Regente da 7ª Casa na 4ª 5ª e 6ª Casas

casal  sentado junto de caixas prontas para mudança

Neste artigo descrevemos os efeitos do regente da 7ª casa na 4ª 5ª e 6ª casas do horóscopo. Este artigo complementa um mais antigo já publicado.

Regente da 7ª Casa na 4ª Casa

A colocação do regente da 7ª casa na  4ª casa é considerada uma excelente colocação.

O cônjuge será dominante na vida do nativo. Se for mulher, terá vida profissional e será independente, dando o seu contributo financeiro para a vida familiar.

O casamento é feliz com esta colocação, contanto que não haja aflições. O nativo terá um bom ambiente familiar e terá filhos

O nativo pode deslocar-se para o estrangeiro para fazer a sua educação superior. Também poderá fazê-lo por motivos profissionais. Será inteligente e terá uma boa educação.

Esta posição também favorece os confortos do lar, a aquisição de casa e veículo. O nativo pode receber propriedade e riqueza da mãe. Mas é necessário que não haja aflições às casas nem aos seus regentes.

Caso contrário, a vida familiar e a relação com o cônjuge será pouco harmoniosa e o nativo pode ser propenso a acidentes com veículos.

Com esta posição há também uma forte natureza sexual  na relação com o parceiro e propensão para sentir atração sexual por pessoas estrangeiras ou de diferentes etnias ou culturas.

A nível psicológico, o nativo escolhe para cônjuge alguém com quem sente que pode formar uma família e um lar. O parceiro deve ajustar-se aos costumes, tradições e rotinas da família e aceitá-las como as suas próprias raízes.

A capacidade de formar acordos é usada na vida familiar para manter a harmonia entre os seus membros, atendendo aos interesses e perspetivas de todos.

O nativo pode desenvolver uma profissão na área de aconselhamento familiar ou do direito de família. Em alternativa, tem uma atitude diplomática e conciliatória que favorece a harmonia entre todos.

Mas, se houver aflição à 4ª casa ou se o regente da 7ª casa estiver mal colocado na 4ª, pode haver inimigos abertos na família.  Pode haver conflitos, nesta situação, por causa de disputa de herança da mãe.

O nativo tende a procurar parceiros de negócios dentro da família.

Regente da 7ª casa na 5ª Casa

A colocação do regente da 7ª casa na 5ª casa indica que o nativo obtém uma boa reputação social , podendo ser um membro destacado da sociedade, seja pelo caráter, pelo seu valor em alguma área, como as artes, o desporto ou a política, pela inteligência, criatividade, instrução, etc.

O nativo pode também estar envolvido com grandes grupos ou organizações sociais, relacionados com causas sociais, a  área financeira, etc.

Esta posição indica bons princípios morais e boas ações do nativo, que é diplomata e gosta de fazer as coisas assumindo espírito de compromisso e tendo em conta os interesses de todos.

Mas o regente da 7ª casa necessita de estar dignificado e sem aflições, caso contrário, pode suceder o oposto com o nativo a ter falta de princípios na ação.

Segundo os clássicos a colocação do regente da 7ª casa na 5ª, e dignificado, indica que receberá riqueza de múltiplas fontes e realizará os seus desejos e ambições.

No entanto, no plano do casamento, pode ser menos benéfica esta posição segundo algumas fontes, havendo a possibilidade de casar mais do que uma vez. Isto acontece apesar de esta colocação também indicar que a pessoa casa por amor.

Porém, possui uma disposição fortemente inclinada para a atração sexual e, se houver aflição da 7ª casa, pode envolver-se em relacionamentos extraconjugais. Também pode acontecer, nesse caso, que terá um casamento tardio ou não haverá casamento.

Porém, sem aflições às casas e seus regentes, o nativo terá um casamento feliz e casará com um parceiro abastado.

Se a 5ª ou a 7ª casa estiver aflita, esta posição também afeta negativamente os filhos. Se ambas as casas estiverem aflitas, pode mesmo haver a morte de filhos ou não haver nascimento de filhos. A aflição destas casas indica também problemas de saúde para o cônjuge e/ou os filhos.

Porém, um regente benéfico da 7ª casa bem colocado na 5ª dá filhos e felicidade a partir destes, filhos prósperos, inteligentes e com boa instrução.

Quando os regentes e as casas estão livres de aflição e fortes, o nativo terá sorte nas parcerias de negócios, terá amores felizes, cônjuge e parceiros devotados e leais. Ajudam também o nativo a ser criativo e a correr riscos.

No plano pessoal o nativo escolhe parceiros românticos que gostam de se divertir. Os parceiros devem trazer alegria e descontração. Devem também acompanhar e apoiar a criatividade do nativo, ajudando-o a exprimi-la tanto a nível pessoal como nos negócios.

Apesar de querer um relacionamento que seja uma energia de descontração na sua vida, este nativo também deseja casar para ter filhos. O parceiro de casamento deve ter duas características: partilhar o desejo de ter filhos e gostar de arte e de se divertir.

Os negócios em que se envolve podem estar relacionados com as artes, incluindo as do entretenimento como cinema, teatro, dança, desporto, música. Estas pessoas tendem a escolher parceiros que gostam destas áreas, que são também encaradas como hobbies e diversões preferidas.

Quando há aflições nas casas ou regentes, o nativo pode encontrar pessoas que se opõem aos seus esforços criativos com inimizade aberta.

Regente da 7ª Casa na 6ª Casa

A colocação do regente da 7ª casa na 6ª casa pode ser pesada para as parcerias e o casamento, indicando conflitos com os parceiros e o cônjuge e doença deste.

Haverá potencialmente pouca felicidade nas parcerias, contratos, acordos, seja  por falta de palavra, quebra de contratos ou excesso de conflitos entre os parceiros.  As condições de saúde do parceiro podem causar preocupação constante e implicar deveres, cansaço, excesso de despesa à conta disso, etc.

Os desentendimentos com os paceiros podem igualmente ser causados por diferenças culturais, origem social diferente de ambos, valores diferentes.  O parceiro/cônjuge pode ser estrangeiro ou ter sido educado em valores muito diferentes dos do nativo.

Quando o regente da 7º casa está fraco e colocado na 6ª casa, há provavelmente separação ou divórcio. Quando está forte, pode haver mais do que um casamento. Pode haver constantes brigas e conflitos, e a relação pode transformar-se em inimizade declarada.

Os desentendimentos e disputas podem acontecer tanto de um lado como do outro na parceria.

A relação de 12 casas de separação entre a 6ª e a 7ª também indica que o nativo tende a esconder coisas do parceiro/cônjuge como múltiplos relacionamentos sexuais extraconjugais, pois tende a ser indulgente nesta área e a preferir parceiros sexuais fora do casamento.

Os parceiros/ cônjuge são extremamente eficientes no trabalho e têm competências de organização que favorecem os ganhos materiais e isso é uma razão pela qual o nativo segura muitas vezes o casamento.

Porém, o parceiro /cônjuge é também bastante crítico, ciumento e sensual, precisando de contacto físico, mas parece incapaz de ter motivação suficiente- acontecendo o mesmo com o nativo- para fazer o relacionamento funcionar.

Ambos os parceiros se focam na obtenção de riqueza e de conforto, privilegiando os aspetos materiais da relação.  Podem ambos usar a manipulação para, secretamente, obterem o que desejam em termos materiais, atuando secretamente contra os interesses do outro parceiro.

Esta dinâmica de aparente parceria, mas secreta maquinação contra o outro pode conduzir, em certos casos, a divórcio no caso do casamento e a litígios em tribunal nas parcerias de negócio uma vez que, com esta conjugação, cada parceiro atua apenas atento aos próprios interesses e, se for preciso, contra os interesses do parceiro, para obter mais ganhos.

Esta posição afeta também negativamente a relação com empregados e subordinados, existindo muitas vezes essa relação inimiga, que causa prejuízo, dívidas  e, muitas vezes também ,litígio porque não há verdadeira cooperação.

As pessoas com esta posição deveriam pensar cuidadosamente antes de iniciar um negócio de parceria, a menos que os regentes da 7ª e da 6ª e as duas casas estejam sem aflições e recebam o aspeto de planetas benéficos .

Quando isso acontece, pode haver um forte sentido de serviço e de colaboração mútua salvaguardando-se os interesse de todas as partes.

O nativo pode escolher parceiros que têm rotinas semelhantes à sua ou que trabalham consigo ou na mesma área pois isso permite a partilha das mesmas rotinas.

Tende a preferir parceiros que têm a mesma abordagem em relação a temas como a saúde, a alimentação, certas causas em que o nativo acredita- ambientais, ligadas aos «direitos», sejam estes humano ou animais, etc.

Podem igualmente escolher trabalhar numa área relacionada com a saúde e nutrição, legislação do trabalho, sindicalismo, prestação de cuidados a animais, etc.

Também Poderá Gostar de Ler

2 Thoughts to “Regente da 7ª Casa na 4ª 5ª e 6ª Casas”

  1. Lorena

    Buenas tardes, quisiera hacer una consulta: en la explicación del Regente de la casa 7 en casa 4 dice que: el conyuge domina la vida del nativo pero que si soy mujer tendré una vida independiente y, después por otro lado, que el conyuge se debe adaptar a las costumbres, tradiciones y rutinas de la familia del nativo y aceptarlas como propias. No me queda claro si con esta configuración la pareja domina la vida diaria del nativo teniendo que adaptarse a el o si es alrevez que la pareja se tiene que adaptar al nativo.

    1. A 7ª casa representa o parceiro e o mesmo sucede com o regente da 7ª casa. Quando este está colocado na 4ª casa isso mostra como os parceiros se comportam em relação ao nativo, neste caso adaptando -se aos hábitos familiares, comunidade em que o nativo vive e a sua família. Mas esta relação não é unilateral pois a posição do regente da 7ª casa na 4ª também mostra a relação do nativo com os parceiros- de casamento e de negócios, por ex. E, como a 7ª casa também representa outras coisas, como pessoas estrangeiras ou países estrangeiros, esta posição também pode indicar parceiros estrangeiros ou residência em país estrangeiro. Ou seja, há várias possibilidades de interpretação, é preciso ver o contexto de vida de cada um e o resto do mapa (por ex., onde está colocado o regente da 4ª casa) para ver mais. Num artigo geral não podemos falar de tudo.

Leave a Comment