casa é fraca, os seus significados ficam extintos.  Isto leva o Dr Raman a afirmar que a força de uma casa dá-lhe o caráter de existência, enquanto a posição do seu regente e karaka mostram a sua influência na vida do nativo.

Quando um – entre o regente e o karaka da casa- é forte e o outro é fraco, a influência dessa casa na vida do nativo será mista.

Além do que já referimos, há ainda a considerar que, quando o regente de uma casa está colocado numa casa favorável a partir da casa que rege, os efeitos da casa serão totalmente experienciados.

Quando o regente de uma casa está colocado numa casa favorável a partir do Ascendente, os efeitos serão «bem» experienciados (mas menos do que no caso anterior), segundo alguns, diz o autor de Prashna Marga (estará a falar do sistema de Jaimini).

Se o regente de uma casa estiver colocado numa casa desfavorável a partir da casa que rege, os efeitos da casa serão «distorcidos». Se estiver colocado numa casa desfavorável a partir do Ascendente, segundo alguns, os efeitos da casa não serão completamente experienciados.

Quando as casas têm alguma relação com o regente do Ascendente ou o Ascendente- aspeto, associação, serem kendras em relação à posição do regente do Ascendente- darão certamente bons resultados.

Planetas benéficos colocados na 3ª, 6ª, 8ª ou 12ª casas tornam-se desfavoráveis. Planetas maléficos na 3ª, 6ª ou 11ª casas tornam-se favoráveis.

O Ascendente é a casa mais importante. A 5ª e a 9ª casas são também importantes. É nestas casas que os planetas benéficos dão os melhores resultados; é nestas casas que os maléficos produzem o maior mal.

Planetas benéficos fortalecem a casa em que se encontram; planetas maléficos destroem os significados da casa onde se encontram. Planetas maléficos colocados na 6ª casa permitem que a casa floresça. Mas um planeta maléfico aqui colocado não é desejável para a saúde.

Por ex., planetas benéficos colocados na 6ª casa destroem os inimigos e reduzem as despesas e dívidas.  Mas os maléficos são prejudiciais porque aumentam os significados da 6ª casa.

Os planetas- tanto benéficos como maléficos- só produzem mal quando estão colocados na 8ª e na 12ªcasas (mas tenha-se  em conta o parágrafo anterior sobre a 6ª casa).

O autor termina este capítulo afirmando que os efeitos descritos devem ser usados para descrever os períodos dasa dos planetas. Na consulta prashna, as referências às casas dusthana- 6ª, 8ª, 12ª- deverão ser eliminadas.

Também Poderá Gostar de Ler

Leave a Comment