Signo Touro na 10ª Casa do Horóscopo

A 10ª casa é uma casa de visibilidade, de ação e de trabalho que nos torna respeitados na comunidade alargada. Para ler uma pequena introdução aos significados da 10ª casa leia o artigo aqui.

Se deseja aprofundar os seus conhecimentos sobre a 10ª casa, pode ler o artigo aqui.

Quando o signo Touro está colocado na 10ª casa- o que acontece para o Ascendente Leão – os nativos são práticos e ligados à Terra no que se refere à escolha do seu modo de vida. O signo Touro fá-los apreciar um estilo de vida cheio de conforto e de prazeres e inclina-os para ambicionar um status elevado. Assim, procuram a fama, acumular riqueza talvez, em alguns casos, vingar no mundo da música como cantor(a) ou outra carreira artística ligada à moda, design, arquitetura, etc.. Uma coisa é certa: estas pessoas anseiam, no mínimo, por ser ricas e ter muitas posses.

Com o signo Touro na 10ª casa, os nativos  exploram ao máximo a dimensão de sensualidade e de procura do prazer para ganharem dinheiro:  isto é tanto visível na pessoa que se torna um «chef» requintado da cozinha gourmet, como no artesão que faz joias e ornamentos artísticos , no banqueiro , contabilista ou especialista financeiro que investe e gere dinheiro, poupanças, etc., no músico que sonha ser famoso com a sua voz/música ou canções, no chefe executivo de uma grande companhia empresarial, no (a) gestor (a) de um spa, clínica estética, etc..Escolhem trabalhar com aquilo que dá prazer às pessoas e contribui para se sentirem mais felizes através da exploração sensorial da realidade.

Os nativos com o signo Touro na  10ª casa  são pessoas calmas e sóbrias no agir, não apreciando correrias nem agitação. Antes de tomarem uma decisão importante, refletem. Assim, são vistos como merecedores da confiança dos outros, na área profissional e preferem trabalhar com produtos sobre os quais existe conhecimento suficiente para oferecerem confiança e segurança. Não gostam de correr riscos nem de confiar na «sorte». Apostam todo o seu esforço e conhecimento em alcançar riqueza, que acumulam o mais que podem. Gostam também da vida mundana, de festas, de aparecer na «vida social» e de serem aclamados pelas posses, pelas qualidades e conhecimentos.

Os nativos  com o signo Touro na 10ª casa são amantes de todos os prazeres incluindo a comida e podem rapidamente ganhar peso. Também gostam de preguiçar sempre que podem, embora não se furtem ao trabalho duro quando é preciso. Mas adoram estar sem «fazer nada», a apreciar o sol, uma bebida exótica, a companhia pachorrenta de amigos junto à piscina, etc. Não trabalham como um fim em si mesmo mas fazem-no como um meio para gozarem a vida o mais que podem. De facto, apesar de serem vincadamente sensuais e ligados basicamente aos sentidos, estes indivíduos gostam de relaxar e de ver a vida a partir de uma perspetiva «sem stress». As carreiras preferidas envolvem pouco esforço físico  e muita utilização dos sentidos: chef, perfumista ou avaliador de vinhos, escultor ou arquiteto, produtor têxtil, empresário ligado à indústria do sexo, da música, etc. Porém, apesar de facilmente caírem na preguiça, podem igualmente ser muito persistentes, determinados e obstinados.

O signo Ascendente  Leão impele  estas pessoas para a atividade criativa, especialmente a artística. É conhecido o fino sentido estético destas pessoas, que adoram estar rodeadas de beleza, amam a arte e gostam de trabalhar com todas as áreas ligadas à manutenção da beleza física do ser humano e  de melhorar a aparência dos ambientes em que este vive.

Com o signo Touro na 10ª casa, estes nativos  podem viajar essencialmente por duas razões: negócios e prazer. Provavelmente, em cada viagem procuram satisfazer ambos os interesses: ganhar dinheiro pode ser uma atividade verdadeiramente afrodisíaca para estas pessoas; e a exploração dos prazeres em cada país, da culinárias às pessoas disponíveis para um breve romance, é o seu complemento.

O signo Touro  na 10ª casa indica  a ambição de gozar completamente os prazeres da vida e a recusa de uma vida ascética, pobre, preocupada com questões que transcendem o prazer sensorial, razão pela qual estas pessoas costumam ser classificadas como materialistas e egoístas, pensando essencialmente no seu próprio prazer . Mas, como se costuma dizer, até os materialistas têm um lugar reservado na ordem do mundo. Até porque, na tristeza de descobrirem que, quando a sua vida chegar ao fim, não levarão consigo nenhuma das posses que tão persistentemente perseguiram e alcançaram, inevitavelmente descobrirão que a vida é mais do que tudo isso, quando se esvai na finitude.

Sendo uma casa de karma que cada um constrói nesta vida, a 10ª casa mostra as ações que geram karma na interação com a sociedade no desempenho das funções públicas. O  signo Touro nesta casa pode indicar um karma em que o nativo recebe a recompensa dos prazeres materiais , da fama, do conforto e da abundância das posses; e também do dom artístico e da sensibilidade perante o belo. Esta vida de prazer pode ajudá-lo a criar algo (através da arte, da música, da beleza que consegue gerar ou ajudar a manifestar-se) que ajude outros cujo karma é mais duro e pesado de viver, a relaxar também através do entretenimento que essas pessoas criam e que não as enriquece apenas a elas mas também à sociedade em geral.

Signo Carneiro na 10ª Casa do Horóscopo

A 10ª casa significa a profissão, a carreira, a vocação e o modo de sustento na vida. Está também associada ao poder, fama, reputação e estima que a comunidade tem pelo nativo o seu status ou posição social, as honras  que recebe como resultado das ações que realiza, as promoções que a pessoa pode receber, o seu karma na vida, a sua ambição mas também o caráter. Simboliza igualmente as autoridades e o governo, o patrão ou empregador, viver no estrangeiro, a  felicidade a partir dos filhos de sexo masculino. A 10ª casa está associada às seguintes partes do corpo: joelhos e rótulas do joelho, articulações e ossos.

Para ler um artigo mais desenvolvido sobre os significados da 10ª casa, siga o link aqui.

Quando o signo Carneiro está colocado na 10ª casa- o que acontece para o Ascendente Caranguejo – os nativos são extremamente ambiciosos, desejando atingir o topo na sua área profissional. São agressivos e podem ser membros das forças militares ou de segurança, médicos (especialmente na cirurgia), executivos e gestores implacáveis e desempenham as suas funções com grande energia e paixão. Apesar de o Ascendente Caranguejo ter a propensão para cuidar e ser compassivo, na área profissional estas pessoas podem ser altamente agressivas, independentes e muito lutadoras.

Com o signo Carneiro na 10ª casa os nativos podem estar ao serviço de causas coletivas mas nunca perdem a sua independência e opinião própria. Assim, são mais vocacionados para profissões em que a iniciativa, o pioneirismo, a agressividade e as capacidades de liderança são necessárias. Trabalham na 1ª pessoa, são extremamente competitivos e podem ser empresários de sucesso, pensando em ganhar e em estar na posição de topo na sua área. Estas pessoas são pessoas de ação e, por isso, aborrecem-se em empregos monótonos e pouco ativos. Precisam de sentir a estamina e o entusiasmo que os faz correr numa certa direção em vez de outra e de ter competições para ganhar. É por isso que também se dão magnificamente numa carreira como atletas ou treinadores de atletas, preparando campeões.

Os nativos com o signo Carneiro na  10ª casa têm, no entanto, algumas características de extrema ingenuidade, provavelmente por agirem por impulso e por paixão, sem antes fazer cálculos prévios no que respeita à profissão pois estão tão imbuídos do seu valor pessoal e da sua «estrela de campões» que muitas vezes não se apercebem de que os outros podem não os ver do mesmo modo, especialmente quando sofrem devido às suas iniciativas impiedosas. A situação é, no entanto, interativa pois, quando estão ao serviço de outros, discutem frequentemente com os superiores hierárquicos até perceberem que o melhor é serem patrões deles próprios.

Os nativos com o signo Carneiro  na 10ª casa são fisicamente ativos e gostam de desporto (ou em alternativa, combatem na área profissional procurando continuamente ultrapassar outros). Gostam de ser admirados pelos seus talentos e de pensar que chegam ao topo através do próprio esforço e mérito. E podem ser pioneiros, introduzindo novas formas de fazer as coisas. E, apesar de poderem ser respeitados ou invejados por tudo o que alcançam, geram também a «fama» de serem impiedosos, rudes, autocentrados, fazendo tudo apenas a partir do que acham bem e sem dar crédito às opiniões de colaboradores ou subordinados.

O signo Ascendente  Caranguejo impele  estas pessoas para procurar funções de gestão ou de liderança, por exemplo numa área de serviços, de modo a que o trabalho a que se dedicam possa ser útil a muitas pessoas, às massas  e não apenas a alguns grupos pequenos. E são capazes de beneficiar os outros em termos sociais mas o seu foco principal está sempre em si próprios e nos interesses que desejam atingir. A comunidade, por sua vez, pode mostrar respeito e admiração mas também pode retrair-se em relação ao nativo por considerá-lo demasiado rude e agressivo.

Com o signo Carneiro na 10ª casa, estes nativos podem viajar bastante para países estrangeiros mas sentem saudades do seu país e comunidade, sendo pouco provável que residam no estrangeiro por longos períodos. O chamamento da «terra natal» é forte para estas pessoas, embora o desejo de se tornarem visíveis para os outros, em termos profissionais, possa  levá-los a procurar um carreira internacional.

O signo Carneiro na 10ª casa indica um pai   aventureiro e competitivo ou egoísta e autocentrado e, provavelmente, a relação com o pai pode ser igualmente bastante competitiva ,com o  nativo a querer superar o sucesso paterno. Afinal, estas pessoas não reconhecem qualquer autoridade acima da sua própria , pelo menos na área dos negócios e da profissão.

Sendo uma casa de karma que cada um constrói nesta vida, a 10ª casa mostra as ações que geram karma na interação com a sociedade, no desempenho das funções públicas. O signo Carneiro nesta casa pode indicar um karma causado por insensibilidade em relação aos que interagem com o nativo em termos sociais e profissionais. O foco excessivo no próprio sucesso pode impedi-lo de ter em consideração os interesses dos outros que dependem hierarquicamente de si ou são «abalroados» por si sem misericórdia através de despedimento ou mero desagrado ou por razões puramente financeiras, etc. O sol, Marte e a Lua bem colocados e fortes ajudam a desenvolver a sensibilidade e empatia suficientes para equilibrar a ambição com o sentido de justiça e de solidariedade para com os outros.

Signo Peixes na 9ª Casa do Horóscopo

Signo Peixes na 9ª casa do horóscopo capa

A 9ª casa é uma casa trikona  relacionada com a sorte e a fortuna, com o pai , com os valores mais elevados, os estudos superiores, etc. Para ler um breve resumo dos significados da 9ª casa,  veja o artigo aqui.

Para ler um artigo mais desenvolvido sobre os significados da 9ª casa, clique aqui.

Quando o signo Peixes   está colocado na 9ª casa- o que acontece para o Ascendente Caranguejo – os nativos podem ter uma ideia pouco clara acerca das filosofias e valores, misturando conceitos com impressões e emoções.  Mas gostam das abordagens que permitem a exploração dos sonhos e do seu significado- o que é mais do campo da psicologia do que da filosofia-  pois isso  permite-lhes mergulhar nas profundezas da sua subjetividade e explorar o plano subconsciente ou mesmo  o inconsciente da mente. Apreciam as filosofias estéticas que ajudam a percecionar a realidade a partir de ângulos diferentes e belos, muitas vezes escondidos da perceção rotineira. Gostam também das abordagens que exploram as raízes do ser humano, das suas emoções e necessidades psicológicas profundas ao nível das emoções e dos afetos e, mais uma vez, isto indica que preferem a psicologia como forma de explicação do ser humano e da realidade, á filosofia, mais teórica e logicamente orientada.

Com o signo Peixes na 9ª casa os nativos gostam de ideias e teorias que exploram a sensibilidade humana e a sua dimensão estética: podem apreciar bastante uma filosofia estética que se oriente para a música , para a arte da fotografia ou do cinema  com o intuito de mostrar como essas formas de arte exprimem a diversidade humana e ajudam cada indivíduo não só a reconhecer-se a si mesmo na sua identidade e necessidades e vulnerabilidades humanas, como o ajudam a superar algumas dificuldades no seu modo de ser. Estes nativos podem encarar estas ou outras expressões artísticas nas quais o sonho, a emoção em estado bruto, a necessidade de conforto e segurança, de abrigo e de amor como as mais elevadas formas de expressão do ser humano e como tendo um poder de catarse, de libertação  para os que se expõem a elas, bem mais forte do que qualquer lição teórica sobre o ser humano e o seu destino na Terra. Muitas vezes estas pessoas praticam alguma destas artes, sentindo uma identificação profunda com um drama que se  desenrola num palco, com uma música que lhes toca finamente a alma, uma fotografia que os leva a sonhar com outras realidades, talvez existentes apenas no plano da imaginação mas que alimenta a sua necessidade de união com o plano empático das emoções.

Os nativos com o signo peixes na 9ª casa possuem princípios éticos que têm  dificuldade em classificar e categorizar, podendo misturar valores tradicionais que herdaram da sua comunidade e educação com as próprias necessidades emocionais do momento. Embora isto possa variar bastante de pessoa para pessoa, podem por ex., considerar que o uso de certas substâncias com efeitos no funcionamento mental são aceitáveis como porta de entrada para «o mundo imaginário» onde todos os sonhos são possíveis.  Gostam também de admitir um mundo transcendente povoado de seres angélicos, capazes e ajudar o ser humano quando este precisa e no qual, ,mais importante do que as regras e convenções aceites, é o que a pessoa sente, a bondade com que é capaz de se ligar aos outros e de lhes estender a mão quando é necessário. Não criticam, não julgam e acham que estes princípios deviam ser seguidos por todos.

Os nativos  com o signo Peixes na 9ª casa são religiosos, espirituais e têm em geral crenças relacionadas com estas áreas por isso acreditam mais no respeito pelas regras definidas por uma religião ou abordagem espiritual do que na «liberdade» para decidir só por si o  que é melhor. Acreditam numa ordem do mundo que está definida e que é preciso respeitar embora sejam flexíveis e acreditem que a bondade como princípio da ação, não pode errar. Acreditam que o respeito por princípios básicos como a honestidade, a justiça, o respeito pelo outro e o espírito de entreajuda e solidariedade são o modelo essencial que deve nortear a conduta humana.

O signo Ascendente Caranguejo impele estas pessoas para o respeito das tradições e dos costumes da comunidade em que  vive ou nasceu. Acreditam no respeito pela autoridade e na capacidade de os seres humanos se entreajudarem para que haja harmonia social. Gostam de nutrir e de  cuidar dos outros, sentindo empatia com o sofrimento dos mais fracos e vulneráveis. Acreditam também nas virtudes do sacrifício em prol dos outros, como dádiva de si aos outros, embora possam sentir ressentimento quando a sua entrega não recebe o devido reconhecimento.

Com o signo Peixes na 9ª casa, estes nativos adoram viajar, aprender línguas estrangeiras e conhecer o modo como outros seres humanos vivem e exprimem a sua realidade em diferentes culturas.

O signo Peixes na 9ª casa indica  um pai  que pode ser religioso ou artista ou alguém cujo estilo de vida pode ser pouco estruturado e pouco convencional. Dependendo do horóscopo no seu conjunto, o pai pode ter sido um modelo para as ideias religiosas  e ético-morais  ou alguém que viveu separado do nativo, em lugar longínquo ou viajando constantemente, de modo que houve pouco contacto com ele no período de crescimento.

Os nativos com o signo Peixes  na 9ª casa tendem a considerar a «verdade» como tendo uma natureza espiritual e moral, tendo referência , mais do que ao plano material das rotinas diárias, com algo que transcende tudo isso, seja pela natureza espiritual , seja pela natureza artística ou onírica, não se manifestando no mundo terreno a não ser através dos símbolos.

A visão do mundo destes nativos   nem sempre é clara para si próprios, perdendo-se muitas vezes nas memórias subjetivas que «contaminam» todo o resto da realidade. Mas professam uma visão simultaneamente tradicionalista e bondosa, aberta à expressão dos sentimentos e emoções através da arte, dos sonhos, dos atos de bondade.

Signo Aquário na 9ª Casa do Horóscopo

signo Aquário na 9ª casa do horóscopo capa

A 9ª casa é uma casa trikona, relacionada com a sorte e a fortuna, com o pai os valores mais elevados, os estudos superiores, etc. Para ler um breve resumo dos significados da 9ª casa,  veja o artigo aqui.

Para ler um artigo mais desenvolvido sobre os significados da 9ª casa, clique aqui.

Quando o signo Aquário está colocado na 9ª casa- o que acontece para o Ascendente Gémeos – os nativos apreciam filosofias e ideias que têm um cunho universalista  e humanitário, de cariz político e social. Com efeito, estas pessoas preocupam-se com a organização da sociedade e com as regras que esta deve seguir para assegurar condições de igualdade nos direitos e deveres,  de modo a evitar a marginalização e a exclusão social de alguns. As ideologias políticas são outro fator do seu interesse, umas vezes para as desmistificar e mostrar porque, na sua opinião, falham como modelo da sociedade, outras vezes porque exprimem os seus ideais sobre a vida humana e gostariam de as implementar.

Com o signo Aquário na 9ª casa os nativos gostam de ideias e teorias que se organizam de forma sistemática e podem identificar-se com algumas das filosofias vindas do passado e que têm uma matriz social, ética e prática, que apresentam soluções para alguns dos problemas concretos que afligem a humanidade na sua vida em comum ao nível das condições de justiça e igualdade. Preferem as que já foram testadas e comprovaram ser eficazes na diminuição das desigualdades sociais mas também podem abrir-se  a novas ideias, quando acreditam que estas podem organizar a sociedade de forma mais justa e equilibrada. Também se interessam pelo conhecimento científico como forma de ultrapassar problemas e a falta de qualidade de vida das populações e aderem facilmente á aplicação de novas tecnologias de informação ao serviço dos cidadãos. A dimensão de cada ser humano como «cidadão» é a que mais importa a estas pessoas que se veem a si mesmas e a todos os indivíduos como peças interligadas no sistema que é a sociedade e a sua vida histórica comum.

Os nativos com o signo Aquário na  9ª casa possuem princípios éticos  de matriz tradicional – mas não uma qualquer tradição, apenas aquela com a qual se identificam ao nível das ideias e das crenças – e uma consciência social forte, acreditando que cada um deve contribuir com o seu trabalho e mérito para ajudar a sociedade a tornar-se mais perfeita, no sentido de que diminui o desequilíbrio entre os que menos têm e os que mais têm, entre os privilegiados e os que ocupam a base da sociedade e são em geral esquecidos pela maioria. Por isso muitas vezes estas pessoas aderem mais às ideias políticas- podendo ser reformadores muito informados e imbuídos dos «princípios do bem comum»- do que ao pensamento filosófico puramente teórico. Podem estar ligados a um grupo político ou a um grupo interventivo de cidadãos que usam a crítica e a ação política e social, o ativismo na defesa dos direitos das camadas menos favorecidas da sociedade, para dar o seu contributo. Outros podem fazer isso através do envolvimento na atividade científica e tecnológica que melhora o funcionamento das organizações e instituições que trabalham em rede no plano social ou em alguma área de investigação que contribui de alguma forma para melhorar a vida dos seres humanos.

Os nativos  com o signo Aquário na 9ª casa valorizam  a liberdade dentro do cumprimento estrito das regras que são iguais para todos. Raramente são revolucionários, pois acreditam que a destruição da organização social vigente conduz mais ao caos do que a uma nova ordem de coisas por isso, embora sejam capazes de inovar, trabalham em geral sobre as estruturas existentes para, a partir daí, desenvolver novas perspetivas e ideias. Trabalham em geral em cooperação com outros nessa tarefa.

O signo Ascendente  Gémeos impele  estas pessoas para  a comunicação e interação com os outros, para o estabelecimento de redes entre os indivíduos e a sua associação em grupo. Deste modo, estas pessoas funcionam melhor quando trabalham em equipa e trocam ideias entre si para atingir os objetivos que nunca são meramente pessoais mas são coletivos ou universais. Gostam de se colocar nesta posição absoluta de que, o que é melhor para todos é também melhor para cada um. Na religião são livres pensadores, afastando os dogmas e posições absolutas que estejam fora do controlo da humanidade e da sua liberdade de escolha. Têm mais propensão para o estudo das ciências sociais do que da filosofia propriamente dita, embora valorizem muito a área da ética e da política.

Com o signo Aquário na 9ª casa, estes nativos adoram viajar para conhecer outros seres humanos e outras expressões culturais, que lhes permitam alargar a sua compreensão acerca da humanidade no plano universal ou essencial. A sua curiosidade e gosto por explorar novos costumes e modos de viver  pode levá-los a  escolher profissões, na área da diplomacia, por ex., em que tenham que permanecer por longos períodos em países estrangeiros e a aprender diversas línguas estrangeiras.

O signo Aquário na 9ª casa indica  um pai   que pode ter estado algo ausente durante o crescimento do nativo, em termos de proximidade afetiva mas pode ter-lhe inculcado valores firmes acerca da importância da instrução e da educação superior.  Pode ser alguém fortemente envolvido a nível social, científico, político, com pouco tempo para dedicar ao relacionamento pessoal com a criança. Mas serve-lhe de modelo ao nível dos princípios, valores e crenças e de orientação para os objetivos de vida.

Os nativos com Aquário  na 9ª casa tendem a considerar a «verdade»  como  algo que pode ter vários matizes e  dimensões e rejeitam os princípios de «verdades absolutas» dogmáticas. O lado rebelde de Aquário pode levar a procurar «a verdade» na sua articulação com os interesses coletivos de uns grupos contra os de outros, como sucede no combate político e na «luta de classes».

A visão do mundo destes nativos  é  a de uma dimensão universalista onde cabem muitas realidades diferentes que podem ser unificadas por um conjunto de princípios e valores aceites e cumpridos por todos. É, na verdade, a de alguém que aspira à concretização do ideal histórico de se tornar «um cidadão do mundo».

Signo Capricórnio na 9ª Casa do Horóscopo

signo Capricórnio na 9ª casa do horóscopo capa

A 9ª casa é uma casa trikona   que está relacionada com a sorte e a fortuna, com o pai os valores mais elevados, os estudos superiores, etc. Para ler um breve resumo dos significados da 9ª casa,  veja o artigo aqui.

Para ler um artigo mais desenvolvido sobre os significados da 9ª casa, clique aqui.

Quando o signo Capricórnio está colocado na 9ª casa- o que acontece para o Ascendente Touro – os nativos apreciam filosofias e ideias relacionadas com a tradição, com natureza conservadora e relacionada com os valores defendidos pelos costumes. Não apreciam ideias especulativas e preferem cingir-se aos princípios práticos que deram bons resultados no passado. Adotam também filosofias simples e ligadas ao dever, à responsabilidade e ao papel do trabalho no desenvolvimento da sociedade.

Com o signo Capricórnio na 9ª casa os nativos podem ser bastante rígidos nas ideias que defendem, baseando as suas convicções mais no facto de essas ideias acompanharem o homem e a sociedade desde há muito tempo do que na reflexão crítica acerca das mesmas. De resto, apreciam a ordem social e não gostam de mudanças pelo que desaprovam as teorias e filosofias que desafiam os velhos costumes e procuram substituí-los por outros. Não são adeptos do pensamento metafísico, preferindo as filosofias que se debruçam sobre a organização da vida social e política ou sobre a filosofia do Direito aplicado ao trabalho de modo a garantir condições concretas de oportunidades para todos os que estiverem dispostos a fazer  o esforço de trabalhar arduamente e, desse modo, poderem ascender em posição e privilégios sociais.  Podem simpatizar com as correntes materialistas da filosofia e com as correntes da  Ética prática. Em alternativa, podem preferir as ciências sociais à filosofia, pela maior proximidade com os problemas concretos da sociedade e a tentativa de lhes dar solução, em colaboração com as práticas políticas.

Os nativos com o signo Capricórnio na  9ª casa possuem princípios éticos  de justiça mas tendem a ser demasiado rígidos para aceitar que nem todos os indivíduos têm  a mesma perseverança e capacidade de trabalho duro e árduo para alcançar  sucesso no mundo. Tendem a adotar normas rígidas que aplicam nos seus juízos a toda a gente, sem exceção, sem atender aos contextos de vida que podem ser mais difíceis para outras pessoas, atribuindo à falta de empenho ou excesso de preguiça as suas dificuldades em alcançar sucesso. Os seus pontos de vista são muitas vezes demasiado duros  para com os outros, no que se refere à «medida do sucesso» que cada um alcança. Parecem considerar que o trabalho duro é a porta infalível para o sucesso, não valorizando outros fatores que podem impedi-lo ou dificultá-lo. Possuem uma visão hierarquizada da sociedade e uma rígida definição do «mérito», defendendo a competição entre os indivíduos na luta pelas melhores posições sociais e falta-lhes muitas vezes compaixão e compreensão para com os que são menos bem-sucedidos. Valorizam mais a conquista de posses materiais e de riqueza do que de conhecimentos teóricos ou espirituais sobre a realidade.

Os nativos  com o signo Capricórnio na 9ª casa valorizam  o princípio da autoridade e, deste modo, alicerçam as suas crenças ou na religião tradicional dos antepassados ou em ideias que interiorizaram durante a educação e que traduzem, na sua opinião, «verdades indubitáveis». Assim, a sua posição é a de se submeterem à autoridade do saber, educando os outros para a mesma submissão: «as ideias que nos transmitem são para serem compreendidas e interiorizadas, não para serem criticadas». Tendem deste modo para o dogmatismo, que é o oposto da atitude da filosofia. Por isso as suas crenças tendem a manter-se de pedra e cal, não importando o que outros argumentam contra elas. Dão-lhes segurança e uma noção de «ordem do mundo»  e isso é tudo o que necessitam, não perdendo tempo a pensar e a refletir sobre a sua bondade ou falta dela.

O signo Ascendente  Touro destes nativos  impele para  manterem um mundo estável e firme, baseado na fruição sensorial do corpo e dos seus prazeres e na ideia de que, se todos trabalharem incansavelmente, obterão os mesmos resultados positivos e serão felizes, não lhes faltando os confortos da existência física e todas a posses associadas. Há, deste modo, um fechamento total para a mudança nas crenças e atitudes em relação ao mundo e à realidade; estas pessoas não aspiram a mais do que viver com o máximo de conforto , prazer e felicidade. E acreditam que esse é o melhor destino a que se pode aspirar.

Com o signo Capricórnio na 9ª casa, estes nativos podem viajar por motivos de prazer e de trabalho. Conhecer outras culturas e seres só os motiva se puderem obter algum ganho material com isso. Embora possam ser sensíveis à ordem estética das teorias e expressões culturais, isso é pouco para levar estas pessoas a procurar viajar para lugares distantes. Essas viagens são antes vistas como potenciais oportunidades de negócio, investimento, etc. Esta motivação pode levá-los a querer aprofundar o conhecimento de línguas e da cultura de outros povos mas não como um fim em si mesmo. Até porque, depois de alcançar o desejado fruto do seu trabalho árduo, aspiram a poder «gozar» todos os prazeres com a máxima preguiça possível, enquanto «olham» a sua vida do alto das conquistas realizadas, como um grande sucesso. Estes nativos estão basicamente interessados em si mesmos e , em relação aos  outros , interessam-se na medida em que estes contribuem para a satisfação das suas necessidades.

O signo Capricórnio na 9ª casa indica  um pai   que pode ter sido bastante rígido na educação, trabalhador árduo e valorizando acima de tudo a disciplina, o dever e a responsabilidade, tendo , muito provavelmente ,incutido no nativo estes valores desde bem cedo pois o pai certamente valorizou mais o trabalho do que o lazer, transformando todas as atividades potencialmente recreativas em atividades de «trabalho»  da criança.

Os nativos com Capricórnio  na 9ª casa tendem a considerar a «verdade»  como algo de caráter prático  e inseparável da organização social e das doutrinas religiosas transmitidas pela educação desde cedo e , em geral, não sentem necessidade de colocar isso em questão.

A visão do mundo destes nativos  é estrita e pode ser duramente disciplinar, impondo uma ordem hierarquizada no plano social e do ser em que cada coisa, indivíduo ou ser tem um lugar estabelecido e em que a «subida da posição social de partida» é sempre lenta e conseguida à custa de muito esforço, trabalho e obediência à hierarquia que detém o poder e a influência.

Signo Sagitário na 9ª Casa do Horóscopo

signo Sagitário na 9ª casacapa

A 9ª casa é uma casa trikona   que está relacionada com a sorte e a fortuna, com o pai os valores mais elevados, os estudos superiores, etc. Para ler um breve resumo dos significados da 9ª casa,  veja o artigo aqui.

Para ler um artigo mais desenvolvido sobre os significados da 9ª casa, clique aqui.

Quando o signo Sagitário está colocado na 9ª casa- o que acontece para o Ascendente Carneiro – os nativos apreciam filosofias e ideias que apoiem o desenvolvimento humano através da procura de conhecimento e aperfeiçoamento moral. São atraídos por ideias e sistemas religiosos, metafísicos e filosóficos de outras culturas e podem viajar bastante com a intenção de as conhecer melhor.

Com o signo Sagitário na 9ª casa os nativos estudam muitas vezes no estrangeiro, apropriando valores e teorias de outras culturas, que sentem grande curiosidade em conhecer. Aprendem facilmente outras línguas e são ávidos a estudar e aprofundar os modos de ser de outros povos, bem como todo o tipo de ideias metafísicas, religiosas e filosóficas. A partir desse estudo podem efetuar uma síntese pessoal que dá conta da sua própria maneira de sentir e compreender essas realidades. O desejo de se transformarem através do conhecimento faz com que se tornem muito instruídos e espirituais, pois efetuam uma amálgama entre o que aprendem intelectualmente e o que intuitivamente sentem ser a dimensão sagrada da realidade, sejam ou não adeptos de uma religião específica. Podem dedicar grande interesse ao estudo da filosofia, religião e sistemas metafísicos que vêm do passado remoto, convictos de que estes encerram a verdadeira sabedoria acerca da realidade. Encontram também no momento próprio um «guru» ou mestre que os ajuda a encontrar o que procuram, sendo certo que não se contentam com um conhecimento apenas lógico e mundano, precisam também do conhecimento espiritual.

Os nativos com o signo Sagitário na  9ª casa possuem princípios éticos elevados e valorizam o saber que se adquire pela experiência de vida e não só o saber intelectual e teórico. São também otimistas, acreditando nas forças positivas que movem os seres para atingirem a perfeição, sem excluir nenhum. Assim, no plano filosófico, não é de espantar que estas pessoas prefiram filosofias  e abordagens religiosas não dualistas, não extremistas , que veem nos seres um todo uno  e interligado com o divino. Possuidores de uma grande intuição, são também movidos por uma fé inabalável e uma confiança total nas leis cósmicas universais que superam todas as diferenças através da união  e empatia entre todos os seres. Apreciam também as filosofias da Natureza como, por ex., as que são inerentes ao Budismo, que respeitam cada ser como tendo uma dignidade própria e um papel fundamental na criação. Este respeito inato pela vida alarga os seus princípios éticos de modo a abranger os direitos dos animais e os direitos da Terra que habitam. Reconhecem a existência de uma dimensão sagrada na vida e encaram a vida terrena como uma teia em que todos os seres estão interligados pelo mesmo princípio de entreajuda e auxílio mútuo, não dando importância à «hierarquia entre homens e animais» com base nas categorias que o ser humano foi desenvolvendo ao longo da sua história, para justificar, tantas vezes, o seu domínio sobre outros seres e a destruição das cadeias da vida animal e vegetal na Terra , bem como o próprio planeta.  Neste sentido, reconhecem a responsabilidade ética dos seres humanos e o seu dever de auxiliar os animais e toda a vida na Terra a alcançar a realização das suas expetativas de viver bem e sem sofrimento por causa do homem.

O signo Ascendente  Carneiro destes nativos  impele para  a aventura, para o correr riscos e estas pessoas podem viciar-se em viajar, podendo enveredar por uma carreira que permita viver em países estrangeiros e/ou viajar para muitos locais distantes de forma frequente. Podem, neste sentido, tornar-se jornalistas internacionais, especializar-se em direito internacional, conferencistas (religiosos, filosóficos, antropólogos, etc.) Quando falam em público revelam grande eloquência e sabedoria e são ouvidos com respeito pelos outros. Quando estudam teorias filosóficas e religiosas , quando convivem com pessoas de culturas diferentes, estes nativos vão construindo a sua própria compreensão de si mesmos e formando uma identidade que muitos consideram «estrangeirada» porque se afasta da sua cultura de origem ou porque a mentalidade que mostram é demasiado aberta para ser aceite pelos ortodoxos. Curiosamente, o signo Sagitário nesta casa mostra uma preferência pelos valores universais tradicionais e pelas raízes da sabedoria mais antiga mas a apropriação que estas pessoas fazem disso é pessoal, livre e feita de mente aberta, ao mesmo tempo que usam a intuição para «sentir» quando alguma ideia ou crença espelha  «a verdade». Essa verdade não é um dogma, uma «verdade de fé» pura e simples, é fruto de uma experiência interior que lhes mostra, não só com a razão mas também com a intuição, aquilo em que devem «acreditar».

Com o signo Sagitário na 9ª casa, estes nativos podem viajar por motivos de aquisição de saber (não o saber «escolar» mas o saber que se obtém com a ajuda de um «mestre» e que tem natureza prática espiritual, mas também devido ao desejo de alargar os horizontes, de contactar com pessoas que exprimem diferentes facetas do modo de ser humano, para conhecer e experimentar experiências religiosas e metafísicas diferentes da sua; e, finalmente, por diversão, por prazer de explorar novos espaços do mundo e da Natureza. A própria Natureza pode ser vista como uma fonte inesgotável de sabedoria e a observação/ estudo dos seus processos pode ser uma via de compreensão mais profunda dos desígnios divinos e do plano divino para o conjunto do ser. Estas pessoas podem ainda ter uma atividade razoável na área da publicação, tanto de guias espirituais, como obras de reflexão filosófica, antropológica e cultural como , simplesmente, jornalística. Quando escrevem, revelam um excelente sentido de humor.

O signo Sagitário na 9ª casa indica  um pai   que terá funcionado como o «modelo» do sábio para estes nativos: a mente aberta e revelando muitos conhecimentos, instruído, amável, com princípios éticos elevados e dando valor às experiências espirituais. Os professores tendem a ter as mesmas qualidades. Provavelmente o nativo aprendeu o gosto de viajar e de sair dos limites do seu próprio país e cultura através do pai ou de uma figura de autoridade respeitada pela sua sabedoria e superioridade moral.

Os nativos com Sagitário  na 9ª casa tendem a considerar a «verdade» nas suas múltiplas dimensões como o objetivo e propósito orientador da vida mais essencial.

A visão do mundo destas pessoas é magnânima e aberta , aceitando o erro como uma forma de aprender e evoluir, e a aventura, as viagens, a procura do desconhecido  como o modo de vida mais capaz de  ensinar o sentido da vida.

Signo Escorpião na 9ª Casa do Horóscopo

Signo Escorpião na 9ª Casa do Horóscopo capa

A 9ª casa é uma casa trikona   que está relacionada com a sorte e a fortuna, com o pai os valores mais elevados, os estudos superiores, etc. Para ler um breve resumo dos significados da 9ª casa,  veja o artigo aqui.

Para ler um artigo mais desenvolvido sobre os significados da 9ª casa, clique aqui.

Quando o signo Escorpião  está colocado na 9ª casa- o que acontece para o Ascendente Peixes – os nativos apreciam filosofias e ideias ligadas ao esoterismo, sabedoria secreta, ideias que têm por base a exploração profunda das emoções e do erotismo. Encaram a sexualidade como uma via de acesso ao sagrado e ao conhecimento profundo de si mesmos.

Com o signo Escorpião na 9ª casa os nativos sentem atração pela cultura e a religião de outros povos, especialmente aquelas que têm raízes na sabedoria arcana secreta e podem aspirar a alcançar projeção mundial através da escrita sobre esses temas ou através do acesso a sociedades de conhecimento secreto em que procuram atingir posições de relevo e de controlo. Podem também dedicar-se á atividade editorial de divulgação restrita dos conhecimentos secretos. Também podem fundar ou aderir a associações secretas que partilham conhecimento esotérico e manter segredo das suas crenças religiosas e/ou ocultistas. Em alternativa, podem identificar-se com uma visão metafísica do sexo e do erotismo e obter projeção com as suas ideias acerca do conhecimento realizado pela exploração das emoções e da sexualidade e construir uma visão terapêutica do erotismo e da sexualidade, como cura emocional profunda.

Assim, no plano filosófico, não é de espantar que estas pessoas sejam atraídas por todas as filosofias práticas centradas na transformação do ser humano, no desenvolvimento de capacidades que estão apenas latentes e que podem prefigurar o domínio ou o poder sobre alguma dimensão de si próprias e/ou dos outros. Poderão ser adeptas de certas doutrinas que usam a meditação ou exercícios de ativação dos chakras  para se auto transformarem pois o saber , para estas pessoas, só tem sentido se permitir a transformação da identidade pessoal. Também podem apreciar as teorias psicológicas comportamentais que condicionam e mudam as respostas ou comportamentos do indivíduo perante certo tipo de estímulos. Basicamente, para estas pessoas não se trata tanto de «compreender» ao nível da razão, como de transformar o ser que são e permitir-se elevar-se a uma condição que terá que ser superior á do ponto de partida. Daí que só um saber prático que altere ativamente as capacidades do sujeito, lhes interessa. Não querem uma coleção de ideias teóricas acerca do homem, querem aprender a agir sobre ele para se tornarem «divinos».

É sabido que o signo Peixes, colocado no Ascendente destes nativos impele para a transcendência, para se elevar do visível ao invisível e uma forma de conseguir isso é começar por se mudarem a si mesmos. Estas pessoas têm a forte convicção de que a essência do ser humano é divina e estão dispostas a fazer o que é preciso para renascerem nessa forma superior, mesmo que precisem de passar por experiências traumáticas para o conseguirem. E isto pode incluir alguns sacrifícios pessoais.

Assim, os nativos com Ascendente Peixes não estão interessados em conhecer a filosofia mundana, que atua sobre  o homem externo e a sociedade em que este vive. Pretendem, ao contrário, desenvolver o «homem invisível», espiritual e poderoso, divino e situado para além do plano mortal. O desejo de «vencer a morte», expondo-se se for necessário a ela, para testarem a sua imortalidade, pode ser forte para estas pessoas. Mas, em geral, podem focar-se simplesmente na aprendizagem de ensinamentos secretos que fazem deles discípulos de uma ligação ao sagrado que não é  partilhada a não ser entre os «irmãos» que funcionam em circuito secreto em relação ao mundo exterior. E quando esta ligação não existe, talvez o mundo do imaginário e dos sonhos no qual percecionam uma forma especial de acesso ao sagrado  no interior da sua própria religião secular, possa tornar-se um substituto à altura, na medida em que a intuição destas pessoas é fortemente psíquica e capaz de aceder diretamente a muitas verdades espirituais sem que precisem de nenhum intermediário externo para as alcançar.

Com o signo Escorpião  na 9ª casa estes nativos podem viajar por motivos de descoberta interior , exploração de espaços sagrados e a interação com pessoas que detêm saberes espirituais profundos. Conhecer a cultura e a manifestação do sagrado em cada cultura é uma razão suficientemente motivadora para viajar para espaços longínquos embora, ao mesmo tempo, estas pessoas possam sentir-se muito isoladas quando isso acontece. Mas tal experiência de se encontrarem «sós» pode ser, simultaneamente, um fator catalisador da sua transformação pessoal.

O signo Escorpião na 9ª casa indica  um pai  com quem existem em geral conflitos e dificuldades de comunicação. O pai pode ter manifestado sentimentos e ideias contraditórias em relação ao nativo e ao conceito de «verdade». O nativo pode deste modo ter adquirido atitudes de ressentimento, explícitas ou subconscientes e tem dificuldade em aceitar a autoridade em matérias de orientação espiritual e moral. Pode também ter receio de enfrentar os aspetos emocionais recalcados  e preferir por ex., seguir um caminho diferente daquele que o pai representa como guia e orientador do desenvolvimento pessoal: em vez da religião tradicional e das crenças do pai, pode aceitar um modelo diferente de orientação, embora, depois de este estar aceite, o nativo tenha grande dificuldade em aceitar críticas e ele próprio não põe em questão aquilo em que acredita. Os nativos com o signo Escorpião na 9ª casa tendem, na verdade, a assumir como verdades definitivas as crenças em que acreditam. Por isso procuram em geral um saber reconhecido como «intemporal».

A visão do mundo destes nativos é essencialmente metafísica e orientada para a procura dos fundamentos escondidos da realidade. Procuram o invisível, mais do que o visível e acreditam na identidade como um processo que está em transformação até o nativo atingir a  perfeição, ou seja, acreditam na mudança como um meio necessário para alcançar um fim que é visto como imutável, divino e absoluto e no qual o homem tem o lugar central,  como um ser que se eleva até ao divino. Mas , chegando a esse ponto, a transformação cessa e fica apenas, na sua ótica, a perfeição que produz a felicidade. (paraíso).

Signo Balança na 9ª Casa do Horóscopo

signo balança 9ª casa capa

A 9ª casa é uma casa trikona   que está relacionada com a sorte e a fortuna, com o pai os valores mais elevados, os estudos superiores, etc. Para ler um breve resumo dos significados da 9ª casa,  veja o artigo aqui.

Para ler um artigo mais desenvolvido sobre os significados da 9ª casa, clique aqui.

Quando o signo Balança está colocado na 9ª casa- o que acontece para o Ascendente Aquário – os nativos apreciam filosofias e ideias que reconhecem a justiça e equanimidade como valores fundamentais. Estas pessoas acreditam na cooperação e nos acordos como a melhor forma de dirimir as diferenças e defender os interesses de todos.

Com o signo Balança na 9ª casa os nativos apreciam a harmonia e o refinamento dos valores e da cultura, da racionalidade e do diálogo como as formas mais corretas de viver. São excelentes argumentadores e têm elevadas capacidades de raciocínio mas, ao invés de tentar impor as suas ideias aos outros acreditam que elas podem coexistir e aceitar diferentes pontos de vista. Pensam igualmente que estão mais próximos da verdade os que dialogam e chegam a acordo do que uma só pessoa a pensar por si mesma. Na religião defendem a igualdade de todas as crenças e gostam mesmo de se colocar no lugar dos outros para melhor poderem aferir os seus pontos de vista. Acreditam na liberdade de religião ou no direito a não ter qualquer religião nem impor a sua posição aos outros.

Quanto às ideias filosóficas, estes nativos preferem uma filosofia com elevado caráter estético, dando por vezes mais importância ao equilíbrio e harmonia das suas teses do que propriamente à substância do que é defendido. Estas pessoas acreditam que a beleza, a harmonia, a justiça são pilares fundamentais dos valores e da verdade e que cada modo de vida deve exprimir essa harmonia.  Apreciadores da beleza e da dimensão estética da realidade, podem privilegiar esta área da Filosofia, bem como a Ética na sua vertente prática. São excelentes negociadores e intermediários e usam muitas vezes a sua sabedoria para  evitar conflitos de qualquer espécie. As suas qualidades humanas e o apreço que sentem pela concórdia pode fazer deles excelentes diplomatas, apreciadores de outras culturas e estudiosos de outros valores e modos de ser. Têm a virtude de evitar os extremismos e acreditam na via do diálogo para resolver todas as diferenças, tanto entre os indivíduos como entre os Estados.

Esta opção pelos valores e pelo diálogo  e a defesa da justiça como pilar da sociedade humana leva estas pessoas a assumir, muitas vezes, uma profissão como juiz ou advogado e podem tornar-se conhecidos pela intervenção na defesa das ideias religiosas e culturais de grupos estrangeiros que são oprimidos pela cultura e sociedade dominante. Podem defender , do mesmo modo, os direitos dos imigrantes e especializar-se em direito internacional.

Com o signo Balança  na 9ª casa, estes nativos podem viajar bastante por razões profissionais, tanto ao serviço da diplomacia do seu país como na atividade de advogados dos direitos humanos ao serviço de minorias ou partes desprotegidas da sociedade . Gostam também de estudar os valores culturais e as leis dos vários países e podem aplicar esse conhecimento ao serviço da defesa de quem precisa de ver reconhecidos os seus direitos como cidadão e como membro da comunidade humana e dos valores internacionalmente reconhecidos a cada ser humano.

O signo Balança na 9ª casa indica  um pai  que é amável e refinado, apreciador da beleza e da Arte e, provavelmente, bastante instruído, dando ao nativo uma educação humanista defensora da dignidade humana e amante da concórdia  e da paz. o nativo aprende desde cedo que a cooperação e o diálogo são as formas socialmente aceitáveis de resolver os conflitos e também aprende a importância do respeito pela palavra dada , tanto oral como escrita nos contratos e acordos.

Estes nativos são orientados por valores  de respeito pela justiça e valorizam a paz e a harmonia. São também amantes de tudo o que é belo e gostam de moda, de arte, de música , literatura e poesia. Acreditam mais na lei do que na religião e são otimistas em relação à capacidade que os seres humanos têm de serem bondosos, leais e justos. Dão bons advogados e juízes, bons professores, mas também bons gestores da área financeira, sendo corretos ao lidar com o dinheiro dos outros.

A visão do mundo destes nativos é essencialmente estética e orientada pela crença de que a justiça estabelece a coesão na sociedade. Estas pessoas acreditam que o mundo é como nós queremos que ele seja e que o esforço de cada um para estabelecer acordos e seguir o espírito de compromisso é de grande valor para todos os envolvidos . Alguns  podem ser menos filosóficos e simplesmente acreditar que um (a) bom (boa) parceiro (a) é tudo o que precisamos para ser felizes na vida  O tato e a diplomacia fazem o resto nas relações sociais.  Parecem acreditar que, desde que sejamos justos , os outros também o serão.

Signo Virgem na 9ª Casa do Horóscopo

signo Virgem na 9ª Casa do horóscopo capa

A 9ª casa é uma casa trikona   que está relacionada com a sorte e a fortuna, com o pai os valores mais elevados, os estudos superiores, etc. Para ler um breve resumo dos significados da 9ª casa,  veja o artigo aqui.

Para ler um artigo mais desenvolvido sobre os significados da 9ª casa, clique aqui.

Quando o signo Virgem   está colocado na 9ª casa- o que acontece para o Ascendente Capricórnio – os nativos privilegiam o aperfeiçoamento constante como orientador das suas vidas. Mas não um aperfeiçoamento metafísico, preferindo situar-se nos limites da vida social e profissional e na prestação de serviço  que também lhes permita encontrar uma matriz de segurança  para as suas vidas. .

Com o signo Virgem na 9ª casa os nativos valorizam as ideias e crenças que têm utilidade prática. Assim, provavelmente simpatizam mais com correntes filosóficas do tipo ético prático do que com as que se situam no plano abstrato ou meramente racional. Para estas pessoas, o valor das ideias mede-se pela eficiência que trazem á ação e  pela capacidade que têm de organizar o mundo  de forma a torná-lo habitável por seres que vivem no mundo terreno e têm que enfrentar diariamente problemas e conflitos  com os outros. Deste modo, preferem as filosofias éticas que defendem o bem de todos mas não prescindem da valorização e salvaguarda dos direitos (e deveres) individuais. Preferem as éticas que se estendem ao plano da organização social e do poder político pois acreditam que as leis são a forma mais eficiente de controlar as lutas sociais, a competição, a  e os conflitos entre os seres humanos. Para estes nativos a vida é um cenário de luta, competição e conflito de interesses e, por essa razão, a sociedade tem que se organizar através de estruturas que salvaguardem os direitos de todos e assegurem que cada um possa, com o próprio esforço, elevar-se acima dos outros por mérito próprio sem ser penalizado nem prejudicado.

Quanto às ideias filosóficas, estes nativos preferem as ideias práticas, ligadas ao viver real e concreto dos seres humanos na sociedade. Assim, estabelecem o pensamento ético-político de vertente prática como a filosofia mais importante embora também possa interessar-se pela filosofia epistemológica que estuda o conhecimento da Natureza de forma objetiva e prática. Não simpatiza, entretanto, com as correntes utilitaristas clássicas que desprezam os interesses individuais em prol dos interesses da maioria. Assim, pode-se dizer que são «egoístas éticos» no sentido em que não rejeitam o serviço para a comunidade mas fazem-no em nome do direito de receberem benefícios desta e de poderem elevar-se até onde o seu mérito lhes permitir chegar salvaguardando a proteção dos seus bens e da sua vida.  Na religião, são tradicionalistas, considerando a religião como uma dimensão de controlo moral da sociedade e de aprendizagem das normas morais vigentes. Podem não ter uma verdadeira devoção ou convicção religiosa mas mantêm a tradição por considerar que a sociedade e os seus costumes devem ser estáveis e a religião ajuda a alcançar esse objetivo. A religião, com os seus castigos e recompensas, também está de acordo com a sua forma de pensar pois, sendo perfecionistas e defensores do mérito individual, estes  nativos gostam de pensar que os que agem de forma reta e de acordo com as regras devem ser recompensados e os que as desrespeitam devem ser punidos. Ora, as religiões tradicionais, na sua maioria, têm exatamente este padrão. Não é por acaso que o «juízo final» ou julgamento das almas é um fator que se repete em tantas religiões, desde a antiguidade.

Com Virgem na 9ª casa, estes nativos mais do que pensar em viajar por prazer, podem encarar isso como um serviço de ajuda a outros seres ou países: seja na área da saúde para ajudar a combater epidemias e outras doenças, seja para ajudar a limpar áreas poluídas, seja para apontar os erros de gestão e administração que outros países fazem em várias áreas da vida humana ou mesmo apontar «razões» ao nível da ética ou do modo de vida para as doenças que afetam esses países. Em suma, estes nativos não são dos que  mais amam outras culturas e modos de viver, tendendo a exprimir pontos de vista etnocêntricos e a considerar  que o estilo de vida da sua sociedade é superior ao dos outros.  Porém, os que se dedicam à medicina e estudo das epidemias e doenças causadas pela poluição e outras causas ambientais podem fazer um excelente trabalho ao investigarem os agentes patogénicos dessas doenças e, desse modo, ajudarem também esses países.

O signo Virgem na 9ª casa indica  um pai inteligente e provavelmente bastante instruído, que ensinou padrões de  perfecionismo ao nativo. Pode ter sido bastante crítico, apontando todas as falhas  e exigindo sempre o máximo de esforço deste, o que o levou a considerar que tudo na vida- incluindo o amor- depende do mérito e do esforço, estando sempre condicionado ao «merecimento». O rigor intelectual e a atenção aos pormenores tornou-se assim desde cedo uma regra a seguir sem exceção, gerando porventura algum ressentimento também, mais ou menos consciente.  Com o tempo, estas pessoas desenvolveram a crença de que «nada se consegue sem trabalho», mesmo o amor de outros.

Os nativos com Virgem na 9ª casa podem ter uma carreira na área da comunicação e do jornalismo na qual podem exprimir pontos de vista  que revelam uma visão dualista dos valores e dos comportamentos, perfecionista e crítica, sobretudo em relação a religiões de caráter místico ou muito «filosófico», baseadas no «amor», na imagem de bondade do ser humano, etc..Também podem desenvolver uma carreira ligada ao uso das mãos- tanto a mão do cirurgião como a mão do artesão. Seja qual for a sua escolha, têm em geral sempre pronta a ideia de que há o bem e o mal e não há meio termo entre ambos.

A visão do mundo dos nativos com Ascendente Capricórnio pode ser algo cínica quando, na verdade, apenas acreditam na eficácia dos meios para organizar a vida em sociedade e rejeitam valores «espirituais» que consideram pura invenção e fantasia. Ou, em alguns casos mais raros, podem ser ascetas à procura de encontrar Deus na pureza total do modo de vida e renúncia aos bens e privilégios terrenos. No geral, a maioria contenta-se em sentir satisfação por  ir vencendo as lutas do quotidiano e levar a melhor sobre os opositores e competidores, com vista a alcançar os maiores privilégios mundanos de estatuto e riqueza. E felicitar-se por, através de tudo o que conseguem, ainda contribuírem com uma parte do seu próprio esforço, para melhorar a vida de muitos que, na sua opinião, nada fazem para o merecer.

Signo Leão na 9ª Casa do Horóscopo

signo Leão na 9ª casa do horóscopo capa

A 9ª casa é uma casa trikona   que está relacionada com a sorte e a fortuna, com o pai os valores mais elevados, os estudos superiores, etc. Para ler um breve resumo dos significados da 9ª casa,  veja o artigo aqui.

Para ler um artigo mais desenvolvido sobre os significados da 9ª casa, clique aqui.

Quando o signo Leão   está colocado na 9ª casa- o que acontece para o Ascendente Sagitário – os nativos possuem um forte sentido de propósito. São autoconfiantes e amantes do saber. São também autodidatas, fazendo da procura do saber mais elevado o seu propósito de vida e a base das suas crenças. Mais do que acreditarem cegamente em filosofias, crenças religiosas ou metafísicas, precisam da confirmação pessoal para as adotarem como suas. O conhecimento de si próprios é um dos objetivos fundamentais da sua vida e do seu destino.

Com o signo Leão na 9ª casa os nativos valorizam mais o processo de aprender e de se elevarem espiritualmente do que a mera coleção das ideias  de outros. O pai ou uma figura de autoridade pode ter sido o modelo fundamental dos seus valores no início do seu desenvolvimento mas, á medida que iam crescendo, estas pessoas desenvolveram provavelmente comportamentos de rebeldia em relação a todas as ideias ou crenças que o pai ou outras figuras de autoridade (incluindo professores, padres, etc.,) quiseram impor-lhes.  Apenas aceitam as ideias que elas próprias descobrem na sua procura de conhecimento e compreensão da realidade. As viagens e o estudo em países estrangeiros podem ter sido e ser uma fonte de aprendizagem, o mesmo acontecendo com filosofias e outros saberes oriundos de culturas diferentes. A sua própria experiência é o fator mais importante de comprovação da «verdade» em que acreditam.

Quanto às ideias filosóficas, estes nativos privilegiam as que buscam a união entre os opostos- material /espiritual; humano/divino; natureza/espírito etc. Sentem também a necessidade de passar o seu saber a outros, «iluminando-os» com a sabedoria que obtêm por intuição. Estas pessoas escolhem valores nobres e de caráter espiritual e podem sentir que são canais de verdadeira sabedoria  para os outros. É claro que, quando o seu desenvolvimento espiritual não é muito grande, podem ser muito convencidas e arrogantes, acreditando que o seu saber é superior ao de todos os outros, confundindo conhecimento teórico com a verdadeira sabedoria e inteligência aguçada com a expressão de verdades absolutas.

Com Leão na 9ª casa, estes nativos não gostam de viajar «de mochila às costas», precisando de levar consigo muitos dos objetos de conforto de que desfrutam em casa. Embora apreciem a Natureza, dificilmente se sentem bem a pernoitar no campo dentro de uma tenda. Um «resort» com todas as mordomias é bastante mais apreciado…Assim, adoram viajar mas recebendo tratamento «Vip», tanto no meio de transporte como na hospedagem. E com bastantes pessoas dispostas a acudir a todos os pedidos.

O signo Leão na 9ª casa indica forte influência  do pai ou de uma figura de autoridade que o nativo admira (pelo saber, pelos valores e pelo caráter). Mas, mais do que influenciar aquilo que o nativo sabe ou a que dá valor, essa figura serviu/serve ao longo da vida como modelo da sua própria construção do «eu». É a matriz do seu «eu ideal» tanto da pessoa que o nativo quer ser como daquilo em que acredita.  E esse modelo de individualidade ou de «pessoa» acompanha-o ao longo da vida, mesmo quando, por vezes, a  relação com o pai não foi isenta  de conflito. De alguma forma, essa figura de autoridade orienta a consciência de «missão» que estes nativos têm da vida.

No que se refere às ideias e crenças destas pessoas, estas surgem através do seu próprio processo mental como criações suas, tendo por isso um forte cunho individual. Há tendência para rejeitar os valores familiares adquiridos no processo de educação em nome do direito a criar os próprios valores e, nas famílias tradicionais, pode haver muita rebeldia durante o crescimento, devida à recusa em aceitar ideias impostas pela família. e/ou autoridades religiosas, etc. Quando Sol atua na natividade com os seus princípios mais elevados, apesar da tendência para acreditar que as suas ideias são sempre melhores do que as dos outros, não tentarão, apesar disso, impô-las a ninguém, mantendo uma humildade que é a atitude da verdadeira sabedoria. Mas, se o Sol atuar a um nível menos elevado, pode ser difícil conviver com a disposição  de «eu sei tudo» que estas pessoas facilmente adotam, mostrando grande dificuldade em aceitar ideias diferentes das suas ;homens e mulheres identificam-se com a polaridade masculina da energia solar e  gostam de se assumir como autoridades no plano moral e do saber. E, cientes do seu valor como «canais de sabedoria», adoram que as suas ideias sejam seguidas.

A visão do mundo dos nativos  com Ascendente Sagitário espelha os seus valores, criatividade e «inspiração» e é em geral diferente das conceções convencionais. Gostam de se inspirar nas ideias de grandes figuras da filosofia e da religião ou do mundo espiritual e defendem valores de compaixão e união do todos os seres, quando o sol atua de forma mais elevada. Se assim não for, as suas crenças seguem mais critérios estéticos ou de ligação ao culto da personalidade do que os valores arcanos da espiritualidade.

Quando o signo Leão está colocado na 9 ª casa a relação com o pai é muitas vezes pautada pelo choque de personalidades. O pai pode ser alguém criativo, ambicioso e bem-sucedido, mas com pouco tempo para uma relação de grande profundidade com o nativo. Este aprende mais pela observação do comportamento do pai do que pela interação de proximidade com este.

Quando o signo Leão está colocado na 9ª casa as crenças  podem ser originais e fora do que é convencional no meio de origem, com o nativo a destacar-se pelo seu pensamento original e pessoal. Quando se enraízam  tendem a manter-se ao longo da vida.