Prashna Marga- Nascimento de Filhos

bebé no berço

Neste artigo falamos dos elementos da carta prashna  que permitem fazer previsões sobre o nascimento de filhos.

O autor de Prashna Marga refere que todas as perguntas sobre o nascimento de filhos  deverão ser postas num momento auspicioso. isto significa escolher um momento em que o Ascendente e os planetas estão colocados de forma mais auspiciosa.

E a fórmula para a questão dos filhos é: «Terá este homem de nome ………e nascido no Nakshatra de ……. Um filho desta mulher de nome ……. E nascida no Nakshatra de……?».

Na carta prashna levantada, o Ascendente representa o homem e todas as matérias referentes a este e o Arudha lagna representa a mulher e os assuntos com esta relacionada. Chama-se a esta cara Prashna Sangraha.

Se o regente do Arudha lagna e o regente da 9ª casa a partir do Arudha lagna estiverem combustos há alguma coisa errada com o útero da mulher e, para ter filhos, o homem deverá casar novamente.

Se o regente do Ascendente e o regente da 5ª casa a partir deste estiverem ambos combustos, é  o homem o «culpado» por não terem filhos.

É claro que, acrescentamos, antes de irem a correr divorciar-se, deveriam, nos tempos atuais, procurar uma consulta de fertilidade e fazerem os exames necessários para se averiguar a possibilidade de correção do problema, seja este do homem ou da mulher.

  • A carta prashna não indicará o nascimento de filhos nas seguintes configurações: Quando a Lua está colocada numa casa upachaya a partir da Lua e Anupachaya[1] a partir do Ascendente ;
  • Quando o Arudha é um signo feminino enquanto o Ascendente é um signo feminino;
  • Quando o Agni -butha (um dos elementos usados pela medicina Ayurvédica para analisar a saúde) está colocado no Ascendente;
  • Quando estes três elementos são governados por um Nakshatra onde Júpiter está colocado.

Combinações que Dão ou  Dificultam ter Filhos

Quando Júpiter, os regentes do Ascendente, da 5ª e da 7ª casas são todos fracos , o querente não terá filhos.

Quando há planetas maléficos colocados na 5ª casa e o regente da 5ª casa está «cercado» por maléficos (colocado num signo em que o signo anterior e o posterior contém um maléfico ) e não recebe o aspeto de nenhum planeta benéfico, não haverá filhos.

O mesmo acontece se o regente da 5ª casa estiver debilitado segundo outra versão do yoga.

Quando há planetas maléficos colocados na 5ª casa a partir do Ascendente e a Lua e Júpiter estão fracos ou aflitos e sem receber o aspeto de planetas benéficos,  forma-se um Anapatya yoga, que nega o nascimento de filhos.

Se um signo com regência de Mercúrio ou Saturno ocupa a 5ª casa e está associado com o Gulika ou Saturno, a pessoa terá de adotar, não tendo filhos biológicos.

Se houver um planeta benéfico forte colocado na 5ª casa mas sem receber o aspeto do regente da 5ª casa, a pessoa terá de adotar, se quiser ter filhos.

Se a 5ª casa contiver os signos Peixes ou Capricórnio e Júpiter estiver colocado na 5ª casa , haverá perda de filhos rapazes. Se Caranguejo ocupar a 5ª casa e Júpiter estiver aí colocado, haverá nascimento de várias raparigas.

O Dr Raman comenta, a propósito destes yogas, que devem ser vistos em conjunto com outros aspetos e configurações na 5ª casa e não apenas isoladamente.

Quando o regente da 5ª casa está colocado debilitado na 8ª casa , em signo inimigo e sem receber o aspeto de benéficos, ao mesmo tempo que o regente da 8ª casa está colocado na 5ª , haverá perda de filhos.

Quando Júpiter está cercado por maléficos (colocado entre dois planetas maléficos) e o regente da 5ª casa está fraco e não recebe o aspeto de nenhum planeta benéfico, haverá perda de filhos.

Deste modo, a aflição do regente da 5ª casa e de Júpiter são indicadores de perda de filhos. O mesmo acontece, lembra o Dr Raman, quando a 5ª casa está cercada por planetas maléficos (na 4ª e na 6ª) e não recebe o aspeto de planetas benéficos, ao mesmo tempo que o regente da 5ª casa está aflito.

Haverá perda de filhos também quando : o regente da 5ª casa está debilitado, em signo inimigo ou combusto. Ou quando o regente da 5ª casa está associado com o regente da 6ª, 8ª ou 12ª casas; ou quando o regente da 5ª casa está colocado na 5ª casa sem receber o aspeto de planetas benéficos.

O nativo terá filhos quando: o regente da 5ª casa é forte  e está associado com o regente do Ascendente ou recebe o aspeto deste e quando a 5ª casa está livre de aflições.

Quando a 5ª casa está ocupada pelos signos  Carneiro, Leão, Escorpião ou Peixes, Marte está colocado na 5ª casa e esta recebe o aspeto de Júpiter, haverá filhos.

Quando a 5ª casa está cercada por planetas benéficos e recebe o aspeto de planetas benéficos ou estes estão em conjunção ou em aspeto com o regente da 5ª casa, haverá nascimento de filhos.

Quando o regente da 5ª casa está forte e está colocado em qualquer casa que não a 6ª, 8ª ou 12ª e está em conjunção ou aspeto com um planeta benéfico, haverá filhos.

Quando o regente da 5ª casa está forte e está colocado no Ascendente, na 5ª ou 7ª casa e não recebe o aspeto de planetas maléficos, haverá filhos.

Do mesmo modo, quando Júpiter está forte e colocado na 1ª,5ª ou 7ª casa e não recebe o aspeto de planetas maléficos, haverá filhos.

Quando o regente da 5ª casa está rodeado por planetas benéficos ou recebe o aspeto de planetas benéficos, haverá nascimento de filhos.

Segundo os antigos, quando Vénus, Júpiter e Mercúrio  e o regente da 5ª casa estão  colocados nessa casa ou em aspeto com esta, haverá vários filhos. O número de filhos depende da força do regente da 5ª casa.

Quando o regente da 5ª casa está exaltado, colocado num navamsa ímpar e recebe o aspeto de planetas benéficos  e a 5ª casa está livre de aflições, haverá vários filhos.

Quando o regente da 5ª casa Júpiter, o sol  e Marte estiverem colocados em signos masculinos e navamsas ímpares, haverá um bom número de filhos. Se o regente da 5ª casa é forte, os filhos terão boa natureza.

Em relação a este último yoga, o Dr. Raman acrescenta que, além do sol, Júpiter e Marte estarem em signos masculinos, não deverão estar colocados nas casas dusthana- 6ª, 8ª 12ª.

Quando o regente da 5ª casa, a Lua e Vénus estão colocados em signos femininos e colocados em navamsas pares, haverá múltiplos nascimentos de raparigas.

Quando o regente da 5ª casa está colocado na 1ª, 5ª ou 7ª casa; ou o regente da 1ª e da 7ª casas estão colocados juntos na 5ª casa; ou o regente da 5ª ou Júpiter  estão colocados na 1ª casa, haverá nascimento de filhos.

Quando o regente da 5ª casa e o regente do Ascendente estão em conjunção ou aspeto ou receção mútua, haverá filhos.

Quando a Lua ocupa casas Anupachaya a partir do Arudha lagna, haverá filhos. Não haverá filhos se a Lua estiver colocada em casa upachaya a partir do Arudha Lagna.

Nos próximos artigos continuaremos a falar os yogas que dão ou negam filhos, esta que é a obra que serve de base á análise da possibilidade de ter filhos, tanto na astrologia prashna como na análise do horóscopo.

 

[1] Anupachaya são as casas 1, 2, 4, 5, 7, 8,9, 12, isto é são todas as casas que não são upachaya.

Também Poderá Gostar de Ler

Leave a Comment